A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017

16/07/2015 08:17

Prefeitura reduz horário de expediente e culpa queda em repasses do FPM

Caroline Maldonado
Decreto foi assinado pelo prefeito Wallas Milfont (PDT) (Foto: Itaporã News)Decreto foi assinado pelo prefeito Wallas Milfont (PDT) (Foto: Itaporã News)

Para economizar, a prefeitura de Itaporã, a 227 quilômetros de Campo Grande, decretou redução de horário no expediente de determinadas repartições. Os locais que antes atendiam em tempo integral, agora funcionam das 7h as 12h. A medida, que é comum em prefeituras para o corte de gastos, não se aplica aos locais com serviços essenciais.

Segundo o prefeito Wallas Milfont (PDT) o decreto foi motivado pela “drástica redução das previsões de receitas orçamentárias provocadas pela queda nos repasses do FPM (Fundo de Participação dos Municípios)”.

Conforme o jornal Itaporã News, o decreto é para as gerências de Administração e Gestão, Chefia de Gabinete, de Desenvolvimento Econômico Sustentável, de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, Indústria e Comércio, Planejamento e Finanças, Ação Social, Obras, Habitação, Meio Ambiente, Educação e o Paço Municipal. O Seti (Setor Tributário de Itaporã), órgão ligado diretamente a Gerência Municipal de Planejamento e Finanças, por sua vez, atenderá das 8h às 14h, de segunda a sexta-feira.

Continuam com horário normal a Gerência Municipal de Serviços Urbanos, ao Cras (Centro de Referência de Assistência Social), SCFV (Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos), Conselho Tutelar, Unidade de Acolhimento, ao CMEI (Centro Municipal de Educação Infantil), Escolas da Rede Municipal de Ensino, Biblioteca Municipal, Gerência Municipal de Saúde Pública, Farmácia Municipal, Laboratório Municipal e Unidades Básicas de Saúde.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions