A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016


  • Ampla Visão
  • Ampla Visão

    com Manoel Afonso


11/11/2011 11:00

Amplavisão

Manoel Afonso

‘BOLOGNEZA’ O cheiro é inconfundível: do forno do STF está saindo a decisão que permitirá a renúncia de acusados antes da decisão do Conselho de Ética. E assim, eles poderão concorrer as eleições seguintes, sem problemas.

Veja Mais
Corporativismo político sem limites, segue a avacalhação
Pizzas, os políticos não abrem mão delas

PASMEM! A opinião pública também entende que a ética precede o direito. Valdemar Costa Neto, Jader e Roriz, por exemplo, mesmo sem condenação, não conseguem apagar as digitais de quem foi pego com a mão na botija.

SEMANA de relativa calmaria no cenário político guaicuru. Cada qual ‘cuidando de seu quintal, de sua horta’. Mesmo na AL nada de novo, nenhum fato político relevante que pudesse alterar as pedras do tabuleiro do ‘jogo’.

FRUSTRAÇÃO Apesar dos esforços de Paulo Siufi, ainda não foi desta vez que a ‘novela das conveniências e postos de gasolina’ chegou ao final. Vem aí uma audiência pública, mas isso não é garantia de solução a curto prazo.

SARNEY: “Dilma é continuidade sem continuísmo. A oposição tem bons nomes, mas falta proposta , idéia chave, a motriz do processo. Os partidos são cartórios que reúnem políticos e registram candidatos às vésperas das eleições.”

E MAIS...” Enquanto tivermos o voto proporcional uninominal, não teremos partidos políticos. O candidato tem de vencer não o adversário, mas o seu companheiro de partido para se eleger . O inimigo está dentro da legenda”.

ONDE CHEGAMOS! Na melhor universidade do país (USP) repudia-se a polícia em defesa do direito de fumar maconha. É esse pessoal que quer comandar os destinos do país no futuro? Felizmente esses ‘parasitas’ caíram do cavalo.

PÉROLAS do Hugo Chavez: “A primeira vez que eu vi Dilma falar, ela roubou meu coração. A política é a continuação da guerra. Sou guerreiro. Vade rettro Satanás! Não. Na Venezuela não há lugar para o neoliberalismo.”

A DIVERSIFICAÇÃO da matriz econômica do Estado é crescente. A parceira do Governo/ Fiems/Sebrae na capital e interior, abrangendo segmentos antes adormecidos, gera mais empregos/renda e bem estar à sociedade.

AQUELE velho e sempre atual discurso de Pedrossian, pregando o fim da dependência do ‘binômio grão/boi’ vai se materializando. Cada região explora o potencial e vocação econômica, aproveitando a infra-estrutura cada vez melhor.

FAZER POLÍTICA...é subtrair.Somar decepções...é um mal necessário...é trair na hora certa...é fazer o bem. Primeiro à sua família, é claro...é teimar com a mãe e se candidatar a vereador...é saber dar entrevista” (Eberth Vêncio)

NO SAGUÃO da AL a opinião é unânime: Guerreiro errou ao renunciar a suplência, quando poderia simplesmente ter se recusado a assumir. Falta de conhecimento ou fruto de orientação errônea? E ele teve um mês inteiro para decidir.

MARKETING. Kennedy perdia para Nixon nas pesquisas. Virou o jogo ao insistir na pergunta inovadora junto ao eleitorado: “você compraria um carro usado ‘dele’?” Não deu outra: em 08/11/1960 o então vice presidente perdeu.

CONCLUSÃO: nem sempre a postura do candidato deve se ater as suas propostas: tem que ir além, comparar e questionar o potencial dos adversários. No caso acima, o eleitorado entendeu que Nixon não era confiável.

A PROPÓSITO ficou famoso aquele bordão de Kennedy: “não perguntem o que o país poderá fazer por vocês; mas sim o que vocês poderão fazer pelos Estados Unidos’. Por aí, até hoje os políticos fazem uso da frase nos palanques.

NELSINHO afina a viola com André e o ‘dueto’ se aprimora ao longo de eventos e situações. O prefeito defende a partidarização ancorada no PMDB e saiu fortalecido da reunião da cúpula do partido e da fala de Esacheu.

CONVENHAMOS ‘Em cada órgão público, um companheiro atento ’. Essa pratica do PT funcionou bem ao longo dos anos, municiando o partido para praticar o denuncismo, ganhar espaço na mídia e assim chegar ao poder central.

HOJE a visão petista mudou. Não se aceita a liberdade de imprensa para denunciar irregularidades na administração. De saia justa com a sucessão de escândalos, a ‘ética’ é tida como coisa diabólica, que precisa ser exorcizada.

A FALA do deputado Emanuel Pinheiro (MT) na AL provou a influência da Lei 133 da Bolívia nos roubos de nossos carros associada ao narcotráfico. Mas nossa diplomacia paparica Evo Morales, como se ele fosse santo. É dose!

O DESAFIO de MT,MS, RO e AC – via Governadores e parlamentares, é convencer o Planalto a interferir nas leis bolivianas que legalizam os carros roubados aqui. Mas Lula só vinha aqui pescar, não conhece nada de geografia.

PIPOCANDO os escândalos das ONGs via Ministério do Trabalho no interior de MS. Já tem gente apostando que a capital não ficará imune com tantas entidades faturando alto nestes esquemas suspeitíssimos de dinheiro fácil.

LULA: “Um dia acordei invocado e telefonei para o Bush. A cabeça tem esse formato para que as idéias circulem. Quem especular contra o ministro Palloci, vai perder. O Governo tenta fazer o simples, porque o difícil é difícil”.

“Em dez ou vinte anos estaremos melhor que a Suiça”. (Evo Morales)

Corporativismo político sem limites, segue a avacalhação
DESAFIO Se o presidente Michel Temer (PMDB) não vetar, caso o Senado aprove o projeto bizarro da Câmara, o país irá culpá-lo e perderá o apoio das ru...
Pizzas, os políticos não abrem mão delas
NÁUFRAGO Culpando a TV Globo e o juiz federal Sergio Moro, o ex-deputado Antonio Carlos Biffi (PT) tentou no saguão da Assembleia Legislativa justifi...
Invasores das escolas, a nova aposta do PT
LUZ AMARELA Os casos do Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, com as finanças em colapso, estão sendo considerados pelo governador de Mato Grosso do Su...
Junior Mochi, ponto de equilíbrio na Assembleia
NOSTRADAMUS Não tenho seu dom, mas prevejo: o país de 2018 será outro. As delações premiadas da Odebrecht e Andrade Gutierrez cairão como meteorito n...



Manifestações reacionárias me dão medo, tanto quanto a polícia sendo usada como objeto de repressão de um estado relapso! Radicalismo Democrático Sempre! Fora saudosistas de plantão!
 
Carlos Eduardo em 16/11/2011 05:16:12
Aqueles estudantes da USP clicados por uma revista semanal, fazem pose de homens, mas não passam de delinquentes. São moleques que querem aparecer defendendo o uso da maconha, e em virtude disso, tém menos valor que os moleques da cracolândia, visto que os da cracolândia não tém os privilégios, que eles tém. A PM tém é que descer a borracha no lombo p/ q eles valorizem a democracia.
 
valter antunes em 14/11/2011 02:01:13
As ONGs nada mais são do que a institucionalização da corrupção que proporciona aos políticos a obtenção de recursos financeiros dos tres níveis de governo, sem que para isso tenham a obrigação de se expor, até porque, tais organizações, via de regra se encontram devidamente representadas por laranjas, dificultando a identificação dos verdadeiros atoresque nadam de braçadas nos recursos público
 
bene rodrigues costa em 13/11/2011 08:07:19
Pedro Pedrossiam foi apeado da politica um pouco cedo, para quem tinha a visão desenvolvimentista que tinha. Uma pena que outros fatos interferiram para sua derrocada politica. UFMS, UEMS, Morenão, Parque dos Poderes, Parque das Nações Indigenas e por aí vai, pena que ele não volta.
 
Antonio Moreli em 12/11/2011 10:35:38
A Polícia tem é que chegar a borracha no lombo desse bamdo de delinguentes viciados da USP e de todo o resto do PAÍS, que confundem DEMOCRACIA com ANARQUIA. Que saudades do regime MILITAR.
 
Arthur Kosloski em 12/11/2011 01:13:40
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions