A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

13/02/2015 20:27

Blocos de carnaval já somam mais de 20 grupos organizados na capital

Daniel Machado

Desde sua fundação, em julho de 2008, a Associação dos Blocos, Bandas, Cordões e Corsos Carnavalescos e Culturais de Campo Grande passou de quatro para 22 blocos membros da entidade, alguns com até 800 integrantes.

Veja Mais
Coletivo de DJs organiza festas com música para 'dançar mais e reparar menos'
Com poucas opções, veja onde curtir as festas de fim de ano em Campo Grande

Neste ano, 16 desses grupos participarão do desfile oficial, que acontece no dia 15 de fevereiro (domingo), na Esplanada Ferroviária, com saída em frente ao Armazém Cultural, a partir das 18h.

Segundo o diretor da associação Dercides Nunes, esse crescimento é devido ao acolhimento dado pelos grupos carnavalescos aos foliões.

“Os blocos são voltados para a família, sempre há muitas crianças. Além disso, é mais fácil participar, não é rígido como nas escolas de samba, é mais simples, basta chegar e brincar”, argumenta. Contente, ele conta o episódio que ocorreu há cerca de três anos: “Uma família paranaense conheceu um dos blocos campo-grandenses e agora volta todos os anos para pular o carnaval aqui”.

Para o desfile deste ano, 16 blocos já se preparam, sendo dez de embalo e seis cordões. O diretor Dercides explica que nos primeiros, o som é feito por bateria, não tão grande e complexa como as das escolas de samba, mas no mesmo estilo.

Já nos cordões, a música fica por conta de bandas de sopro, que seguem o cortejo entre os foliões. Grupos independentes também colaboram com o espetáculo (sem concorrer aos prêmios oficiais do carnaval), participando do desfile nos intervalos das apresentações.

Organização - A expectativa para este ano está em níveis elevados, segundo os carnavalescos, que esperam “um dos melhores carnavais de todos os tempos em Campo Grande”, nas palavras de Dercides Nunes. A estrutura – garantida pela prefeitura, que organiza os eventos em parceria com a associação dos blocos, a FUNDAC e a Fundação de Cultura do Estado – inclui segurança, banheiros químicos e controle de trânsito.

Quanto ao espetáculo, a associação afirma que este também será diferenciado em 2015, pois os eventos contarão com decoração especial e até praça de alimentação no local dos desfiles. O diretor Nunes ainda faz questão de reforçar que tanto a entidade quanto a prefeitura observam rigorosamente a legislação relativa às crianças e adolescentes, já que os pequenos são em grande parte responsáveis por esse crescimento do número de foliões.




imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.