A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

28/11/2014 18:00

Trânsito lento e caótico no dia de Black Friday e 13º na região central

Michel Faustino e Adriano Fernandes
Motoristas e pedestres sofrem com trânsito lento na região central. (Foto: Alcides Neto)Motoristas e pedestres sofrem com trânsito lento na região central. (Foto: Alcides Neto)

Ao menos em um ponto, motoristas e pedestres são unanimes em concordar. Cada dia que passa, o transito na Capital se torna mais caótico. E o problema parece ser ainda maior para quem trafega diariamente entre os principais cruzamentos do Centro da cidade. Nesta sexta-feira, com o pagamento da primeira parcela do 13º e com a promoção Black Friday, o caos e a lentidão exigiu paciência dos condutores. 

Veja Mais
Mototaxistas e taxistas se juntam e percorrem Afonso Pena contra Uber
Homem que morreu atropelado tinha 51 anos e foi identificado pela mãe

Com o aumento no fluxo de veículos, principalmente em horários de “pico”, e eventualmente de pedestres, o transito se torna lento e gera reclamações de todos os lados. A falta de fiscalização só agrava a situação. 

O professor Milton Pereira, 49 anos, se diz surpreso com o aumento no fluxo de veículos a qual ele atribui as dificuldades para “circular” pelas ruas da região central. Ele conta que sempre encontra dificuldades para atravessar o cruzamento das ruas Barão do Rio Branco e 13 de julho.

 

Milton diz que sente dificuldades para andar nas ruas do Centro. (Foto: Alcides Neto)Milton diz que sente dificuldades para andar nas ruas do Centro. (Foto: Alcides Neto)

“Tá muito cheio de carro, e hoje por ser sexta-feira tá pior ainda. Nessas ruas ai fica muito difícil de atravessar, mesmo quando o movimento é menor”, relatou.

O forneiro Ronaldo da Costa, 37 anos, conta que sentiu muita dificuldade para trafegar no centro hoje. Segundo ele, mesmo de moto, considerado um veículo mais rápido, o transito oferece obstáculos.

“Faz tempo que eu não veio aqui de moto. Hoje eu precisei e senti uma dificuldade maior. Tá muito tumultuado e mesmo a moto sendo mais rápida eu achei ruim de andar aqui, até porque os motociclistas não são respeitados”, disse.

Ronaldo diz que há muito tempo não andava de moto no Centro e sentiu aumento no fluxo de veículos e pedestres. (Foto: Alcides Neto)Ronaldo diz que há muito tempo não andava de moto no Centro e sentiu aumento no fluxo de veículos e pedestres. (Foto: Alcides Neto)
Motorista diz que idá ao Centro é uma luta diária contra o stress. (Foto: Alcides Neto)Motorista diz que idá ao Centro é uma luta diária contra o stress. (Foto: Alcides Neto)
Só em um cruzamento do Centro tinha policiamento hoje (Foto: Alcides Neto)Só em um cruzamento do Centro tinha policiamento hoje (Foto: Alcides Neto)

A motorista Mariana Guimarães, 24 anos, diz que sofre na pele com os problemas do transito. Segundo ela, é uma briga constante contra o stress.

“O transito está muito ruim, eu fico estressada toda vez que preciso andar por essas ruas do centro”, lamentou.

A reportagem esteve na tarde desta sexta-feira (28) nas principais ruas da região central da Capital e constatou os problemas enfrentados por pedestres e motoristas. Ao todo, seis ruas que fazem cruzamento com a Avenida Afonso Pena apresentaram transito lento. Da Rua José Antônio até a Avenida Calógeras o fluxo de pedestres e veículos era intenso provocando transito lento.

De acordo com o chefe de fiscalização e operação de trânsito da Agetran, José Alves de Arruda, serão feitas operações para controlar o fluxo durante o fim de ano. Segundo ele,as operações de fim de ano receberão reforço de agentes de trânsito, com apoio da Guarda Municipal e Bptran (Batalhão de Transito da Policia Militar).

Segundo Arruda, as equipes estarão na Avenida Afonso Pena com os principais cruzamentos: Rua 14 de Julho; 13 de Maio; Calógeras; Rui Barbosa e pontos na Dom Aquino; Marechal Rondon; 13 de Maio e na 14 de Julho, serão os principais pontos de atuação dos agentes. Com apoio de equipe motorizada.

Trafegar pela Avenida Afonso Pena exigiu paciência dos condutores (Foto: Alcides Neto)Trafegar pela Avenida Afonso Pena exigiu paciência dos condutores (Foto: Alcides Neto)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions