A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

24/10/2014 13:30

Banda ao vivo de karaokê faz sucesso em festas ao transformar convidado em astro

Lado B
Uma das festas com a Live Karaokê. (Foto: Divulgação)Uma das festas com a Live Karaokê. (Foto: Divulgação)

As fotos no site da Live Karaokê indicam diversão certa em festas de casamento, aniversários e eventos empresariais. O grupo toca em apartamentos ou grandes espaços, depende da vontade do cliente. Chega, instala o show e chama o público para cantar no palco. O problema é que só encontramos esse tipo de atração em São Paulo, não sabemos de nada parecido aqui em Campo Grande.

Veja Mais
Alguém conhece lugares que vendam bolo, realmente, no pote de vidro?
De super-herói a câmera analógica, presentes para nerds estão em alta

Nas festas com a Live, a pessoa escolhe a música em um menu com mais de mil canções e vira astro, acompanhado ao vivo, com bateria, guitarra e tudo mais que um pop star precisa para brilhar.

Criada há 8 anos, o negócio já rende cerca de R$ 1 milhão por ano. A ideia é realmente bacana e o Lado B divulga na tentativa de inspirar bandas locais a oferecerem serviço semelhante. Para quem contrata a Live Karaokê, o investimento varia de R$ 5 mil e R$ 10 mil.

A banda toca em todo o Brasil e tem a diversidade no repertório como trunfo. Hoje, por exemplo, a mais pedida é Lepo Lepo, mas no ranking de preferências também surgem os sertanejos Jorge e Mateus e o Mamonas Assassinas.

A proposta é fazer do convidado o líder de uma banda famosa, nem que seja enquanto durar uma música.
Antes da animação tomar conta da platéia, o grupo faz o show sozinho, até que as inscrições para cantar apareçam.

Para ajudar, são instalados monitores LCD que exibem a letra e as cifras da canção escolhida por cada participante, que podem subir ao palco em duplas, trios e até quartetos, também para tocar os instrumentos.

O repertório é elaborado de acordo com a festa, inclusive, com lista só para comemorações de crianças ou adolescentes. Há também o Camarim Maluko, um espaço anexo ao palco para quem quiser se caracterizar antes da performance.

Tomara que essa ideia inspire alguma banda por aqui.

 

Foto de divulgação da banda. (Reprodução internet)Foto de divulgação da banda. (Reprodução internet)



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.