A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

27/07/2015 22:58

Índios Terena descartam deixar fazenda invadida

Thiago de Souza
Índios descartam deixar Fazenda Ouro Preto, em Aquidauana. (Foto: Giselli Figueiredo/O Pantaneiro)Índios descartam deixar Fazenda Ouro Preto, em Aquidauana. (Foto: Giselli Figueiredo/O Pantaneiro)
José Lipe, dono da Ouro Preto, tem prazo para deixar a fazenda. (Giselli Figueiredo/O Pantaneiro)José Lipe, dono da Ouro Preto, tem prazo para deixar a fazenda. (Giselli Figueiredo/O Pantaneiro)

Cerca de 80 famílias indígenas da etnia Terena descartam deixar a Fazenda Ouro Preto, no Distrito de Taunay, em Aquidauana. A propriedade foi invadida na manhã desta segunda-feira (27). Os indígenas deram prazo de 24 horas para o proprietário da área retirar os pertences do local. A decisão do grupo foi divulgada no fim da tarde de hoje. A Fazenda Cristalina, próxima a Ouro Preto, também foi ocupada por cerca de 300 índios.

Veja Mais
Índios da reserva mais populosa do país cobram presença de segurança
Deputado volta a MS para reunião com 40 mil índios e lança documentário

De acordo com o site O Pantaneiro, a Fazenda Ouro Preto tem 1600 cabeças de gado e maquinários no local. O gerente estava se dirigindo para a propriedade quando foi barrado pelos índios no meio do caminho, sendo impedido de continuar, tendo que retornar para a cidade.

Kaxé Terena, líder do grupo, disse que seu povo não quer nada da fazenda, somente a área. Segundo ele, seus antepassados disseram que essas terras pertencem a eles. O grupo descarta usar de violência, mas espera que, principalmente a Polícia Federal, não tome nenhuma atitude de violência contra os ocupantes.

Os indígenas querem expandir a área que ocupam, pois dizem que os seis mil hectares da Aldeia Taunay estão lotados, com mais de seis mil índios.

O delegado-adjunto da Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, Antonio Souza Ribas Júnior, disse que encaminhou o boletim de ocorrência para a Polícia Federal, que é acionada em casos que envolvem proprietários rurais e indígenas. No fim do ano passado, fazendas da região já foram cenários de ocupação.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions