A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

11/09/2011 07:25

Jovem morre ao bater motocicleta em carreta estacionada na Tamandaré

Nadyenka Castro

Rapaz conduzia Honda CG 150 mesmo sem ter Carteira Nacional de Habilitação

Um jovem morreu por volta das 23h30 deste domingo em acidente ocorrido na avenida Tamandaré, em Campo Grande, nas proximidades da UCDB (Universidade Católica Dom Bosco).

De acordo com a Ciptran (Companhia Independente de Polícia de Trânsito), Erismar Santana de Matos, 21 anos, bateu a motocicleta Honda CG 150 que conduzia em uma carreta estacionada.

Conforme a Ciptran, ele estava sozinho na moto e não tinha CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Este foi um dos três acidentes de trânsito ocorridos na avenida Tamandaré entre a noite de sábado e a madrugada deste domingo. Os outros dois não deixaram vítimas em estado grave.

Conforme a última estatística divulgada pelo Detran, em julho deste ano foram três 10 acidentes com condutores sem CNH. Destes 10, sete deixaram vítimas.

Motociclista que seguia no acostamento escapa por pouco de acidente
O flagrante na BR-163 foi enviado por uma leitora através do canal Direto das Ruas. A TV News esteve no local e constatou diversas irregularidades....
Adolescente que colidiu em caminhão estava com moto irregular
Rapaz de 16 anos ficou ferido ao furar um sinal vermelho e bater em um caminhão na manhã desta terça-feira....



Só para conhecimento, principalmente para o leitor CARLOS DAMASCENO, as leis vigentes em nosso pais, infelizmente permitem que até uma criança recém nascida tenha propriedades em seu nome. Até mesmo um veiculo automotor pode ser registrado em nome de qualquer pessoa, independente de idade ou condição para habilitação do veículo. Propriedade e condução veicular são matérias que infelizmente independem uma da outra. Penso que até mesmo um bom seguro de vida em favor de terceiros deveria ser exigido de quem dirige, mas isso já é outra história.
 
Fernando Silva em 13/09/2011 03:27:59
Novamente o placar da vida volta a estaca zero. Outro dia tive o desprazer de ouvir da boca de um mal e ignorante cidadão/condutor de veículo, comentários irônicos a respeito do placar da vida. O "infeliz" relacionava o fato de o placar da vida ser constantemente zerado com a provável incompetência dos órgãos responsáveis pela fiscalização de trânsito. Na opinião dele as mortes ocorrem por nossa culpa. Tenho dó desse tipo de gente. Infelizmente, ainda que as autoridades de trânsito colocassem um agente fiscalizador em cada esquina, em cada quilômetro das rodovias e estradas, mesmo que nossas vias públicas fossem perfeitamente iluminadas e sinalizadas. Mesmo que o asfalto fosse um tapete lisinho, lisinho e o valor das multas fosse triplicado, ainda assim, com gente igual a esse infeliz, por mais que façamos em defesa da vida, acidentes e mortes continuariam ocorrendo. Infelizmente esses cidadãos infratores, se é que tais pessoas podem ser chamadas de cidadãos, a muito perderam o respeito e o amor próprio, e se não se respeitam e nem se amam a si mesmos, muito menos valor haverão de dar a vida de seus semelhantes. Infelizmente penso que para os adultos de hoje só o que resolve - ou minimiza - é uma aplicação rigorosa da lei. E para os condutores do futuro, nossa crianças, continuarmos o que muito bem já tem sido feito, investimento maciço em ações educativas. Talvez no futuro não tenhamos que ouvir cosia absurdas como disse esse meu interlocutor. Quanto a mim, acredito, preciso - precisamos todos acreditar - na possibilidade de um trânsito mais seguro, mais harmônico e feliz. QUE DEUS PAI NOS AJUDE, ABENÇOE E PROTEJA.

Fernando - (Policial Militar Rodoviário e Educador de Trânsito)
 
Fernando Silva em 11/09/2011 11:50:58
Os números da estatística de acidentes envolvendo condutores sem CNH só reforça a necessidade de mais blitzes, mais fiscalização e mais punição a estes indivíduos...
 
Wellington Sampaio em 11/09/2011 09:10:51
Mais um provocando acidente,...sem CNH, provavelmente em alta velocidade. Eu sinceramente não entendo... esses jovens (não digo todos, pois há muitos jovens, muito responsáveis)... tem dinheiro para comprar drogas, ir a baladas, gastar com garotas de programa, viajar,...encher a cara de cachaça,... e tem preguiça e não tem dinheiro para tirar habilitação???... Fala sério!!!
 
Marcelo Max em 11/09/2011 08:32:35
GENTE VAMOS DEIXAR DE SER HIPOCRITAS A CNH NAO IRIA EVITAR A MORTE!! ELE SABIA QUE NAO DEVERIA CORRER, MAIS UMA VITMA DA IMPRUDENCIA E IMPERICIA UNIDAS!! AGORA VAO ACHAR ALGUM CULPADO PELA MORTE DO RAPAZ?? COMO SEMPRE FALO, HOJE EM DIA COM 1 REAL QUALQUER UM JA SAI DE MOTO POR AI, AS CONSESSIONARIAS NAO ESTAO DANDO A MINIMA PARA QUEM OU NAO TEM CNH, TEMOS SIM E QUE CRIAR UM SISTEMA INTERLIGANDO DETRAN E CONCESSIONARIAS, PARA QUE QUANDO UM CARRO OU MOTO FOR VENDIDO ANTES SE FAZ UMA CONSULTA PARA VER SE A PESSOA ESTA HABILITADA, AI SE ALGUEM HABILITADO COMPRAR E DER PARA QUEM NAO TEM SERÁ PUNIDO EM DOBRO!!
 
CARLOS DAMASCENO em 11/09/2011 03:41:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions