A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

17/02/2012 11:14

Vestidas de policial, crianças conscientizam motoristas na estrada

Wendell Reis e Paula Vitorino

Operação de Carnaval vai contar com 120 homens da Polícia Rodoviária Estadual

Crianças estão distribuindo panfleto e orientando motoristas(Foto:Paula Vitorino)Crianças estão distribuindo panfleto e orientando motoristas(Foto:Paula Vitorino)

A PRE (Polícia Rodoviária Estadual) iniciou ontem, às 16 horas, a operação de Carnaval nas estradas de todo o Mato Grosso do Sul. Para conscientizar os adultos que vão aproveitar o feriado para viajar, a PRE está contando com a colaboração de crianças e adolescentes de 7 a 16 anos. Com farda da PRE, os jovens estão auxiliando os policiais na abordagem dos motoristas.

As crianças participam de projeto no Cematran (Centro Educativo de Múltiplas Atividades de Trânsito). Criado em 1997, o projeto atende 70 crianças e adolescentes que no período inverso ao escolar, recebem reforço, participam de atividades físicas e aprendem sobre a educação no trânsito.

Os pré-adolescentes Mayra, 11 anos, e Daniel, 12 anos, demonstram satisfação no trabalho de conscientização. Daniel lembra que participa para poder se ocupar. “Gosto de participar porque enquanto estou lá, não estou na rua aprendendo coisa errada”. Veterana nas operações, Mayra, 11 anos, ressalta a importância de seu trabalho. “Acho muito legal ajudar na conscientização dos motoristas”.

A operação da PRE vai contar com 120 policiais nas nove bases de todo o Estado. As barreiras têm por objetivo a prevenção a acidentes, buscando a redução dos 20 com duas mortes, registrados no mesmo período do ano anterior.

Entre as principais recomendações estão a obediência a sinalização, uso de cinto de segurança e respeito à velocidade. Nas rodovias pavimentadas a velocidade permitida é 80 quilômetros. Já nas ruas sem asfalto a velocidade não pode ultrapassar os 60 km/h.

O major Jonildo Theodoro de Oliveira recomenda atenção principalmente na volta, terça e quarta-feira, quando o fluxo é mais intenso e as pessoas estão mais cansadas. Além dos panfletinhos com dicas no trânsito, a PRE está utilizando radar móvel, que mira no automóvel e detecta a velocidade.

O motorista Baldoíno Gimenes, 58 anos, está retornando para casa. Morador de Bonito, o vigia acredita que é preciso cuidado, principalmente na volta. Ele avalia que a fiscalização é importante para lembrar o motorista de seu papel para ajudar no trânsito seguro.

De ontem para hoje, a PRE registrou o atropelamento de um indígena e o tombamento de um caminhão, mas ninguém faleceu. Os interessados em participar do projeto da PRE devem procurar o Cematran, localizado na rua Marquês de Olinda, 460, no Jardim Concórdia, em Campo Grande.

Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



ABENÇOADOS, COMO DIZ DEUS, OS PEQUENOS NÃO TEM MALDADE, QUE QUISER SE JUSTO, SEJA COMO UMA CRIANÇA, SEM MALDADE, HOJE NÃO VEMOS MAIS POLICIAIS NAS RUAS, NÃO SE CUMPREM PLANTÃO, NÃO SE ATENDEM MAIS O 190, OS DISK DENÚNCIA, PORQUE OS ADULTOS SABEM QUE TUDO O QUE ELES FAZE PELO CUMPRIMENTO DA LEI, POLÍTICOS E JUDICIÁRIOS AINDA CONDENAM O SERVIDOR PÚBLICO, FICA AS CRIANÇAS SOFRENDO QUERENDO CONSERTAR.
 
PEDRO BRAGA em 17/02/2012 05:24:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions