A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Janeiro de 2017

24/10/2016 15:47

Vodka com energético teria causado coma alcoólico em adolescente

Christiane Reis e Adriano Fernandes
Escola Professora Maria Lúcia Passareli, onde o caso ocorreu. (Foto: Adriano Fernandes) Escola Professora Maria Lúcia Passareli, onde o caso ocorreu. (Foto: Adriano Fernandes)

Vodka com energético seria a mistura que um colega serviu à adolescente, de 14 anos, durante uma festinha de estudantes do 9º ano da Escola Municipal Professora Maria Lúcia Passarelli, no Aero Rancho, em Campo Grande, no fim da manhã desta segunda-feira (24).

Veja Mais
Adolescente é socorrida em escola; suspeita é de ter ingerido bebida alcoólica
Águas lança amanhã obra de R$ 1,6 milhão para ampliar rede de abastecimento

Esta é, pelo menos, a versão de alguns alunos da unidade escolar, que não serão identificados. Oficialmente, a Semed (Secretaria Municipal de Educação) confirma que uma bebida foi servida à menina, mas não especifica qual.

No posto de saúde do Aero Rancho, para onde ela foi levada, a reportagem ouviu de funcionários que a garota chegou ao local em coma alcoólico. No entanto, lá também ninguém quer se identificar para falar sobre o caso.

Até o fechamento deste texto, a menina ainda estava no posto de saúde, acompanhada da mãe e tomando soro.

A ingestão da bebida ocorreu durante confraternização iniciada após a divulgação de notas de provas. Em nota, a Semed informa que “um dos alunos que participava da festa levou em sua mochila uma garrafa pet de refrigerante aparentando ter um litro de bebida – o que não transmitiu desconfiança de ter bebida alcoólica – e ofereceu, posteriormente, a bebida à aluna – de 14 anos – que, após o consumo, passou mal, vomitando”.

Ainda segundo a nota, a escola acionou os pais da aluna. A Semed também informou que está tomando providências quanto à situação, mas não detalhou se amostra do líquido ingerido pela menina foi coletada.

“É algo que infelizmente não podemos controlar, porque trouxe a bebida escondida”, resumiu-se a dizer a diretora da escola, Dalveliza Leite Ferreira. Segundo ela, qualquer informação referente ao caso só poderá ser prestada pela Semed.

Adolescente é socorrida em escola; suspeita é de ter ingerido bebida alcoólica
Um adolescente de 13 anos foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, no fim da manhã desta segunda-feira (24). A equipe foi chamada para socorrer a menin...
Águas lança amanhã obra de R$ 1,6 milhão para ampliar rede de abastecimento
A rede de abastecimento de água na região urbana do córrego Segredo, em Campo Grande, passará por obra de ampliação que irá interligar os bairros Nov...
Funcionários de concessionária participam de palestra de combate à dengue
Funcionários da Águas Guariroba, concessionária responsável pelos serviços de água e esgoto de Campo Grande, participaram de uma palestra de conscien...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions