A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

06/04/2014 12:09

Homem que matou e colocou pedaço de madeira em parte íntima de vítima é preso

Alan Diógenes
Acusado matou vítima após discussão em bar. (Foto: Dourados Agora)Acusado matou vítima após discussão em bar. (Foto: Dourados Agora)

Policiais civis de Angélica, a 263 quilômetros de Campo Grande, prenderam o acusado de matar Valdeni José dos Santos, 53 anos. A vítima foi encontrada com vários tiros na cabeça e pernas, sem as calças e com um pedaço de madeira introduzido no ânus. O crime ocorreu na madrugada de quinta-feira (3).

Veja Mais
Justiça decreta prisão preventiva de mulher que matou e esquartejou marido
Após acidente que matou mãe e filha, trecho da BR-163 é liberado

De acordo com o site Dourados Agora, o assassinato foi cometido por Adriano Camilo de Oliveira, 28 anos, após uma briga ocorrida em um bar, conhecido por “Lanchonete da Néia”, na periferia da cidade.

O delegado responsável pelo caso, Gilberto Bazílio de Oliveira Júnior, disse que o acusado ameaçou de morte a vítima na frente de várias testemunhas.

Conforme as investigações, Valdeni saiu do bar, foi seguido e morto por Adriano, que é funcionário da usina Adecoagro de Angélica.

Adriano foi preso na noite de ontem (5), em flagrante, por homicídio doloso e por posse irregular de arma de fogo. No alojamento da usina, onde o acusado morava, foram apreendidos uma espingarda calibre 36, utilizada no crime, vários petrechos, cartuchos e roupas sujas de sangue e de fezes provavelmente pertencentes à vítima.

Após a prisão, o acusado foi encaminhado ao sistema penitenciário.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions