A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

08/06/2012 08:47

É grave estado de saúde de motorista de carro que derrubou poste na Afonso Pena

Luciana Brazil
Equipamentos de som foram lançados para fora do carro no momento do acidente. (Foto:Simão Nogueira)Equipamentos de som foram lançados para fora do carro no momento do acidente. (Foto:Simão Nogueira)

É grave o estado de saúde do estudante de direito Luiz Henrique Mafissoni Pinha, 23 anos, que dirigia a camionete que capotou, nesta manhã, após derrubar um poste, na avenida Afonso Pena, em frente à cidade do Natal, em Campo Grande.

Veja Mais
Condutor fica ferido após caminhonete derrubar poste e capotar
Motociclista bate em muro de loja ao tentar ultrapassar veículo no Centro

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima teve traumatismo craniano, traumatismo torácico e facial. “Ele foi estabilizado ao chegar à Santa Casa. O estado é grave, mas é estável”, disse o aluno-sargento Rodrigo Ferreira Campos, que realizou o atendimento a vítima.

O poste de iluminação que foi derrubado com a violência do acidente continua caído no local, além da caminhonete. A Enersul (Empresa de Energia Elétrica de Mato Grosso do Sul), que fará a retirada do poste, já foi acionada.

Até o momento um trecho da avenida Afonso Pena, no sentido Parque dos Poderes – Centro, continua interditado. A Ciptran (Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito) está no local organizando o trânsito. Os motoristas estão desviando pela contramão.

Amigos da vítima foram, há pouco, até o local para recolher equipamentos de som, que estavam no veículo e que foram lançados para fora do carro no momento do acidente. Segundo um amigo de Luiz Henrique, que preferiu não se identificar, os equipamentos são caros e a vítima gastou mais de R$ 2,5 mil para instalá-los na caminhonete.

Logo após o acidente, a mãe da vítima passou pelo local e seguiu para Santa Casa. No hospital, abalada, ela preferiu não dar muitos detalhes da situação, mas disse que a família mora a três quadras do local do acidente. "Ele estava indo para casa".

As primeiras informações diziam que Luiz Henrique estaria, ou na casa de um tio, em um condomínio na Afonso Pena, ou ainda em um quiosque de lanches também na Afonso Pena, onde teria consumido bebida alcoólica. Segundo a mãe da vítima, os familiares da família não moram na cidade.




Pessoal, não julguem para não serem julgados PENSEM na mãe dele ela deve ta sofrendo horrores...a dor dessa mãe jamais sera cicatrizada....
Perdoem, saibam serem mais amaveis e vamos orar pra ele ter Paz...e vamso crer que ele esta com Jesus na glória.
obrigada
senti no coração de dizer aos que estão julgando o rapaz....se ponham no lugar.
 
Lindaura do Carmo em 09/06/2012 10:21:17
A noite nos finais de semana ja nem saio com minha familia, porque ja escapamos de alguns acidêntes, na Afonso Pena mesmo...parecia formula I, eu não identifiquei os carros, somento o barulho...Loucura!!..........
 
daniela dias em 09/06/2012 01:37:27
Só pode ter dormido no volante. Ninguém perde o controle da direção na reta.
 
Paulo Sabirila em 08/06/2012 12:58:31
Ainda bem que esse infortunado só causou danos a si prórpio. Não envolveu tragicamente outras pessoas. Mas é reincidente em transgredir as leis de transito. E, pelo visto, deveria estar muito doido, ouvindo o potente som de seu carro. Isso é um absurdo.Cadê a fiscalização de nosso transito? Ele é de familia de Sãp Gabriel do Oeste, pq não vai fazer essa bagunça e sua cidade?
 
álvaro roberto em 08/06/2012 11:20:15
A culpa é da fiscalização, Bernardo???? A culpa é desses irresponsáveis que não tem amor a vida e saem bêbados ou acima da velocidade permitida!
 
Lucas Moura em 08/06/2012 11:18:31
Daqui a pouco vai aparecer um advogado daqueles dizendo que o motorista desviou de capivaras... Vai vendo!
 
Luiz Azevedo em 08/06/2012 11:14:55
Novamente fica meu protesto para esses condutores, que faz o veículo uma arma perigosa.
 
aparecida da silva em 08/06/2012 11:14:46
Puxa, os estudantes de direito estao tomando a frente das ocorrencias nesta capital e sinal que estao botando a carroca na frente dos bois, ou seja primeiro os crimes depois aprendem a se defender????????
 
homeron nunes roche em 08/06/2012 11:08:08
Logo aparecerá aquele profissional defensor dos incautos e oprimidos e dirá que o culpado é a empresa de energia elétrica, por não ter colocado no local um poste adequado. Causando com isso o problema de ao tentar parar o veículo que se apresentou com falhas nos freios, teve que usar tal poste. Porém ao quebrar-se, o dito cujo causou um problema de saúde grave ao cliente, nesse caso. kkkkk
 
Madalena Arre Pendid em 08/06/2012 11:06:44
Ele tem que pagar esse poste, mais um inconsequente que sai por ai fazendo besteira no volante, a sorte é que esse se estrupido sozinho e não levou nenhum inocente junto...
Pelo menos com esse acidente a cidade fica com um trânsito mais seguro e mais silenciosa afinal quem gasta 2,5$ em som... sempre incomoda os outros com músicas de quinta categoria..
Seleção natural agindo novamente.
 
Roberto Inzagaki em 08/06/2012 10:50:11
Esse povo que fica fazendo certos comentários maliciosos, não tem o que fazer!! Porque nao vão cuidar da vida de vocês!! Porque nao pensam na hora de falar, temos que ter respeito com a família!!
 
Wilson concha em 08/06/2012 10:49:26
Será que nesta cidade só tem gente pra julgar e não se preocupa com vidas. Graças à Deus ele não feriu ninguém. Agora só resta orar para que ele saia dessa ileso e olhe para a misericórdia de Deus. O IPVA paga o poste. Os danos nas suspenção dos carros e motos por causa dos buracos das ruas nós pagamos também. Luiz, que você possa reconhecer o amor de Deus e sua misericórdia.
 
Márcio Patrocinio em 08/06/2012 10:49:15
Parabéns à familia que deu este presente. Afonso Pena virou área de bagunceiros.
 
Emersom Floriano em 08/06/2012 10:48:45
Mais um estudando de direito fazendo absurdos no transito de Campo Grande?! Esse povo tá achando que é Deus??? Ainda bem que não morreu ninguém dessa vez.
 
Ana Cristina Ferreira em 08/06/2012 10:40:41
Outro Estudante de Direito ??? mais assim nós vamos ficar bem servidos de Advogados hein.. e ainda ta cheio de carro na cidade com o adesivo com a seguinte. frase.." Sem advogado, não há justiça" me desculpe os Verdadeiros Advogados. mais infelismente esses jovens estão denegrindo a imagem geral de Voces.
 
Everton Bastos em 08/06/2012 10:33:02
Apesar da gravidade do acidente, e deve ter tido uma irresponsabilidade na conduta do veículo, espero que o rapaz melhore e saia com vida da situação.
 
Leticia Nogueira em 08/06/2012 10:32:01
Caro colega Alexandre Soares, o que está em jogo agora é a vida deste rapaz... mesmo que ele estava errado ou não, a priore é o seu bem estar... a vida é bem mais valiosa do que qualquer bem material. Estamos torcendo para que dê tudo ocorra bem e ele saia dessa.
 
Leydiane F. Oliveira em 08/06/2012 10:30:22
Outro estudante de Direito...
 
Angela Maria Silva em 08/06/2012 10:28:44
ow cara tah mau no hospital eh vem esse babaca fala de poste......
 
emerson almeida em 08/06/2012 10:03:52
Na quarta feira, por volta das 3.00 hrs da manhã, eu estava voltando de uma festa de aniversário, qdo de repente, na av, Afonso Pena, passaram por mim, um golf e um gol, tirando racha, a mais ou menos uns 120 a 130 kmh. Cade a fiscalização, que deveria ser intensa em vesperas e feriado e finais de semana. Infelizmente vai continuar morrendo pessoas, enquanto a Ciptran não fizer h.extras .
 
Bernardo Cavalcante Filho em 08/06/2012 09:50:33
Este tipo de acidente estava mais do que anunciado... Há muito tempo é possível ver caminhonetes, exatamente nesta avenida, em velocidade incompatível com a segurança da via. A soma: velocidade, peso do veiculo e irresponsabilidade do motorista, resulta em acidentes como este. Inadmissível ver jovens inconseqüentes armadas com veículos como este. Hj foi um poste, mas poderia ter sido família.
 
José Carlos Ribeiro em 08/06/2012 09:46:08
mais um adolecente bebado, e ainda aluno de direito desrespeitando o as leis de transito grças a Deus que não bateu e nem matou ninguem.
 
silvana baroni em 08/06/2012 09:39:23
Será que além de multa por excesso de velocidade, ele também vai pagar o poste de iluminação?.....É fácil destriur, quero ver consertar.
 
Alexandre Soares em 08/06/2012 09:16:33
Tadinho. Decerto tinha madrugado, feito o quebra-torto com arroz branco e ovo, e estava indo carpir algumas hectares de braquiária nessa manhã fria, quando não mais que de repente um quati sem noção foi atravessar a A.P.. Ele não teve jeito se não tentar desviar e nessa hora um poste (verdadeiro obstáculo) NÃO PERMITIU que tivesse sucesso. Tadinho. Atropelando o quati, somente o IBAMA multaria.
 
Madalena Arre Pendid em 08/06/2012 02:50:48
Não concordo com o Homeron, sou acadêmica de direito, nunca fiz uma besteira no trânsito, o que acontece que as pessoas são irresponsáveis... não são os acadêmicos de direito.
Motoristas são motoristas e não acadêmicos... mas infelizmente os acadêmicos de direito é que estão se envolvendo nessas loucuras...
A faculdade ensina, mas a educação vem mesmo é de casa.
 
Margarida Rodrigues em 08/06/2012 02:38:55
Agora os pais vão se perguntar onde erraram... Provavelmente dinheiro de mais e obrigação de menos... Não sei porque ter dó do cara. O carro é como se fosse uma arma e ele poderia ter matado outra pessoa. Se sair ileso, provavelmente daqui um tempo vai fazer de novo outra dessa. É essa leniência com esse tipo de gente que perpetua essa tipo de coisa que se faz no trânsito.
 
Leandro Galvão em 08/06/2012 01:39:00
Forca meu amigo,Deus vai te abencoar vc vai sair desta...
 
iro rodrigues em 08/06/2012 01:02:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions