A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

12/08/2014 06:45

Investir nas edições de colecionador dos jogos, vale a pena?

Edson Godoy
Call of Duty Advanced Warfare.Call of Duty Advanced Warfare.

Saiu essa semana o anúncio de que o novo game da série Call of Duty, denominado Advanced Warfare (leia nossa primeira matéria sobre ele aqui clicando aqui) também terá uma edição de colecionador.

Veja Mais
Last Guardian e Mario Maker no 3DS puxam lançamentos de dezembro
Dos três modelos da linha PlayStation 4, qual se encaixa melhor para você?

Na verdade os games da série, principalmente nos últimos anos, se tornaram notórios pela qualidade das suas edições de colecionador, sempre trazendo, além dos conteúdos para download, livretos e embalagens melhor trabalhadas, acessórios que de alguma forma faziam parte da história do game, mas que poderiam ser utilizados fora dele, tais como óculos de visão noturna, carrinho controlado por controle remoto com câmera e microfone, câmera de vídeo para ser acoplada em um capacete, dentre outros. Detalhe: os itens funcionam de verdade!!

Nessa nova edição, esses “brinquedos” não farão mais parte do conjunto, sendo que a ênfase será nos conteúdos exclusivos para download e na embalagem tipo “steelbook” (caixinha de metal). Mas nem toda edição de colecionador possui itens tão interessantes e muitas vezes o valor cobrado por elas é bem alto. Diante disso, fica a pergunta: vale a pena investir tanto em um game que não te proporciona muita vantagem?

Primeiro, se você é colecionador, a pergunta já está respondida: vale a pena. Pois para o colecionador, o fato do item ser único com certeza já aumenta o seu interesse e no caso das edições de colecionador elas sempre são feitas em número menor do que o game normal, ou seja, menos pessoas serão felizes possuidoras daquele game em edição especial.

Agora, para o jogador comum, com certeza não vale a pena. Aí o leitor indagaria: mas Edson, algumas dessas edições acompanham conteúdos exclusivos para download. Certeza que não vale a pena? Para responder isso, vamos aos números: um game lançamento hoje custa em torno de R$ 200, enquanto a sua edição de colecionador tem preço que varia de R$ 400 a R$ 600 na média (tem jogo em que essa edição especial custa quase mil!!!).

No valor mais baixo, é o preço de dois jogos lançamento. Tudo isso para ter um boneco do game (geralmente é o principal item que acompanha essas edições) que nem sempre é de boa qualidade, uma embalagem mais bonita (que ainda traz o inconveniente de não caber direito na sua prateleira de jogos) e alguns livretos (artbook e etc.) que grande parte das pessoas nem se dá ao trabalho de olhar. Ah... Já ia esquecendo do conteúdo exclusivo para download (DLC)... Isso tem de monte da PSN e na Live e com os duzentos reais que irá economizar provavelmente você, caro leitor, consegue comprar o triplo de conteúdo nas redes dos consoles.

Um detalhe interessante sobre essas edições: elas ganharam força no ocidente a partir dos consoles da última geração: Nintendo Wii, Microsoft Xbox 360 e Sony Playstation 3. Antes disso, praticamente não se viam edições especiais dos jogos neste lado do mundo. Em compensação no Japão, essa tradição de edições de colecionador existe desde os primórdios dos games.

E então leitor, em qual perfil você se encaixa: colecionador ou jogador? Não que um exclua o outro, que fique bem claro. Este colunista mesmo é um colecionador que joga (acredite, existem vários que apenas colecionam). Dependendo do seu perfil, essas edições de colecionador podem ser uma boa ou uma má pedida. Fique sempre atento no conteúdo delas e principalmente, no preço.

Visite e curta nossa fan page no Facebook clicando aqui. A coluna de games do Lado B tem o apoio do Museu do Videogame.

 




Adoro essa coluna do lado B, deveria ter mais com frequência !
 
Lucas Matheus em 12/08/2014 10:16:16
imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.