A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

26/10/2016 08:37

Temer nomeia professor como reitor da UFMS pelos próximos quatro anos

Posse será feita em Brasília

Yarima Mecchi
Turine, à direita, ao lado da vice em sua chapa, Camila Ítavo. (Foto: Reprodução/Facebook)Turine, à direita, ao lado da vice em sua chapa, Camila Ítavo. (Foto: Reprodução/Facebook)

O presidente da República, Michel Temer, publicou no Diário Oficial da União desta quarta-feira (26) a nomeação do professor Marcelo Augusto Santo Turine como novo reitor da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Turine foi eleito graças aos votos dos docentes, que representam 70% do peso eleitoral.

Veja Mais
Em meio a troca de acusações, UFMS escolhe hoje nova reitoria
Debate para eleger reitoria termina com bate-boca e polêmica na UFMS

Na eleição de 4 de agosto, de acordo com a assessoria de Turine, foram 596 votos de professores para a Juntos Somos UFMS, chapa de Turine, contra 469 para a chapa Mude UFMS, representada pelo docente Marco Aurélio Stefanes.

Entre servidores, a votação foi mais apertada, com 701 votos para a chapa derrota, contra 685 para os vencedores. A vitória do grupo de Marco Aurélio Stefanes foi maior entre os alunos, com 2.259 votos contra 2.195 para Turine.

Junto com ele quem assume a reitoria é a sua vice Camila Ítavo. Na categoria universal, Turine ganha com 47 votos sobre o adversário. Ao todo foram 3.476 para Turine e 3.429 para Marco.

À frente de uma das principais instituições de Mato Grosso do Sul, o docente vai administrar o quarto maior orçamento do Estado. Ele administrará a instituição por quatro anos.

Até 2020, Turine cuidará de um orçamento que pode chegar a R$ 706.304.805, de acordo com dados do Plano de Desenvolvimento Institucional. A projeção para 2016 é de orçamento de R$ 593.027.134, enquanto o governo é R$ 13 bilhões, Capital é de R$ 3,4 bilhões e Dourados R$ 850 milhões, de acordo com dados nos portais da transparência dos órgãos.

Além de Campo Grande a universidade tem outros 9 campos espalhados por Mato Grosso do Sul, sendo: Aquidauana, Bonito, Chapadão do Sul, Coxim, Naviraí, Nova Andradina, Pantanal, Paranaíba, Ponta Porã e Três Lagoas.

Ainda não há informações oficiais sobre a data da posse do novo reitor. De acordo com a assessoria da UFMS, a posse oficial será em Brasília e a data é determinada pelo MEC (Ministério da Educação).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions