A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

11/11/2014 08:37

Homem que matou mulher na frente da filha se entrega, mas fica solto

Viviane Oliveira

O pedreiro Vanderson Rocha Teixeira, 26 anos, acusado de matar a esposa com 11 facadas na última quarta-feira (5), na Rua Marechal Rondon, na Vila Industrial, em Dourados, se apresentou ontem (10), em uma delegacia da Polícia Civil de Cascavel, no Paraná. A vítima, Lindinês Caroline Benites de Medeiros foi atacada próximo ao berço da filha de um ano.

Veja Mais
Pedreiro mata esposa de 20 anos com 11 golpes de faca na frente da filha
Caminhão carregado com 2,6 toneladas de agrotóxico é apreendido

De acordo com o site Dourados Agora, Vanderson, que confessou o crime, foi ouvido e liberado pelo delegado, pois o flagrante já havia passado e não tinha mandado de prisão expedido contra o pedreiro. A delegacia da Mulher de Dourados foi comunicada e pedirá para que o acusado preste depoimento oficialmente.

O crime - Depois de matar a mulher, Vanderson ligou para o patrão, um ex-policial, e confessou o assassinato. Ele disse que tinha matado a esposa e pediu para que o patrão fosse buscar a filha que estava no berço. A vítima foi atingida com 11 golpes, seis deles no pescoço e o restante nas costas, rosto, peito e braços, segundo a perícia. O crime aconteceu ao lado do berço que estava junto à cama do casal.

A família morava em uma edícula ao fundo da casa da mãe de Lindinês. Segundo parentes, o crime aconteceu durante uma briga por causa de ciúmes que o marido sentia da esposa. Vizinhos confirmaram que o pedreiro sempre discutia com a esposa porque não gostava que ela fosse à escolaA faca utilizada no crime foi encontrada na pia do banheiro. A casa estava com vários rastros de sangue. A criança foi entregue para a família da vítima.

Homem é preso transportando de carro roubado em guincho para despistar polícia
Para despistar a polícia, um homem, de 30 anos, contratou um guincho para transportar um veículo Mitsubishi ASX, roubado em Canoas (RS), mas acabou p...
Médico abandona plantão e pacientes ficam sem atendimento em hospital
O médico Carlos José da Costa Duran, 41 anos, foi denunciado à polícia, por desvio de função na manhã deste sábado (03). Ele não compareceu ao plantã...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions