A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

15/09/2012 13:38

Com tudo pronto, Mundo Jurássico abre as portas na segunda-feira

Elverson Cardozo
Os grandalhões: tiranossauro rex (à equerda) e  mamenquissauro (no centro). (Foto: Rodrigo Pazinato)
Os grandalhões: tiranossauro rex (à equerda) e mamenquissauro (no centro). (Foto: Rodrigo Pazinato)

A Cidade do Natal, instalada nos altos da avenida Afonso Pena, em Campo Grade, já recebeu as réplicas de dinossauros da exposição “Mundo Jurassico”, que será aberta ao público na segunda-feira (17).

Veja Mais
Rabo de dinossauro no meio da Afonso Pena desperta curiosidade de motoristas
Organização muda data e Cidade do Dinossauro estreia na segunda-feira

A montagem e o transporte das peças aguçaram a curiosidade de muita gente. Na quarta-feira (13), Sueli Silva, leitora do Campo Grande News, flagrou uma cena pouco comum e que parecia ter saído de filmes.

Em meio ao movimento da Afonso Pena, motoristas e pedestres se depararam com um rabo de tiranossauro rex, que estava sendo transportado para a área de exposição. É uma das maiores réplicas. Tem 6,5 metros de altura por 13 de comprimento e só fica atrás do mamenquissauro, que mede 16 metros, 7 só de pescoço.

O espaço destinado aos “grandalhões” começou a ser montado na terça-feira e só deve terminar no dia de abertura, onde o público poderá ficar cara a cara com espécies que existiram a mais de 200 milhões de anos.

Dinossauro da espécie Triceratops. (Foto: Rodrigo Pazinato)Dinossauro da espécie Triceratops. (Foto: Rodrigo Pazinato)

Ao todo, são 20 dinossauros, construídos com borracha e espuma. Eles carregam sensores de movimento, mecanismo que promete um espetáculo à parte.

Exposição - O espaço destinado à exposição tem 7 cenas. Cada uma vai comportar de 2 a 3 réplicas, dependendo do tamanho. Os dinossauros estão posicionados ao lado de painéis gigantes que lembram florestas.

Há espécies conhecidas apenas no meio acadêmico e que apareceram poucas vezes na tela do cinema, como a fêmea do Parassaurolofo, que está “botando ovo”.

O animal tem uma “crista” na cabeça que servia para alertar outros dinossauros da presença do predador, mas também era utilizado como “snorkel natural”, aquele equipamento para mergulho.

Área interativa, cinema e souvenir - Na área interativa, montada na entrada, os visitantes poderão tirar fotos em cascas de ovos gigantes ou em cima de uma réplica que tem 4 metros de comprimento. O retrato custa R$ 10,00.

As casinhas da cidade do Papai Noel, montadas pela prefeitura, serão pontos de venda de souvenir. O visitante também terá a oportunidade de assistir a um documentário sobre a paleontologia e sobre o tiranossauro rex.

Exposição foi montada na Casa do Natal, nos altos da avenida Afonso Pena. (Foto: Rodrigo Pazinato)Exposição foi montada na Casa do Natal, nos altos da avenida Afonso Pena. (Foto: Rodrigo Pazinato)

A produtora da exposição, Thaís Reverti, de 33 anos, explica que a ideia é promover entretenimento, sem deixar de lado o conhecimento. “A gente quer que as pessoas saem daqui com informação”, disse.

Cerca de 200 profissionais estão envolvidos direta ou indiretamente com o projeto. A exposição já passou por mais de 25 estados brasileiros e também já esteve na Europa.

Horário de funcionamento - O espaço estará aberto à visitação de terça a sexta, das 14h às 22h. No sábado será das 10h às 22h. Ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do parque temático.

Os preços variam de R$ 12,00 a R$ 100,00, dependendo da faixa etária, do dia, ou pacotes escolhidos. A exposição Mundo Jurássico termina no dia 31 de outubro.




bacana!
 
marcos manfrenati em 16/09/2012 12:39:29
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.