A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

21/02/2014 07:38

Em ação da PM, alunos fazem panfletagem para conscientizar motoristas

Aliny Mary Dias e Viviane Olveira
Crianças falam com motoristas sobre as regras de trânsito (Foto: Viviane Oliveira)Crianças falam com motoristas sobre as regras de trânsito (Foto: Viviane Oliveira)

Para melhorar as atitudes de motoristas no trânsito, principalmente ao redor de escolas, o BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito) promove a campanha de Volta às Aulas. O local escolhido para as ações da manhã desta sexta-feira (21) é a Avenida Mato Grosso, em frente ao colégio Dom Bosco.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

Além da presença de policiais, alunos do ensino fundamental participam da ação. O objetivo, segundo o comandante geral do BPTran, tenente-coronel Jonildo Theodoro de Oliveira, é chamar a atenção dos motoristas e pais.

“A participação das crianças é importante porque os alunos se tornam multiplicadores para chamar a atenção dos motoristas e reforçar as regras de trânsito”, explica.

A campanha é uma iniciativa da coordenação educacional do batalhão, mas as ações educativas ocorrem desde o início do ano letivo. A ação específica na Avenida Mato Grosso vai até a próxima quarta-feira, mas os trabalhos continuam no decorrer do ano.

O comandante da PM, coronel Carlos Alberto David dos Santos, também esteve na ação e fala sobre a presença das crianças. “Essas campanhas que a PM faz com apoio das escolas é para quebrar a imagem de uma fiscalização severa. A PM e o BPTran lutam por um trânsito mais seguro”, explica.

Para o professor de História, Edgar Pinheiro, campanhas como essa sempre são bem-vindas e já surtem efeito. “As pessoas têm melhorado muito, principalmente em relação às faixas de pedestres”, afirma.

A comerciante Enilda da Silva, de 43 anos, e mãe de um estudante de 11 anos, afirma que os trabalhos ajudam na educação das crianças. “É bom educar a criança para que no futuro seja um bom motorista. Eu procuro não fazer nada errado no trânsito, para que meu filho não tenha mau exemplo dentro de casa”, diz.

Além de panfletos educativos, as crianças também falam sobre o trânsito com os motoristas. Laís Almeida Ferreira, de 8 anos, é uma das alunas que participam do ato. Sobre as regras, ela tem tudo na ponta da língua. “Não pode parar em fila dupla, não pode estacionar em vaga de idoso e não pode parar em faixa de pedestre”.




Cade o MP da infância e juventude que não vê essa campanha um perigo, crianças no meio das ruas de Campo Grande, mais uma vez a PM se mostra irresponsável neste tipo de atitude.
 
João dos Reis em 21/02/2014 12:14:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions