A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

12/08/2013 06:33

Nem banheiro de rodoviária é pior do que o de hipermercados da cidade

Ângela Kempfer
Banheiro para deficiente físico não tem nem porta no Extra.Banheiro para deficiente físico não tem nem porta no Extra.

Compras em supermercado já é tarefa de poucos amigos, mas a hora realmente “triste” é quando o cliente precisa correr para o banheiro e se depara com estruturas de dar nojo. “Fico impressionada porque é um comércio né? Precisava ter mais cuidado com a clientela”, diz a vendedora de semi-jóias Sandra Bernardi, de mãos dadas com a filha que até então estava “apertada”.

Veja Mais
Oficina oferece de graça curso básico sobre veículos para mulheres
Escola para crianças de até 6 anos não vai fechar nem nas férias

Há alguns extremos, onde é difícil encontrar sabonete e quando o sanitário tem porta, o que falta é a tranca. O Extra, da rua Maracaju, é o pior neste quesito. Dos 3 sanitários femininos, um não tem porta e outro não tem tranca.

O aspecto é de abandono. Além do cheiro ruim, as paredes estão descascadas e o “porta-sabonete” parece mais um caninho improvisado sem nem uma gota. “Isso porque você não viu o masculino. Tem um adesivinho de decoração aqui na entrada, a gente até pensa que o banheiro vai ser bonitinho, mas é detonado”, comenta o servidor público Cláudio Fernandes.

O Lado B passou pelos sanitários no mesmo período, no meio da tarde de uma quinta-feira, depois voltou, no sábado. Não há diferença. Independente do dia da semana, a situação é ruim.

No Carrefour do Shopping Campo Grande, o odor é no mínimo “lamentável”. No lugar das trancas originais nas portas, há um buraco e um chumaço de papel para evitar que a pessoa que está lá dentro, sentada, seja vista. 

E isso não é de hoje, lembra a vendedora Suyenne Pereira. “Venho aqui há mais de 3 anos, sempre foi assim. Ninguém reforma, ninguém melhora. Acho estranho porque a imagem do supermercado fica comprometida”, comenta. Todas as portas tem frases deixadas por desocupados, algumas já quase sem tinta, depois de tanto tempo ali.

No banheiro feminino, na quinta-feira não havia sabonete liquido em nenhuma das seis pias e um recipiente fixado na parede também estava vazio. No sábado, nada mudou. “O papel higiênico também é uma lixa. Poxa, bem que eles podiam melhorar, afinal devem comprar isso bem mais barato”, reclama Suyenne.

No Carrefour, as trancas originais já desapareceram há tempos, as portas estão descascadas e os porta papel higiênico quebrados.No Carrefour, as trancas originais já desapareceram há tempos, as portas estão descascadas e os porta papel higiênico quebrados.

No concorrente Walmart, da avenida Mato Grosso, nos dois dias de visita do Lado B, o cheiro não era dos melhores. Mas apesar da falta da capa que encobre a descarga, dos porta papel higiênico e toalha estarem estragados, pelo menos não havia lixeiras abarrotadas, como nos dois locais anteriores, o que mostra que, pelo menos, limpeza constante há.

O Comper tem um banheiro diferente de todos os outros por ser melhor iluminado e arejado. O odor, durante as duas passagens pelo local, era de limpeza. As portas de alumínio também impedem que os vândalos deixem as clássicas escritas de porta de banheiro, o que melhora o aspecto.

Outro problema nos hipermercados são os fraldários, mais um item que deixa muita mãe na mão em Campo Grande na hora das compras.

No Comper, há espaço para a troca de fraldas, mas apenas com uma torneira e o trocador. Na passagem pelo local, não havia, por exemplo, a básica toalha de papel.

No Carrefour, o fraldário é bem mais amplo, inclusive, com sanitário mais baixo, para as crianças. Mas apesar da decoração de bichinhos, não há qualquer conforto extra e o mobiliário tem aspecto de velho e sujo.

Já no Walmart, o espaço para as mães e bebês fornece até as fraldas, em tamanho P, M ou G e um microondas, para quem precisa esquentar a mamadeira.

Como lanterninha no ranking dos melhores banheiros da cidade, o Extra nem sequer tem um fraldário.

No Comper, portas de alumínio impedem frases típicas de banheiros.No Comper, portas de alumínio impedem frases típicas de banheiros.
Fraldário do Wallmart tem microondas e fraldas separadas por tamanho.Fraldário do Wallmart tem microondas e fraldas separadas por tamanho.

Bonitinhos – Apesar da má fama, em Campo Grande os banheiros da Feira Central e da nova rodoviária são bons exemplos de cuidado. Você pode até se deparar com o contrário, mas a experiência do Lado B foi tranquila. Até os sanitários da praça Ary Coelho estavam melhor cuidados no último fim de semana.

No sábado, em pleno Festival do Sobá, o maior banheiro da feira cheirava limpeza. O cuidado começa pela decoração simples, mas que mostra o apreço pelos frequentadores, com revestimento de madeira laminada, portas dos sanitários adesivadas e até quadro na parede.

Na porta, uma das responsáveis pela manutenção ensina. “Como é muita gente, não dá para ficar muito tempo sem passar por aqui. A gente vem, limpa, depois da uma voltinha e de novo e limpa outra vez”, contra a funcionária que divide a tarefa com outra colega.

Quem precisa usar os sanitários na rodoviária, na saída para São Paulo, também encontra tudo e dia, do sabonete, à limpeza. O banheiro tem até alguns "luxos" se comparado aos outros, com saco plástico na lixeira que tem, pasmem, tampa. 

Banheiro da rodoviária, super limpinho.Banheiro da rodoviária, super limpinho.
Na Feira Central, mais um exemplo de cuidado.Na Feira Central, mais um exemplo de cuidado.
Até na praça Ary Coelho banheiro público é melhor.Até na praça Ary Coelho banheiro público é melhor.



As vezes fico pensando, como a Saúde do Município fica apavorando os ambulantes e outros mais que tentam trabalhar e viver honestamente, sendo que fica inerte com os mercados, neste sábado fui ao Extra Supermercado e contamos 10 pombas entre as prateleiras do mercado se alimentando, bater nos pequenos é fácil, porque não enfrenta os
Gigantes?, enquanto isso como fica a saúde da população?
 
Edson Silva em 20/08/2013 10:26:20
parabéns pela reportagem, encaminhe esse fatos às autoridades, legislativo e executivo, principalmente, afinal , todos pagamos impostos
 
francisco sanabria em 12/08/2013 22:42:21
ao contrario do que algumas pessoas falaram o banheiro da rodoviária e gratuito somente paga-se para tomar banho....e logico que em alguns horários estão mais limpos mas depende um pouco mais e da educação das pessoas que já acostumaram com banheiros sujos e acabam não dando descargas,jogam papel no chão e em cima das pias a verdade e essa!!!!!
 
silmara cristina em 12/08/2013 22:21:45
Não podemos deixar de fora dessa lista dos indicados ao oscar de banheiro mais podre, o Atacadão, só não sei dizer se o Atacadão ganha do Extra rrss
 
janaina silva em 12/08/2013 22:17:57
Olha, o banheiro da Feira Central, no Sábado estava uma imundice, fedido, uma sujeira só, e olha que fui relativamente cedo na feirona, cheguei por volta das 7 da noite, e fui ao banheiro, uma sujeira, fui embora por volta das 11 e novamente fui ao banheiro, estava mais sujo ainda, parecia que nem tinham limpado, e sempre que vou lá o banheiro está um lixo.
 
Rodenir Leite em 12/08/2013 20:43:07
E o pessoal relaxado que entra nos banheiros pensando que está em casa: urina na tampa, descarga nem pensar, papel no chão, desperdício de papel toalha. E olha que são bem grandinhos!!! O jeito é deixar uma pessoa responsável nos banheiros não só para a limpeza, como para dar um pouco de educação a quem não tem.
 
Margareth Vieira em 12/08/2013 19:20:07
É impressionante como a população de campo grande são relaxadas , todos os prédios , tanto mercados e públicos quando são inaugurados são entregues a população, estão tudo bonitinho impecável, mas os próprios usuário destroem tudo, não zelam dos benefícios que tem , por isso acaba se transformando nisso que vemos, infelizmente acaba se transformando em caos, a população tem que se conscientizar e cuidar . Será que fazem isso em casa também? Só pode , a educação vem de berço.
 
helena da costa andrade em 12/08/2013 19:11:41
Alguém já precisou entrar no banheiro das lojas Americanas?Um lixo! Pior foi o tamanho do rato que vi dentro da loja!
 
Enaura C Freitas em 12/08/2013 19:09:47
Verdade, fui no banheiro do Comper e estava fedido que dói. Já no banheiro do Belmar Fidalgo, quando entrei estava cheirando desinfetante, com papel e sabonete, fiquei positivamente surpresa.
 
Paula Maura em 12/08/2013 18:25:18
Sábado fui ao banheiro das Lojas Americanas na Dom Aquino, gente !! é o pior de todos, completamente abandonado horrivel, igual banheiro de presidio, o consumidor precisa de mais respeito só pensam no lucro.
 
Carlos Roberto em 12/08/2013 17:57:59
É verdade.
 
Luis Castro em 12/08/2013 16:52:21
Problema é que tais setores são idealizados pensando no cliente, quando na verdade a maioria dos usuários é composta de pessoas que nem estão ali como clientes do estabelecimento mas sim do sanitário e afins.
 
Marco Tulio em 12/08/2013 16:16:52
Cabe a algum órgão público, pago com NOSSO dinheiro, a fiscalização dos banheiros desses estabelecimentos?? Eu, antes de pedir o cardápio num restaurante, visito o banheiro, por lá imagino como deve ser a higiene do todo o estabelecimento.
 
Gerson Silva em 12/08/2013 16:11:04
... No novo Comper da Júlio de Castilhos para as minhas compras mensais de julho e agosto eu não vi um pingo de água que fosse nas torneiras do banheiro feminino. Queria tanto lavar minha mãe e tive de apelar apenas para passar um papel e ficar por isso mesmo. Que pobreza, que miserê!!! Pelo menos no prédio antigo, ao lado da av. Crisântemos, nunca vi ocorrer essa lástima.
 
Lucia Maria Miranda em 12/08/2013 16:10:14
Concordo com o Paulo Correia. O banheiro do Fort Atacadista é horrível. Ainda bem que tem o do shopping, que é infinitamente melhor, para salvar.
 
Cibely Paes em 12/08/2013 15:45:27
PESSOAL!!! Hoje em dia se resolve muitas coisas através de denúncias feitas em rede social, o Facebook por exemplo... Já pensou se todos que lerem essa matéria compartilhar lá no site? Amanhã mesmo essas grandes empresas vai começar a tomar providências. Vamos COMPARTILHAR A MATÉRIA NO FACEBOOK JÁ!!!
 
Rosangela Garcia em 12/08/2013 15:29:13
É de dar nojo mesmo! Ganham tanto dinheiro, e deixam a desejar nas necessidades básicas de atendimento ao cliente!
 
Silvia Camargo em 12/08/2013 15:00:55
Gostei desses comentários falando dos banheiros, mas não podemos esquecer dos bebedouros, que não são,higienizados, por incrível que pareça e estão com defeitos e o pior não tem água, quinta-feira, estive no Comper do São Francisco, e não tinha água para beber, com esse tempo seco, fui até o saque, para fazer a reclamação por escrito, a atendente me falou que ia informar o pessoal da manutenção outra vez., não fui mais lá, será que na próxima quinta já vai ter água. Esses estabelecimento só pensam em vender, tem que pelos menos prestar serviços básicos aos consumidores de qualidade, pensam nisso.
 
wanda silvia em 12/08/2013 14:59:33
Se eu fosse vereador fazia uma lei exigindo banheiro em comércio em geral, pois existem lojas que você pede um banheiro e eles respondem que o banheiro da loja é só para funcionários, acho um absurdo, pois eles querem cliente e não são capazes de oferecerem nem o banheiro, imaginem se a gente pedissem água ou um café, seria só pra ter um NÃO na cara! Uma vergonha em se tratando de uma Capital, depois reclamam que a gente só quer ir em shopping.
 
solange aparecida gaite carvalho em 12/08/2013 14:57:21
Vão no banheiro da convêniencia do alemão,lá é terrorismo.
 
Tulio Marcos em 12/08/2013 14:56:50
O banheiro da Feira Central, é bonitinho e limpinho só na foto, inclusive já fiz reclamação por escrito. Toda semana eu vou a feira com a família, e quando preciso ir ao banheiro está sempre sujo, não existe gancho para pendurar bolsa, não tem tranca nas portas, o lixo sempre transbordando, falta toalha de papel, mutitas vezes a gente tem que pegar papel higienico para secar as mãos, sem contar com o odor, várias vezes me deparei com o suporte para papel higiênico jogado no chão e etc... Em fim é uma vergonha...
 
CILENE HOLSBACAK em 12/08/2013 14:37:25
O que dizer dos banheiros do Cinemark? Um desrespeito total ao consumidor (que paga bem caro por sinal)...
 
Thais Barbosa em 12/08/2013 14:27:30
Studio Z da 14 de julho não tem banheiro pra cliente, um loja de 3 andares sem banheiro, Os atendentes fizeram eu subir e descer todos os andares para minhas filhas usarem o banheiro deles.
 
ritha cassia em 12/08/2013 14:04:33
Olha gente nem todos os banheiros de Comper mencionados são como dizem, pra quem conhece o Comper Tijuca, dificilmente tem do que reclamar, pois existe uma equipe permanentemente cuidando da limpeza, porém a questão educação do cidadão é muito discutível, pois muita gente não sabe cuidar desses lugares e não adianta limpar e o cidadão não se preocupar em dar descarga, fazer suas necessidades no local correto, sem urinar no chão e jogar papel na lixeira, não é culpa do Comper neste caso, e falta mesmo de educação.
 
Junior Ferreira em 12/08/2013 13:47:07
Elogios a quem mereçe elogio!
Faço minhas compras mensais no MAX ATACADO na Norte Sul, quase chegando na Avenida Manoel da Costa Lima, não sei se tive sorte mas as vezes que usei os banheiros de lá estavam impecáveis, limpissimos e CHEIROSO. Elogiei ao caixa e aos meus parentes que estava comigo ali. Espero que continuem assim! Agora, fui num banheiro da Pernambucana do centro em fim de tarde, quase vomitei os BOFES, além de não ter papel higienico estavo PODRE. Detalhe: Tinha uma moça terminando de limpar!
 
Val Dantas em 12/08/2013 13:32:56
Espero, que as redes ANGELONI venham para Campo Grande. No Angeloni, tudo é maravilhoso... inclusive a Padaria é um espetáculo, cada sonho(morango, chocolate, goiabada,creme e o tal doce de leite). Uh!!! verdadeiras delícias, não essas porcarias que a gente vê aqui, principalmente no Comper. Parece que fazem as coisas para PORCOS...tudo melado, escorrendo com mosquitos voando.
Soube que esta chegando o Pão de Açucar, mas o Angeloni é DEZ em todos os quesitos. Inclusive, nas bebidas importadas para quem gosta de um bom vinho,etc.
 
Neyde de Oliveira em 12/08/2013 12:37:44
E os copinhos descartáveis dos bebedouros,que na rede comper não existem,ou tem que implorar no famigerado SAC.
 
Rubens Ferreira em 12/08/2013 12:19:39
Faltou o do fort atacadista da presidente vargas, o banheiro masculino parece uma pocilga, que me desculpem os porcos....
 
paulo correia em 12/08/2013 11:49:02
Fui sábado no banheiro das Lojas Riachuelo do centro,e fiquei horrorizada, pois possui apenas um banheiro para homens, mulheres e deficientes, e tinha uma enorme fila de espera.E tem uma péssima manutenção. Uma loja de grande porte como ela, que passou por reformas ao pouco tempo, deveria investir melhor na infraestrutura para atender adequadamente os seus clientes.
 
Denisia Leite em 12/08/2013 11:43:52
Galera os banheiros da rodoviária nova de campo grande não é pago.
 
Elaine de Almeida em 12/08/2013 11:13:26
Já visitei a Praça Ary Coelho muitas vezes e dessas vezes, 4 fui ao banheiro em horário diferentes e sempre vi muito limpinho e caprichoso. Na feira também é muito limpo, não posso reclamar como cliente - Parabéns aos responsáveis da limpeza. Já fui no Wallmartt, mas não no banheiro, mas ouvi elogios até do atendimento. Em compensação o Extra... Sem comentário, pois se eu ficar aqui falando desse supermercado, não vou falar apenas banheiro nojento, mas do péssimo atendimento, faz tempo que perdeu uma cliente!
 
Ly Souza em 12/08/2013 11:05:33
Como assim os banheiros do comper são bons?? São bons para criar ratos, ai sim.
 
Lair Goo em 12/08/2013 10:20:46
Isto é o que dá permitir a grande quantidade de mercados do Comper em Campo Grande. Eles estabeleceram um verdadeiro monopólio em Campo Grande. Muitos supermercados e mercearias pequenos, foram fechados devido a concorrência brutal, para implantar as grandes redes de supermercados em Campo Grande. Hoje se a rede Comper "quebrar" eu quero ver onde vamos comprar alimentos. Adquiri-se o que eles vendem e não o que vc quer comprar e ao preço que eles (os grandes), quiserem. Quem mora em Campo Grande não sabe, mas aqui é uma das cidades das coisas mais caras do país.
 
Gilberto Ozuna em 12/08/2013 10:17:04
Sábado fui ao comper YPÊ...Affe o banheiro é de dar nojo!!!É uma pena, pois uma rede de hipermercados de renome com essa situação...
 
Ana Souza em 12/08/2013 09:59:38
o banheiro não é nada perto do desrespeito com o cliente, sofri um acidente no extra por falta de manutenção, haviam quebrado um vidro de azeite e não havia uma sinalização e muito menos a limpeza do local. quebrei o joelho, sofri cirurgia, fiquei com uma cicatriz horrível e para eles pagarem pelo menos os gastos materiais foi uma lenda, tive que fazer empréstimo para bancar os gastos iniciais, fiquei de licença, perdi minhas férias, e eles pagaram depois de quase dois meses de muita insistência,. quando mais precisei passei foi muita raiva, e tal "casa do cliente" em são paulo é para tirar qualquer ser humano do serio tamanha a falta de respeito com a dor de seus clientes. uma empresa do porte do extra do grupo pão de açúcar deveria pelo menos ter um banheiro decente.
 
eeliane castelo em 12/08/2013 09:56:15
Isso pq estamos numa "capital". Amigos em visita a Marília/SP fui a um supermercado o "Confiança" o banheiro deles tem o resumo da história da cidade em um painel lindo, isso sem falar na limpeza, papel higiênico de primeira, o perfume, até absorvente eles oferecem e olha que nem é capital hein? Nós campo-grandenses temos de aprender a exercermos nossos direitos de reclamar e cobrar providência, já que espontaneamente as coisas não acontecem mesmo. Porém temos também de fiscalizar as pessoas que fazem mau uso das coisas que temos, já que demoramos a conseguir. É um processo longo e demorado, porém se ninguém começa, nunca vamos terminar.
 
VANIA RAMOS em 12/08/2013 09:39:29
Simples, nas rodoviárias paga-se para utilizar os banheiros...
Enquanto nos Supermercados qualquer um entra e faz a desgraça por lá.
Já vi alguns que tinha m... nas paredes...
Isto é coisa que se faça?? Mas, como diz o dito popular: costume de casa vai à praça!!!!
 
Cleidiane Acilene Valentim Mendes em 12/08/2013 09:22:03
Concordo com a matéria, os banheiros destes locais são uma porcaria, mas o do shopping Norte-Sul não fica muito atrás não...
 
Kaio Gleizer em 12/08/2013 09:18:55
Como assim do comper estava bom??? Estive poucos dias no Comper Jd.Estados e o cheiro era horrível e falta de limpeza e cesto lotado era o quadro!Banheiros do Shopping Campo Grande justo na praça de alimentação são horríveis, mau cheiro recende nos mictórios masculinos e sensores que não funcionam. Antes deixar os antigos botões para serem acionados certo?!!
 
Paulo Gomes em 12/08/2013 09:18:08
Para completar as reclamações, fica a minha indignação com relação a acessibilidade para cadeirantes. fui ao banheiro do Extra hiper da Maracaju, espaço para cadeirante havia, porém o detalhe é que a porta abria para dentro e não havia como fecha-la, simples assim!!!!
Não sei se a situação mudou, nunca mais voltei lá. Mas vou deixar a dica para os SUPER e HIPERMERCADOS e outros estabelecimentos frequentados pela população.
Toalete para cadeirantes, ou a porta abre pra fora, ou deve ser de correr, mais detalhes, a saboneteira e toalheiro não podem ser instalados nas alturas, espelho, se tiver, deve ser mais baixo ou ligeiramente inclinado que é o mais ideal pois todos poderão utiliza-los de forma igual, ao instalar uma pia, tente usá-la sentado em uma cadeira. Fica a dica.
 
Nelson Correa em 12/08/2013 09:12:36
Já mandei um e-mail para o pessoal do extra uma vez, dizendo justamente que o banheiro era pior que o da rodoviária, se receberam não leram, se leram não prestaram atenção. Conforme o ângulo de quem estiver no caixa é possível ver o acontece dentro do banheiro, não sei se já arrumaram.
 
Alcenair Nobre Costa em 12/08/2013 09:01:58
O banheiro do Extra 24 horas, sempre foi um dos piores, acho uma falta de respeito com todos os clientes que frequentam lá todos os dias...

 
Liarah Souza em 12/08/2013 08:54:36
continuou na mesma, a vigilância foi acionada para a coisa funcionar. Eta!!! povinho PORCO e SEM a minima EDUCAÇÃO, e olham o comprimento da saia, lambendo o chão, falam em Deus e agem como o capeta.
 
Juan Charlymoon em 12/08/2013 08:47:05
O banheiro do Extra não tem porta por que vai que alguém fica preso e não consegue sair, principalmente o banheiro para pessoas com necessidades especiais. É uma vergonha mesmo os comércios, ainda mais ricos como são os super e hipermercados deixarem os sanitários chegar a um ponto deste, agora vamos falar também que a nossa população é beeeeeem porca quando vai ao banheiro, já trabalhei em comercio com grande rotatividade de pessoas e sei bem que no quesito pessoas porcas nossa população não deixa barato não, faltava um pouco de cuidado do povo também, é mulher que cospe no chão do banheiro, homem que urina na parede, o povo joga papel molhado dentro da pia em vez de jogar no lixo, enfim, a população podia ajudar um pouco também, e os ricos são os mais porquinhos...
 
moacir cafaro em 12/08/2013 08:45:36
O Extra, realmente tem um lixo de banheiro. Na realidade, o Extra há tempo vem deixando muito a desejar no atendimento( filas horrorosas, produtos com preços diferentes do anunciado, essa surpresa você percebe somente ao pagar se estiver ATENTO.), banheiros caóticos, praça de alimentação, muitas das vezes têm até mosca sobrevoando nossas cabeças. Tudo bem, que a praça de alimentação é responsabilidade do mercado, restaurante e lanchonete lá existente. Mas, só vejo as meninas do restaurante fazendo a limpeza. Inclusive, são os clientes daquela lanchonete sujam a praça e os ignorantes dos donos não limpam, se chamar atenção deles viram o capeta. Há dois anos, atrás uma amiga teve problema sério com aquele povinho da lanchonete, a mesma reclamou ao gerente do Extra quanto a higiene e a coisa
 
Juan Charlymoon em 12/08/2013 08:45:04
O comper da Fernando Correia Tem um banheiro Horrível, sujo, sucateado e muitas vezes não tem nem papel higiênico.
 
Eneida Cristina em 12/08/2013 08:42:11
Excelente matéria sobre banheiros nos hipermercados.
Na nossa rodoviária, se não me engano o usuário precisa pagar para ter acesso, pois ano passado vi uma matéria a esse respeito.
Gostaria de dizer que infelizmente isso é um problema de educação, pois as próprias pessoas usuárias são as que depredam os banheiros e jogam lixo no chão. Enfim, não estou defendendo ninguém, más também temos que fazer nossa parte.
 
Maria Izildinha Fernandes Remijo em 12/08/2013 08:37:52
E ainda falam que é pobre que frequenta banheiros é que é porco. Vai vendo, utiliza o banheiro dos shopping das elites ai vc vai ver também o que é chi-queiro com cheiro podre.
 
jose carlos em 12/08/2013 08:16:08
Gente, esta história do fraldário é um problema em vários supermercados. No Comper da Mato Grosso o fraldário é muito aberto, perto do lixo e não há condições de colocar um bebê deitado ali para trocar a fralda. Vamos melhorar a situação aí né administradores do Comper (principalmente o da Mato Grosso).
 
Natalia Yahn em 12/08/2013 08:09:56
E TEVE UMA REFORMA DE R$ 6.000,000,00. HÁ POUCO TEMPO, O ENGENHEIRO ESQUECEU DO BANHEIRO.
 
FABIO BERTOLO em 12/08/2013 08:01:10
Nós sabemos que os empresários só pensam em ganhar dinheiro, mas a nossa cultura, educação, vai de acordo com essas situações. Há pessoas que ver fazer correto, mas insiste em deixar desarrumado ou até destruir. Muitas pessoas não sabem pisar num tapete, não sabem usar um banheiro e deveriam continuar morando na fazenda.
 
luiz alves em 12/08/2013 08:00:16
Volta lá ta limpo hoje.. amanhã volta ao normal, pode ter certeza!!
 
Sergio lima em 12/08/2013 07:59:05
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.