A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

16/05/2014 19:42

Pedestre fica em estado grave após ser atropelado por moto na Afonso Pena

Alan Diógenes e Cleber Gellio
Pedestre foi entubado e levado em estado grave para a Santa Casa. (Foto: Cleber Gellio)Pedestre foi entubado e levado em estado grave para a Santa Casa. (Foto: Cleber Gellio)

Duas pessoas ficaram gravemente feridas, por volta das 18h30 desta sexta-feira (16), após o condutor de uma motocicleta atingir um pedestre, que atravessava a Avenida Afonso Pena, em frente ao Shopping Campo Grande.

Veja Mais
Mulher fica em estado grave ao ser esfaqueada por homem
Mulher é internada em estado grave, ferida com socos e chutes por ex-marido

Duas viaturas, uma do Corpo de Bombeiros e outra do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), foram deslocadas para atender a ocorrência. As equipes concentraram o socorro em cima do pedestre, que estava estirado no asfalto, com ferimentos na cabeça e hemorragia.

No local onde ele estava havia muito sangue no chão. A vítima foi entubada e levada para receber atendimento médico na Santa Casa da Capital.

Já o condutor da motocicleta BMW RR 1.000, com placa de Campo Grande, identificado como José Carlo, 40 anos, também estava ao solo, com escoriações pelo corpo e reclamava de fortes dores. Com o impacto, a moto foi parar a 500 metros do local da colisão. Ele também foi encaminhado para a Santa Casa.

A pista da Afonso Pena, no sentido Parque dos Poderes/Centro, ficou totalmente interditada no trecho em frente ao shopping. Os motoristas que trafegavam pelo local tiveram que pegar outras vias para chegar aos seus destinos.

Mulher fica em estado grave ao ser esfaqueada por homem
A jovem Gisele da Silva Ferreira, 19 anos, ficou gravemente ferida ao ser esfaqueada por um homem em um bar na madrugada deste domingo (11), na Rua d...
Mulher é internada em estado grave, ferida com socos e chutes por ex-marido
Uma mulher de 52 anos está internada em estado grave na Santa Casa, segundo a Polícia, após ser agredida pelo ex-marido com socos e chutes no rosto, ...



A PM não tem radares móveis e não se preocupa em fiscalizar o trânsito na capital. Nossas avenidas são como as autopistas alemãs sem limite de velocidade: cada um dirige como quiser, com a certeza que não será incomodado. Se a moto parou a 500 m do local, a que velocidade ela estava? Se o piloto estivesse a 60 km/h, possivelmente teria conseguido evitar o acidente!
 
Luiz Pereira em 16/05/2014 19:56:40
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions