A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

21/10/2015 16:24

Professor recolhe assinaturas para tentar reduzir salário de políticos

Renata Volpe Haddad
Ideia de redução salarial de parlamentares de Nova Andradina, foi apresentada nesta segunda-feira na Câmara de Vereadores. (Foto: Nova News)Ideia de redução salarial de parlamentares de Nova Andradina, foi apresentada nesta segunda-feira na Câmara de Vereadores. (Foto: Nova News)

Cerca de 250 moradores de Nova Andradina, distante 300 km de Campo Grande, se reuniram nesta segunda-feira (19) na Câmara de Vereadores para apresentar a proposta de redução salarial em 50% do prefeito, vice e vereadores do município.

Veja Mais
Hashioka deixa PMDB e chega com status de liderança no "Ninho Tucano"
Pesquisa coloca Hashioka como gestor mais bem avaliado de MS e 7º do país

Professor universitário, pecuarista e defensor da ideia, Hernandes Ortiz, afirma que nos Estados do Paraná e São Paulo estão colocando em prática a redução salarial, e que o movimento é mais do que justo. "O Legislativo recebe mensalmente R$ 422 mil, reduzindo 50% passa para R$ 211 mil e o que sobra, é para investir no Hospital Regional que está precisando de recursos", defende.

Ortiz defende que o valor repassado para o Legislativo é muito alto. "Nova Andradina tem 50 mil habitantes e a Câmara recebe um valor muito alto. E eu mais 250 pessoas apresentamos a ideia para os vereadores e o projeto de lei já está sendo finalizado para colher as assinaturas", comenta.

É preciso ter 5% de assinatura dos eleitores do município. São aproximadamente 33 mil eleitores e é necessário mais de 1,6 mil assinaturas para que o projeto seja apresentado e votado na Câmara Municipal.

Presidente da Câmara - Conforme o presidente da Câmara, Aparecido Soares de Oliveira, conhecido como Cido do Pantanal (PSDB), alegou ao Campo Grande News que apenas a ideia foi apresentada na segunda-feira. "Recebi um requerimento falando do projeto, mas foi apresentado apenas a ideia que tratava da redução do subsídio do prefeito, vice e vereadores", conta.

O repasse mensal para o Legislativo gira em torno de R$ 420 mil, segundo o presidente. "Os recursos são usados para pagamento da folha de vereadores, despesas patronais, manutenção do prédio, material utilizado, entre outras coisas", explica.

Desse duodécimo, R$ 32,6 mil mensal é devolvido à prefeitura de Nova Andradina. "Nós devolvemos esse valor que é repassado para 11 entidades, sendo Apae, abrigos, casa do imigrante, entre outras, ou seja, R$ 392 mil anualmente é comprometido para esses fins", alega.

O presidente da Casa de Leis comenta ainda, que todos os vereadores do município, veem com bons olhos o projeto de lei de iniciativa popular. "É um movimento que está acontecendo em outros locais e nós vemos com bons olhos, pois quem decide é o povo que nos elegeu e respeitamos a voz da população", finaliza.

O salário dos vereadores de Nova Andradina, segundo o presidente é de R$ 6 mil, valor bruto e líquido, os parlamentares ganham R$ 4,7 mil.




Se fizesse isso em Campo Grande eu assinava até mais de uma vez....
 
Max em 22/10/2015 09:19:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions