A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

18/07/2014 07:32

Depois de ficar em coma, jogador que perdeu a perna em acidente passa bem

Bruno Chaves
Familiares ao lado do jogador de futebol, que ainda está no hospital (Foto: Divulgação/Caarapó News)Familiares ao lado do jogador de futebol, que ainda está no hospital (Foto: Divulgação/Caarapó News)

Onze dias depois de sofrer um grave acidente na BR-163, em Caarapó – a 283 quilômetros de Campo Grande –, o jogador de futebol Everton Ribas Torres, 26 anos, passa bem. Ele precisou ficar em coma induzido no hospital por causa das gravidades dos ferimentos: uma perna amputada, um braço fraturado, várias costelas quebradas e o pulmão perfurado.

Conforme o site Caarapó News, o jogador se recuperou depois de passar por duas cirurgias na perna e uma no braço. Familiares afirmaram à reportagem que o atleta ainda passará por mais um procedimento no braço esquerdo.

Acidente – Everton ficou gravemente ferido após sofrer acidente de moto na BR-163 no dia 7 de julho deste ano, por volta das 5h20. Ele seguia para o local onde trabalhava, um frigorífico, em sua moto Honda Titan, quando colidiu frontalmente contra um Corsa Sedan, que era dirigido por Valmir Ferreira Pedroso, 50. Segundo o Caarapó News, o motorista do carro invadiu a pista contrária para realizar uma ultrapassagem.

O motociclista foi lançado do veículo por causa do impacto. Ele fraturou os dois braços e teve uma das pernas dilaceradas. O socorro foi feito pelo Corpo de Bombeiros. Everton foi levado ao hospital de Caarapó, mas foi transferido para Dourados por causa da gravidade dos ferimentos.

O atleta já trabalhou em vários clubes de Mato Grosso do Sul, entre eles AEC, Urso de Mundo Novo, Misto de Três Lagoas, Novoperário e Ubiratan, onde foi campeão da Série B de 2013.

Homem é preso ao ser flagrado transportando 191 quilos de maconha
Hellington Sant Ana Mota, de 33 anos foi preso acusado de tráfico de drogas por transportar 191 quilos de maconha no porta-malas de um carro. O flagr...
Quadrilha é presa acusada de roubo a joalheria; funcionária é suspeita
Uma quadrilha formada por 10 pessoas foi desarticulada pela Polícia Civil de Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, após investigações de roubo a ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions