A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

18/04/2014 07:31

Jovem de 22 anos morre ao colidir moto com árvore no Monte Castelo

Viviane Oliveira e Aliny Mary Dias
O motociclista morreu no local do acidente. (Foto: Simão Nogueira) O motociclista morreu no local do acidente. (Foto: Simão Nogueira)

O motociclista Rafael Caldeira, 22 anos, morreu ao colidir a moto que conduzia por em uma árvore por volta das 5h da manha desta sexta-feira (18), na Rua do Rosário com a Doutor Meireles, no bairro Monte Castelo, em Campo Grande.

Veja Mais
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
Carro capota após colisão no cruzamento da Bahia com a Barão do Rio Branco

De acordo com a Polícia de Trânsito, a vítima pilotava um moto Honda 150, de cor vermelha, pela Rua do Rosário, quando perdeu o controle depois de fazer uma curva e bateu em uma árvore.

O rapaz chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência), mas não resistiu aos ferimentos e morreu ainda na viatura de socorro.

Conforme o BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito), nas últimas 24h, das 8h de ontem às 8h de hoje, foram 22 acidentes de trânsito, sendo 17 com vítimas e um com morte.

Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



Se tivesse correndo em velocidade compatível com o lugar estaria vivo. Esse é um dos sérios problemas dos motoqueiros e de parte dos motoristas, querem andar igual a doido na cidade, sem respeitar as regras do trânsito. Querem apenas chegarem, não importando como se conduzem no tráfego, e o resultado é esse aí, infelizmente. A frequência de mortes em Campo Grande, vai dos 16 a 25 anos. É uma rapaziada sem nenhuma responsabilidade atrás de um volante, para piorar,bêbados, sem CNH ou com CNH mas bêbados que não faz nenhuma diferença e os motoqueiros malucos por toda parte da cidade. Faço ressalva a motociclistas (aquele indivíduo responsável) trabalhador que usa desse meio de transporte para trabalhar.O resto é uma molecada irresponsável procurando se matar e tirar a vida de outras pessoas.
 
JOÃO ALVES DE SOUZA em 18/04/2014 19:37:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions