A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

10/12/2014 20:54

Justiça determina volta de vereadores afastados em Ribas do Rio Pardo

Vania Galceran

O Tribunal de Justiça (TJ-MS), anulou a liminar de primeiro grau da Justiça da Comarca de Ribas do Rio Pardo, e determinou que os oito vereadores afastados e comissionados voltem aos cargos. A decisão é do desembargador Fernando Mauro Moreira Marinho.

Veja Mais
Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
Missão conjunta irá apurar violações de direitos humanos com índios de MS

Voltam aos seus respectivos cargos, o presidente da Câmara, Adalberto Alexandre Domingues, o Betinho (PRTB), o vice-presidente da Casa, Antonino Ângelo da Silva (PSC), Lucineide Friosi (PSC), Célia Regina Ribeiro (PSDB), Cláudio Roberto Siqueira Lins (PTdoB), Diony Erick Lima (PSDC), Fabiano Duarte de Souza (PR) Justino Machado Nogueira e Lucineide Friosi, os dois do (PSC) .

O vereadores haviam sido afastados, a pedido do Ministério Público, para apurar irregularidades em razão de gastos exagerados com contratações de assessorias desnecessárias, número excessivo de cargos comissionados, fracionamento de despesas para motivar dispensa de procedimento licitatório e recebimento indevido de diárias para aumentar ganhos mensais de vereadores.

Na mesma sentença, o juiz decretou a indisponibilidade dos bens móveis e imóveis dos vereadores investigados, incluídos aplicações financeiras, depósitos, créditos, títulos, valores imobiliários, ações, moedas estrangeiras que estejam em nome dos réus ou cônjuges no Brasil ou no exterior, com imediato bloqueio de saques, resgates, retiradas, pagamentos, compensações e quaisquer outras operações.

 

 

Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
A boliviana Celia Castedo Monasterio, indiciada pelo Ministério Público de seu país por ter autorizado o plano de voo da Chapecoense, com saída em Sa...
Hospital Universitário de Dourados alerta para golpe do falso médico
Falso médico estaria agindo em nome do HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados) e nesta segunda-feira entrou em co...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions