A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


30/05/2016 11:42

Rádio agita "modus operandi" de futuros candidatos

Reinaldo Rosa

SAUDADE – Empresário se vale da porta dos fundos de emissora de rádio para objetivos claros; retorno ao pódio da Câmara Municipal de Campo Grande. Eleito, teria volta de penduricalho salarial para custear a locação de espaço no dial.

POR AQUI – Apostando na máxima de “tocar o que o povo gosta”, Pedrinho Spina segue na trilha de antigos – e novos – eleitos. Programação musical de fácil digestão dedicada a público alheio à política faz o mote para futura campanha eleitoral.

DEU CERTO – Ausente do cenário com fim do governo estadual anterior, Coronel David agarrou-se em participações semanais na rádio Capital FM. Eleito suplente de deputado, atualmente é o titular de cadeira na Assembleia Legislativa. Nada mal para quem idolatra Bolsonaro. Aquele.

REAJAM – Emissoras de televisão e rádio repercutem jornalões e suas matérias que sonorizam gravações de porões da política. Tchurma do ‘Reaja Brasil’, em Campo Grande, acompanha tudo; mudo, calado e sem alardes pirotécnicos.

QUANTIDADE – Rádio jornalismo ganha espaço em Mato Grosso do Sul. O pecado capital fica por conta da mesmice em seus formatos. O espaço de cerca de uma hora para os informativos parecem cada vez menor diante de fatos que acontecem ‘a cada vinte minutos’, conforme slogam da Band News.

FERIADÃO – Fugindo à baixa audiência por conta do feriado prolongado, ‘Totalmente Demais’ chega ao último capítulo nesta segunda-feira. Entendidos informam que índices alcançados foram os melhores dentre as tramas do horário das sete. Tem repeteco no ‘Vídeo Show’, amanhã.

DELEGADO CABRINI - O ‘Conexão Repórter’, no SBT deste domingo, abordou o caso de possível estupro coletivo acontecido no Rio de Janeiro. Com tarimba de jornalista, Roberto Cabrini conseguiu obter mais – e importantes – informações do que o próprio substituído delegado.

DIVISÃO DE DÍZIMOS - A Globo pediu à Record R$ 140 milhões anuais para ceder jogos semanais do Campeonato Brasileiro. Além disso, exigiria em contrato que ela apenas exibisse os jogos que a própria Globo, decidisse. Resultado; a emissora carioca vai segurar sozinha a batata quente do que conseguiu junto à CBF. (Com Ricardo Feltrin, no Uol).

Programa resgata causos do futebol regional
CONTA OUTRA – O futebol sul-mato-grossense – graças a alguns – vive na história do torcedor local. Jogadores, dirigentes e técnicos estão no ‘Conto d...
Público dando um show no futebol de MS
QUEM NÃO AJUDA – Domingo de ‘Comerário’ no Morenão. Se dependesse apenas dos torcedores, o futebol de Mato Grosso do Sul teria vida longa no cenário ...
Caso da primeira-dama hackeada passou batido
EMPODERADO II – Talmir Nolasco, outro personagem histórico do rádio de MS, ‘deu um tempo’ aos microfones. Depois de atuar na campanha eleitoral do PS...
Rádio local disputa espaço com futebol na TV fechada
EMPODERADO – Personagem da história do rádio sul-mato-grossense, Nivaldo Mota atualmente dedica o talento em outras ondas. Em tempo real, entrevista ...



Bom dia! Não existe só Capital FM em nossa cidade. Ouça outras emissoras meu amigo, na Segredo FM tem vários pré candidatos a vereador, alguns se destacam, outros nem tanto. Atenção para Claudio Bidu, surgindo forte na região norte.
 
Noé Junior em 01/06/2016 08:37:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions