A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

11/07/2012 18:10

Polícia não tem pistas sobre autores de dois assassinatos na fronteira

Luciana Brazil e Nícholas Vasconcelos

A Polícia Civil em Coronel Sapucaia, a 400 km de Campo Grande, ainda não tem pistas sobre o assassinato de Iram Tabô, 59 anos, integrante de uma quadrilha internacional de tráfico de drogas, e do paraguaio Ramon Enrique Mareco. Os dois tinham sinais de espancamento e fraturas expostas.

Veja Mais
Morto por espancamento na fronteira integrava quadrilha de Beira-Mar
Dois corpos são encontrados em Coronel Sapucaia na fronteira com o Paraguai

A delegada Marina Conceição, que investiga o caso, solicitou ao serviço de inteligência da polícia informações sobre a vítima, para colher dados que possam ajudar no inquérito.

O corpo de Iram foi encontrado em Coronel Sapucaia, na tarde de ontem, a dois metros da linha internacional entre o Brasil e o Paraguai. Os dois tinham sinais de espancamento e fraturas expostas.

Segundo a delegada, os corpos estavam dentro de um saco, em uma área de difícil acesso, a 20 km da área urbana do município.

Após o enterro de Iram, que aconteceu nesta tarde em Campo Grande, um amigo da família, que preferiu não se identificar, afirmou que a esposa e os filhos acreditavam, inicialmente, que Tabô havia morrido na queda de um avião.

Segundo o amigo da família, Tabô era piloto de avião e estava sempre trabalhando em fazendas. Para a polícia, ele pode possivelmente estar ligado coma entrega das drogas, já que pilotava.

Morto por espancamento na fronteira integrava quadrilha de Beira-Mar
Iram Tabô Faria, 59 anos, um dos dois homens espancados até a morte em Coronel Sapucaia, integrava uma quadrilha de tráfico internacional de drogas, ...
Dois corpos são encontrados em Coronel Sapucaia na fronteira com o Paraguai
Dois corpos foram encontrados por volta das 17h30 de ontem, em Coronel Sapucaia, cidade que faz fronteira com o Paraguai, distante 400 quilômetros de...
Dupla é presa e confessa ter matado homem a pedradas e garrafadas
A Polícia Civil de Anastácio, cidade a 135 quilômetros de Campo Grande, prendeu na última quarta-feira (07), dois suspeitos de terem cometido um homi...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions