A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

08/11/2012 11:33

Dupla volta a tocar unida e ganha mídia nacional

Ângela Kempfer
Léo Verão e Daniel Freitas.Léo Verão e Daniel Freitas.


Depois de tentar a carreira solo, sair de Dourados, buscar o sucesso em São Paulo e Rio de Janeiro, o douradense Léo Verão voltou ao ex-parceiro Daniel Freitas e ao sertanejo.

Veja Mais
"Toma aqui uns 50 reais", Naiara Azevedo abre fim de semana eclético
Ludmilla é uma fofa e mostra o que o funk pode ensinar ao nosso sertanejo

Não tem solução. Eles rodaram, rodaram, mas acabaram recorrendo de novo ao ritmo que hoje é o que vinga no Brasil. O bom disso é que os meninos têm talento e não são cansativos como a maioria dos sertanejos que repetem a mesma fórmula Brasil afora.

Aqui no Lado B você já leu sobre os dois há bastante tempo, sobre o "mashups”, a técnica usada por eles para misturar sucessos internacionais com hits sertanejos.

Mas o retorno rendeu nas últimas semanas duas aparições na mídia nacional, nos dois maiores veículos de comunicação do País.

Primeiro, com reportagem na Folha de São Paulo. “Psycho Killer, qu'est-ce que c'est? Arrocha!", mescla que na voz de Léo Verão e Daniel Freitas chamou a atenção do jornal pelo improvável casamento do clássico da banda Talking Heads com o hit sertanejo Gatinha Assanhada de Gusttavo Lima.

A mistura de elementos de músicas de estilos diferentes já está no iPod da garotada em Mato Grosso do Sul há mais de 5 anos, pelo ritmo diferente criado ao fim desta junção.

Mas hoje chegaram à Rede Globo, onde todos os artistas sonham estar um dia pelo alcance da emissora, pelo status.

No programa de Fátima Bernardes, os dois começaram tocando “Chora Me liga”, de João Bosco e Vinícius, com “I’m Yours”, de Jason Mraz, a primeira mistura a colocar a moçada para dançar por aqui.

Hoje, os dois continuam fazendo shows pelo Brasil em formato acústico. Acrescentaram mais uma leva de junções inusitadas ao repertório, como California King Bed (Rihanna) e 365 Dias (Thaeme e Thiago); Pumped Up Kicks (Foster The People) e A hora é agora (Jorge e Mateus); Is This Love (Bob Marley) e Sinal Disfarçado (Zé Ricardo e Thiago). Mas depois dessa forcinha global, muita coisa deve mudar.

Ouça Léo Verão e Daniel Freitas...




A decisão deve ser respeitada. No futuro, eles podem superar esse trauma.
 
Áttila Gomes em 08/11/2012 16:52:52
Gostei dessa mistura de gêneros musicais. Sorte para essa dupla.
 
Márcio Antonio em 08/11/2012 14:00:15
É triste!1 dois talentos como esses rapazes para serem reconhecidos tem que se render a essa cultura pobre e ridícula que são o arrocha e o sertanejo
 
cleiton silva em 08/11/2012 12:46:29
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.