A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

20/06/2014 16:25

Multar ou não quem fura sinal na madrugada causa polêmica

Filipe Prado
professorprofessor

O costume de “furar” o sinal vermelhos, principalmente, na madrugada, ainda é polêmica entre os motoristas da Capital. Eles concordam que a noite é perigoso parar no sinal, mas acham que o semáforo deve ficar em estado intermitente e que o condutor deve redobrar a atenção, ao atravessar a via.

Veja Mais
Agetran muda "regra" e passa a multar quem fura sinal na madrugada
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste

Alguns defendem que os motoristas que avançarem o sinal vermelho, no período das 22h até às 6h, não sejam multados. Mas a maioria foi contra a atitude.

“Eu acho certo, pois há muito perigo de assalto neste horário”, relatou o eletricista Pedro Ferreira Caldas, 53 anos. Ele disse que na cidade de São Paulo a partir das 22h os semáforos de algumas regiões ficam em estado intermitente. “É mais seguro”, revelou.

Mas os outros motoristas não concordaram com a ideia. “Não é certo, acho que se ficasse intermitente, em alerta, então eu concordaria”, comentou o professor Paulo Chacon, 64, que mora em Campo Grande há aproximadamente um ano.

Ele acha perigoso “furar” o sinal fechado, por que “pode causar algum acidente”, observou, mas também não acha seguro ficar parado entre às 22h e às 6h no semáforo.

Quando a pedagoga Neuciane Carvalho Pinho, 32, precisa sair de madrugada, ela fura os semáforos fechados, mas sempre tomando os devidos cuidados. “Se estou de carro, eu paro, fecho o vidro, se estiver seguro, passo. Mas quando estou de moto, olho para os dois lados e passo”, relatou.

Mas não concorda que os motoristas não sejam multados, caso passem no sinal fechado. “Já vi vários acidentes acontecerem, muitos deles fatais”, afirmou Neuciane.

Em São Paulo, foi aprovado o projeto de Lei 798/2008, de autoria da deputada estadual Vanessa Damo (PMDB) proíbe a aplicação de multas por avançar o semáforo com o sinal vermelho entre as 22h e 6h, em velocidades iguais ou inferiores a 20 km/h.

O bancário Cristiano Monteiro, 36, crê que se a “furada” no sinal se tornar lei, pode acabar virando “bagunça”. “As pessoas pode banalizar isso. Não temos como saber se irá funcionar”, admitiu.

bancáriobancário
Multar ou não quem fura sinal na madrugada causa polêmica
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



A questão não é mais ficar o semaforo intermitente, ou furar no horário das 22 as 6 da manha, o que temos visto é que é furado semaforo independente do horário, o que se percebe é que a falta de educação no transito ér que tem causado varios acidentes, devemos lembrar que se para no semaforo depois das 22 hs é perigoso por contar de sofrer algum tipo de assalto, e furar o semaforo não é perigoso ? porque estamos acostumados a se o farol esta verde aceleramos, acho que Campo Grande já comportaria pelo seu numero de veículos, que os faróis fossem todos com camera, e que fossem todos fotograficos ja que reclamamos de agentes de transito ser um contingente reduzido pelo numero de usuários de veículos.
 
Sidnei Antonio dos Santos em 23/06/2014 10:25:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions