A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

15/02/2014 17:03

Motociclista de 38 anos morre ao colidir em Honda Civic na Guaicurus

Aliny Mary Dias e Filipe Prado
Motociclista morreu na hora e não chegou a ser socorrido (Foto: Filipe Prado)Motociclista morreu na hora e não chegou a ser socorrido (Foto: Filipe Prado)

Um motociclista de 38 anos morreu na tarde deste sábado (15) depois de colidir em um Honda Civic, na Avenida Guaicurus, região sul da Capital. Segundo o Corpo de Bombeiros, Wagner Menezes Pacheco sofreu politraumatismo e morreu na hora.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

Conforme testemunhas, o Honda Civic preto e a motocicleta seguiam na avenida no sentido bairro-centro. O motociclista bateu na lateral do carro quando o veículo mudou de faixa. Ainda segundo testemunhas, o motorista não deu seta ao fazer a manobra e o motociclista seguia em alta velocidade. O carro foi parar no canteiro da via.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram chamadas, mas quando os socorristas e médicos chegaram, Wagner já estava morto. Parentes da vítima chegaram há pouco no local e estão bastante abalados.

Darcio Aubry, de 26 anos, dirigia o carro e não quis falar com a reportagem sobre o acidente. A única declaração do motorista foi em relação a conduta dos motociclistas. “Eu acho que os motociclistas não tinham que andar tão rápido”, comentou, abalado.

Equipes do BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito) estão no local, controlam o tráfego de veículos e aguardam a perícia da Polícia Civil.

Acidente ocorreu por volta das 16 horas deste sábado (Foto: Filipe Prado)Acidente ocorreu por volta das 16 horas deste sábado (Foto: Filipe Prado)



Sr. Eliezer Arce....concordo qdo o senhor menciona DETRAN,...tb acho q ao invés de ficar aplicando multas com o intuito de engordar as arrecadações para o estado...deveria investir mais em "educação no trânsito"....porque não só motoristas de carros mas de motos estão deixando a desejar nesta cidade sem lei....onde estão os "fiscais do trânsito"? E as ruas bem sinalizadas??? Tem ruas centrais nesta cidade mal sinalizadas. Sou motorista e vejo as cagadas de muitos motoristas tanto de carros qto de motos que ultrapassam pela direita e as motos se jogam na frente dos carros como se não tivessem amor á própria vida. E tem mais canso de ver setas de motociclistas ligadas confundindo a gente se vai entrar na próxima rua ou não....todos são pecadores e precisam urgente de fiscais NAS RUAS.
 
Roseli Rocha em 19/02/2014 22:51:06
Senhora kária Andressa da Silva....Pelo q ouvi no G1 pessoas q estiveram na hora do acidente o motorista deu seta sim....acontece que os motociclistas estão abusados demais.na velocidade...Tem q prestarem atenção porque põe sua vida em check e dos outros tb...
 
Rosemary Rocha em 19/02/2014 22:38:34
A família do seu Antônio Pacheco, só me resta vos dizer que aqui de Pato Branco- PR, estarei rezando e pedindo a DEUS, que os console e conforte vossos corações, também perdi um jovem filho em acidente de transito e sei da tamanha dor...sem palavras.
 
Estevão Bortolon em 18/02/2014 10:11:39
se o motociclista estivesse em uma velocidade considerada normal....teria visto apesar da falta da seta que o outro veiculo da frente estava mudando de faixa...isto se chama direção defensiva....falha humana e imprudencia das duas partes,agora não vamos ficar julgando e apontando um culpado...ninguem mata outro por que quer!!!! isto é ruim,abala a familia da vitima e a familia da pessoa que causou o acidente!!!! não era pessoas de má conduta que se envolveram no acidente...ambos eram pessoas de bem com familia e trabalho fixo...poxa vida!!!!conheço tbm as duas familias e estarei orando para deus confortar o coração de tds.....força gente,aconteceu,não se culpem!!!!
 
simone burgo em 17/02/2014 18:22:53
QUANDO SE PERDE UMA VIDA DESSA FORMA TODOS SOFREM .A FAMILIA DO MOTOCICLISTA MORTO ,E O CONDUTOR ENVOLVIDO EM ACIDENTE COM VITIMA FATAL. PEDIMOS PAZ NO TRANSITO ,SE NOS MOTOCICLISTA E MOTORISTA RESPEITAMOS LIMITES DE VELOCIDADE ESTABELICIDO POR CADA VIA,E QUE CADA MUDANÇA DE FAIXA OU CONVERSAO DEVE -SE DAR SETA ,OLHAR NO RETROVISOR E TER 100% DE CERTEZA QUE NAO VEM NINGUEM., OU NOS RESPEITEMAMOS A LEIS DE TRANSITO OU NOSSA VIDA E DE OUTRAS SERAO INTERROMPIDA .
 
wesley martins em 17/02/2014 14:56:21
Infelizmente fica o sentimento ruím. Quando eu saio de casa, conduzo meu veículo na via, já saio com a mentalidade que, "todo condutor é um assassino em potencial". 1° - Sinalizo a intenção de mudança de direção (LIGA SETA), 2° Uso os (RETROVISORES), pra ver que está atrás ou do lado, e somente se houver segurança, executo a intenção.
 
Rodrigo Alves em 17/02/2014 08:34:24
Descanse em paz teacher,sentiremos sua falta que Deus conforte os corações da família!
 
Fernanda Marcia Espindola em 16/02/2014 20:59:29
Nosso trânsito está um inferno. A maioria das pessoas, principalmente os de renda menor, entrar num carro e pensam que são os donos da rua. Aqui na Júlio de Castilho está uma bagunça. Além da falta de sinalização ainda temos a irresponsabilidade e a falta de colaboração dos motoristas. No cruzamento da Rua Otávio Mangabeira com a Júlio de Castilho, como se já não bastasse o grande movimento e a falta de semáforo, ainda temos que conviver com um caminhão de mudança que cobre toda a visão no sentido bairro centro. No sentido centro bairro tem um mercado que coloca suas placas de ofertas obstruindo a visão, ou seja, temos que entrar no meio da avenida contando com a sorte para poder atravessar.
 
Carlos souza em 16/02/2014 16:36:39
Ando nesta avenida diariamente e não existe faixa e sim muitos buracos a décadas, fato este que é de conhecimento da sociedade, e naquele local do acidente existe um retorno que deva ter levado ao acidente.
 
Caetano Damião Felipe em 16/02/2014 12:21:24
sou motorista e motociclista a mais de 20 anos nesta cidade e o que tenho visto são condutores agindo como juízes e carrascos nesses últimos dias.
 
caetano felipe em 16/02/2014 11:45:45
É lamentável a perda de uma vida... isso nos faz lembrar regrinhas básicas para andar em vias públicas, seja como passageiro, como condutor ou pedestre. Como passageiro a nossa obrigação de estar utilizando o cinto de segurança, como condutor em observas as regras de trânsito e como pedestre em respeitar regras próprias. Mas uma coisa tem que ser lembrado e difundido, principalmente aos motoristas de carros.."USEM A SETA DO CARRO, ASSIM QUE ESTÁ PRÓXIMO VAI ENTENDER SUA INTENSÃO DE VIRAR OU TROCAR DE FAIXA."
 
Bernardino de Nazareth em 16/02/2014 09:46:48
A seta é para ser usada, e não gasta combustível.
Será que o motociclista tem que ter bola de cristal para saber se o motorista vai mudar de faixa!!!!
Acidentes acontecem por pura imprudência mesmo!!
 
selma cristina de melo cordeiro em 16/02/2014 09:36:52
“Eu acho que os motociclistas não tinham que andar tão rápido”, comentou, abalado.
Eu também sofri um acidente porque o motorista do carro não deu seta, eu tive a sorte de sobreviver, fico revoltada quando vejo esse tipo de acidente, como se os motoristas dos carros só andassem dentro da velocidade permitida, dúvido!!!
Era melhor ter ficado calado.
“Eu acho que os motoristas dos carros deviam aprender a usar as setas”
 
Karla Andressa da Silva em 16/02/2014 08:16:38
olha ai e pensa no que vc faz
 
eliane simoes em 16/02/2014 07:46:37
Vá com deus irmão , bando de motorista imprudente a mesma coisa aconteceu comigo por imprudência do motorista, bateu em mim quando estava passando na lateral do carro ele não deu seta nem olhou no retrovisor apenas entrou e me jogou para o acostamento, graças a Deus estou aqui más aqui na terra funciona assim aqui se faz aqui se paga .
 
kaniffer sgamate em 16/02/2014 05:58:20
Mais uma vida perdida na selva de pedras que são as ruas de Campo Grande. Um erro jamais irá justificar o outro, tudo bem que alguns motociclistas abusam da velocidade, mas não é desculpa para os motoristas esquecerem de ligar a "SETA", são sempre as mesmas desculpas, mas se cada um fazer a parte que lhe cabe vidas podem ser salvas, não estou defendendo ninguém, apenas relatando o que todos estão cansados de saber, a maioria dos motoristas da cidade esquece que existe a bendita "SETA". Depois infelizmente não tem mais volta!
 
Valdir Junior em 16/02/2014 00:14:03
quantos curiosos né?!
 
marcel dos santos nobre em 16/02/2014 00:07:55
eu fiquei com muita penal eu vii tudo mas foi falha humana
.
 
anderson de toledo luiz em 15/02/2014 23:47:54
Uma terrível fatalidade realmente. Tanto o condutor quanto os pais da vítima são meus conhecidos e irmãos na fé. Deus console os corações dos pais e parentes.
 
Aldo Rocha em 15/02/2014 22:02:17
Descanse em paz meu amigo que DEUS conforte sua familia vc sim era uma pessoa humana e muito gente boa valeu zoinho
 
Celio Belarmino em 15/02/2014 21:27:12
Penso que nesse caso, a culpa é dos dois motoristas, o motorista do Honda Civic que não deu sinal e não olhou corretamente no espelho retrovisor antes de mudar de faixa, algo que se aprende na autoescola. E o motociclista que estava em velocidade incorreta para a via e para o estado de conservação da Avenida Guaicurus.
 
Marcelo dos Santos em 15/02/2014 20:28:20
É alarmante em nosso país o número de acidentes no trânsito, que ocorrem diariamente, e a grande maioria deles é causada pela imprudência de alguém. Em conseqüência desses acidentes muitas vidas são ceifadas prematuramente.Alguma coisa precisa ser feita pelas autoridades de trânsito competentes para modificar esta triste situação, principalmente pela intensificação de campanhas de orientação, usando os principais meios de comunicação disponíveis. Porém estas orientações precisam ser direcionadas para todas as pessoas que transitam pelas ruas e rodovias diariamente, tem que alcançar tanto os condutores de veículos automotores como os ciclistas e pedestres.
 
katiane flores em 15/02/2014 20:19:14
eu ando de moto pela guaicurus e varias vezes ja passei por isso motorista de carro mudam de faixa e nao usa a seta para indicar pra que lado vai nos motociclistas temos que adivinhar e ainda culpa os motoqueiros.
 
Edmilson Santos Ruiz em 15/02/2014 19:35:14
O DETRAN-MS PRECISA URGENTEMENTE DISCIPLINAR MOTORISTAS QUE NÃO DÃO SETAS. EM CAMPO GRANDE TEM MUITO MOTORISTAS MAL EDUCADOS QUE NÃO FAZEM PRATICA DESTE GESTO TÃO SIMPLES, OU NÃO CONHECE O MANUAL DO CARRO.
 
eliezer arce em 15/02/2014 19:30:40
Que Deus possa confortar essa família, amanhã faz três meses que perdi meu irmão em um acidente também de moto em frente a Sadia é uma dor que não tem fim, só Deus pode nos dar força para suportar, que Deus possa dar muita força a essa família...
 
MARIA LUZINETE DOS SANTOS em 15/02/2014 19:25:27
Mais uma fatalidade nos transitos de campo Grande, meus sentimentos que Deus conforte todos os familiares.
 
JOANA DARC NUNES DOS SANTOS em 15/02/2014 18:58:28
Lamentável, para ambas as partes, um perde a vida e o outro se tiver conciencia ficara abalado pro resto da vida, OBS. mudar de faixa como se ali naquela avenida tivesse as faixas para mudar, é um tapete preto destruido com buracos e remendos que tbm causa acidente sem nenhuma linha de demarcação de que mãos estamos andando ou melhor a maioria das vias dos bairros estão em péssima condições ontem andei pelo Bairro Guanandi até o CRAS daquele local que fica quase as margens da Enernesto Geisel, que situação vc não sabe de quem é a preferencial tem que parar em todas as esquinas pois os sinais de PARE está invisível, aí fico me perguntando aonde vai tanto dinheiro, dinheiuro esse que são repassado pelo DETRAN, IMPOSTO que pagamos e assim pordiante muito triste ver esta Capital na situação
 
sonia fatima em 15/02/2014 18:48:08
Esses motociclistas estão impossíveis: correm, passam no meio dos carros, intimidam os demais, batem no retrovisor e fogem. Tem que pôr limites, pois não respeitam mais nada. Passei na Guaicurus no início da tarde, antes do acidente, e vi dois motociclistas correndo como se estivessem apostando corrida entre os carros, inclusive passando muito perto do meu carro. Uma vez um deles bateu no meu retrovisor e fugiu cortando o trânsito em frente ao Shopping.
 
Andreia Lopes em 15/02/2014 18:47:33
Agora é o motociclista que estava correndo muito...oras, coisa comum isso, muitos motoristas mudam de faixa sem se certificarem, se não é carro entram de qualquer maneira , sou motociclista habilitado há 35 anos e confesso que nunca em minha vida vi tanta barbaridade,e falta de respeito no transito como nos últimos cinco em Campo Grande.
 
Roseli Peralta em 15/02/2014 18:32:22
POR QUE EXISTE SETA!!!!
PORQUE VC NAO DEU SETA???
POR CAUSA DE DAR SETA UMA VIDA SE VAI!!!
SINALIZE SUA INTENCÃO...
 
maria souza em 15/02/2014 18:13:28
Imagino que o motorista ache mudar de faixa sem sinalizar deva ser feito.
 
Carlos Marchi em 15/02/2014 17:54:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions