A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

16/03/2014 11:21

Mulher morre atropelada na Dom Aquino, depois de sair de culto

Ângela Kempfer e Bruno Chaves
Vítima teve rachamento do crânio, conforme informou o Corpo de Bombeiros (Foto: Bruno Chaves)Vítima teve rachamento do crânio, conforme informou o Corpo de Bombeiros (Foto: Bruno Chaves)
Trânsito na região da antiga rodoviária foi interditado (Foto: Bruno Chaves)Trânsito na região da antiga rodoviária foi interditado (Foto: Bruno Chaves)

Uma senhora de 73 anos morreu há pouco na Rua Dom Aquino, na altura do bairro Amambai, depois de ser atropelada por uma caminhonete. Marla Durks atravessava a rua, quando foi atingida por uma Mitsubishi L-200.

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

O motorista chegou a parar para prestar socorro, mas a vítima morreu na hora. O advogado Túlio Cicero, 47 anos, dirigia o veículo, entrou em estado de choque depois de ver a mulher morta e foi encaminhado para o posto de saúde.

A dona de casa Maria Tereza Rodrigues Lopes, 50, diz que passava pelo local do acidente e garante que “o motorista dirigia devagar”. Mas ninguém soube detalhar o momento da colisão.

Marla costumava ir todos os domingos ao culto da igreja Evangélica de Confissão Luterana do Brasil. Segundo a pastora, Edela Herbes, “ela comparecia sempre e saia no último hino”

A perícia foi acionada e os filhos da vítima já foram avisados. A Rua Dom Aquino está interditada na altura da antiga rodoviária.

Depois do acidente, a esposa do motorista, Sônia Ribeiro, apareceu para prestar assistência. Segundo ela, o marido é “um motorista prudente". "A morte foi o fim para ele”, comentou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions