A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

23/07/2014 19:13

Motoristas criticam presença de policiais onde existem radares eletrônicos

Alan Diógenes
Polícia de trânsita diz que radares não flagram certas infrações que os militares conseguem flagrar. (Foto: Marcelo Calazans)Polícia de trânsita diz que radares não flagram certas infrações que os militares conseguem flagrar. (Foto: Marcelo Calazans)

Alguns motoristas que trafegam pelas vias da Capital estão reclamando da presença de policiais do Bptran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) em locais onde existem radares em operação. Eles afirmam que não há necessidade de fiscalização nestes locais, onde já existe o equipamento eletrônico, e pedem que os militares se concentrem em lugares onde não há sinalização para coibir a alta velocidade de certos condutores.

Veja Mais
Motociclista bate em muro de loja ao tentar ultrapassar veículo no Centro
Para polícia, motorista ainda 'não se tocou' sobre multas mais caras

O publicitário Vinicius Candido, 28 anos, disse ao Campo Grande News que já observou a situação várias vezes na Avenida Mato Grosso, próximo ao supermercado Comper, no Jardim dos Estados. “Não vejo necessidade deles se posicionarem embaixo da onde já tem os radares. A pessoa já vai ter que diminuir a velocidade nestes locais”, comentou.

Para a empresária Iranilda Ferreira de Assunção, 47 anos, os policiais deveriam fazer a fiscalização em ruas largas e em vias da periferia da Capital, onde existe um fluxo menor de veículos e os motoristas acabam abusando da velocidade. “O radar já é uma forma de coibir as infrações de trânsito, não vejo o porquê eles também ficaram nestes locais. Acredito que eles estão trabalhando em vão”, destacou.

Já o cinegrafista Fabio Henrique, 27 anos, pensa ao contrário. Ele falou que somente os radares não coíbem certos tipos de infrações. Ele aprova a atuação da polícia. “Essa atitude da polícia só reforça nossa própria segurança que transita nas ruas da cidade. Por exemplo, principalmente durante a madrugada, alguns motoristas não respeitam nem o radar e voam com os veículos”, salientou.

De acordo com o tenente-coronel do Bptran, Jonildo Theodoro, as equipes ficam localizadas próximas ao radar por que o aparelho não consegue flagrar infrações como falar ao celular na direção, dirigir sem usar cinto de segurança, conversão indevida ou motociclistas com viseira levantada. “Mesmo com os radares os motoristas abusam e cometem infrações. A presença dos policiais ajudam a combater certas infrações que não são flagradas pelos radares”, finalizou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions