A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

05/07/2014 08:39

Empreendedorismo: uma reflexão de coragem e ação

Por Giuliana Elisa dos Santos (*)

Hoje estamos vivendo na Era da Informação, em que o impacto do desenvolvimento tecnológico, a intensa globalização da economia e as profundas transformações nas organizações e no comportamento das pessoas têm gerado mudanças exponenciais nas relações de trabalho, nas quais o emprego passa a dar lugar a novas formas de participação e envolvimento. Diante desse cenário, o mercado tem exigido um alto grau de empreendedorismo mesmo para os profissionais que são empregados. A inovação é um desafio constante para todos.

Veja Mais
A Odisseia da Chape
Comunicação da qualidade dos alimentos

Mas afinal, você deve estar se perguntando agora, qual é o conceito de “empreendedorismo”? Segundo Filion (1991) apud Dolabela (2000), “um empreendedor é uma pessoa que imagina, desenvolve e realiza visões (p.68)”. Para Dolabela (2000), o empreendedor é uma pessoa que se dedica às atividades que geram riquezas, seja na transformação de conhecimentos em produtos ou serviços, na geração do próprio conhecimento ou inovação.

Quando analisamos estes dois conceitos, observamos que o empreendedor nada mais é do que uma pessoa que define por si mesmo ou por conta própria o que vai fazer e em que contexto será feito. Dito de outra forma, o empreendedor ao definir o que vai fazer, passa a levar em consideração seus sonhos, anseios, preferências, inclusive o estilo de vida que quer ter. Logo, tal engajamento leva o empreendedor a dedicar-se intensamente aos seus projetos, já que seu trabalho se confunde com o prazer.

Então, a pergunta que faço a você é: o que te move? O que tem provocado um desejo intenso, uma paixão? Muitos devem estar pensando neste exato momento sobre aquela antiga ideia, que insiste em rodear. Lembre-se que o verdadeiro empreendedor passa do mundo das ideias, da visão, para transformar seus propósitos em realidade.

Mas para o propósito tornar-se realidade, duas palavras são fundamentais e têm que fazer parte da vida e do vocabulário do empreendedor: coragem e planejamento. Segundo Tjan, Harrrington e Hsieh (2014), nós precisamos exercer diversos tipos de coragem: a coragem de iniciar a construção de nossa ideia; a coragem de persistir, ou seja, lidar com as adversidades do dia a dia do empreendimento, por meio de sacrifícios que muitas vezes são exigidos na vida profissional e pessoal; e a coragem para evoluir, pois bons empreendedores sabem que, para sobreviver neste cenário competitivo, precisam estar em constante adaptação por meio da adoção de novas práticas, produtos e serviços.

Mas acredito que a maior reflexão que se faz necessária é a de que não vamos a lugar nenhum quando não planejamos a rota, ou seja, precisamos traçar muito bem onde estamos e onde queremos chegar. Para isso, o autoconhecimento, a busca por maximizar nossos pontos fortes e oportunidades e minimizar os pontos fracos e ameaças tornam-se condições fundamentais a qualquer empreendedor, a cada estudante, a cada recém-formado. Com esse empenho, é possível alavancar seu empreendimento ao mesmo tempo em que ofereça produtos e serviços que atendam a demanda e as necessidades da sociedade, de forma que, aonde vocês estejam, sejam vistos e lembrados como profissionais ou como empresas que fazem a diferença.

Diante disso, desejo a todos coragem e a persistência para transformar sonhos em realidade. Areté! (Palavra grega, que significa ser o melhor que se pode ou atingir seu maior potencial).

(*) Professora Msc. Giuliana Elisa dos Santos, professora do Curso de Psicologia e Administração da Universidade Anhanguera Uniderp (Matriz)

A Odisseia da Chape
Não tenho dúvidas de que o esporte funciona como uma metáfora da vida. As mazelas e dramas humanos estão presentes em todas as etapas da trajetória d...
Comunicação da qualidade dos alimentos
É importante que as notícias do agro cheguem de maneira correta aos moradores dos grandes centros urbanos. A maioria destes consumidores de alimentos...
Ponte com o futuro
O agronegócio brasileiro é carta importante no jogo geopolítico mundial. De acordo com a FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agri...
Tendências e atitudes
Professores e economistas como Simão Davi Silber, Ricardo Amorim, Zeina Latif, entre outros sinalizam melhoras na economia para os próximos anos. Enq...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions