A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

21/11/2016 12:19

Para renegociar dívidas, empresas parcelam débitos em até 60 vezes

Renata Volpe Haddad
Campanha Nome Limpo pretende atender até 20 mil pessoas, até dezembro. (Foto: Marcos Ermínio)Campanha Nome Limpo pretende atender até 20 mil pessoas, até dezembro. (Foto: Marcos Ermínio)

Consumidores acordaram cedo para iniciar a renegociação de dívidas durante a campanha Nome Limpo, que começou hoje em Campo Grande. Os interessados em resolver pendências com empresas vão encontrar parcelas em até 60 vezes e descontos nos juros, multas e correção monetária para pagamento à vista.

Veja Mais
Campanha que renegocia débitos de clientes com empresas começa hoje
Com quinta queda seguida, dólar comercial fecha cotado a R$ 3,37

Com dívida de R$ 10 mil, o trabalhador rural Vanderlei Rosano Alves Santana, 36, quer limpar o nome e quitar o débito com a Águas Guariroba. "Aluguei minha casa e quem estava morando, não pagava a conta, faziam gambiarra e toda vez que a empresa descobria multava em R$ 3 mil".

O trabalhador quer parcelar a dívida pois alega que não tem condições de pagar à vista. "Não posso pagar tudo isso à vista e aproveitei a campanha para resolver esse problema e tirar meu nome do SCPC".

De acordo com a coordenadora de cobrança da Águas Guariroba, Maria Cleide do Nascimento, para negociação à vista, o consumidor terá desconto de juros, multa e correção monetária. "Quem quiser parcelar, dividimos a entrada em até 10 vezes no cartão de crédito e o restante pode ser parcelado em até 60 vezes, sempre analisando o orçamento do cliente, o débito dele e o consumo atual", informa.

A expectativa é atender durante a campanha, cinco mil pessoas. "Automaticamente, quando o cliente negocia o débito, religa a água dele. As vantagens são inúmeras e o cliente fica com o nome limpo", afirma a coordenadora.

O autônomo Nayjhon Rodrigues dos Santos, 25, negociou a dívida de R$ 2,6 mil com a Energisa. "Achei as condições de pagamento bem acessíveis e vou pagar em 24 vezes".

Durante a campanha Nome Limpo, a Energisa pretende recuperar R$ 1 milhão e nesta semana, a expectativa é atender de 300 a 400 consumidores. As condições de pagamento são as seguintes: 50% de desconto em juros, multas e correção monetária no parcelamento em 24 vezes. À vista, a empresa isenta todos os juros e multas.

Quem foi cedo renegociar a dívida, foi Jair Bispo da Silva, 62. "Morava em uma casa alugada e quando sai não pedi o consumo final. Devia R$ 480 e agora, cortaram a luz da casa onde moro por causa dessa dívida. As condições me agradaram e vou parcelar o valor em até 12 vezes".

A Bigolin também está na campanha para renegociar as dívidas dos clientes. Segundo a encarregada de contas a receber da empresa, Beatriz Plenamente, o valor devido é bem expressivo, sem falar os números. "A empresa parcela o valor no cartão de crédito ou boleto em até 8 vezes e à vista, dá desconto de até 30%, dependendo do valor a negociar".

Consumidores foram cedo renegociar os débitos. (Foto: Marcos Ermínio)Consumidores foram cedo renegociar os débitos. (Foto: Marcos Ermínio)

Cenário - Conforme o economista-chefe da associação, Normann Kallmus, este é o momento das pessoas quitarem as dívidas e limparem o nome.

"O ano passado foi bem complicado para os brasileiros, houve um aumento na taxa de desemprego e sem salário, as pessoas não tinham como quitar as dívidas. Este ano, vemos que aqui em Campo Grande, está tendo um crescimento na oferta de empregos, mais pessoas estão trabalhando e com isso, aumenta o poder de compra. Este é um momento bom, com o 13º, para quitar as dívidas", explica.

Campanha - São 900 empresas participantes da Campanha Nome Limpo. Apenas três, Energisa, Águas Guariroba e Bigolin estão na sede da ACICG para atender os clientes.

Segundo o diretor da Boa Vista SCPSC, Renato Paniago, os consumidores que tiverem dívidas com outras empresas, devem acessar o site da ACICG para conferir quais estabelecimentos estão participando da campanha ou ligar para o número 3312-5000. "Os consumidores podem procurar as empresas que estão na campanha, pois elas, estão com condições especiais para renegociação".

A expectativa deste ano é de atender 20 mil consumidores.

A ACICG está localizada na rua 15 de novembro, número 390, Centro, em frente a praça Ary Coelho. A campanha acontece de até 21 de dezembro em todas as empresas participantes e de  21 de novembro a 25 de dezembro, das 8h Às 17h, na sede da ACICG, com Águas Guariroba, Bigolin e Energisa.

 

Campanha que renegocia débitos de clientes com empresas começa hoje
Começa às 8h de hoje, a 11ª edição da campanha Nome Limpo. A ação quer recuperar R$ 6,5 milhões em dívidas com empresas do comércio de Campo Grande, ...
Com quinta queda seguida, dólar comercial fecha cotado a R$ 3,37
Com uma queda de 0,3% nesta sexta-feira (9), o dólar comercial fechou cotado a R$ 3,373 na venda. Essa foi a quinta queda seguida e com o menor valor...
Sindicato articula debate sobre reforma na Previdência no Congresso
Todas as coordenadorias estaduais do Sindicato Nacional dos Aposentados estão articulando junto aos representantes de seus estados no Congresso Nacio...
Recursos do FCO podem ser usados para pagar até impostos
O Sudeco (Conselho Deliberativo do Desenvolvimento do Centro-Oeste) aprovou nesta semana, mudanças nas do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions