A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

18/11/2016 12:07

Reajuste do IPTU deve ser decidido entre Bernal e Marquinhos

Priscilla Peres

A secretaria de Finanças da gestão Alcides Bernal (PP) entrega hoje à equipe de transição, relatório sobre o reajuste do IPTU 2016 (Imposto Predial, Territorial e Urbano). A decisão sobre o reajuste será tomada em conjunto entre Bernal e o prefeito eleito Marquinhos Trad (PSD), mas deve ficar dentro da inflação.

Veja Mais
Além da previdência, transição busca dados sobre dívida ativa e IPTU
Reajuste de IPTU e passagem de ônibus será de até 8,78%, diz Bernal

A previsão é de que o IPTU fique 8,78% mais caro este ano, índice dentro da inflação de 12 meses, mas de acordo com o secretário de Finanças, Disney de Souza, a decisão final sobre o aumento será tomada pelo prefeito, após reunião com Marquinhos Trad.

"É a base (reajuste dentro da inflação) como temos tratado o IPTU nos últimos anos. Temos optado por só recompor valores, mas sem atualizar a planta. Então a tendência é que isso seja mantido", disse o secretário hoje.

A reunião entre equipes deve acontecer na tarde de hoje, mas a divulgação oficial sobre o valor de reajuste só na próxima semana. No ano passado, a prefeitura atualizou o IPTU em 9,57%, abaixo do valor correspondente à inflação acumulada no ano. Caso o aumento ultrapasse o índice inflacionário, a decisão precisa passar por aval da Câmara de Vereadores.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions