A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

22/03/2012 12:52

Em manhã de limpeza na Lagoa Itatiaia, Florestinhas recolhem 300 quilos de lixo

Mariana Lopes

No local foram encontradas garrafas pet, sacolas plásticas e até um gato morto

Lixo recolhido chegou a 300 quilos (Foto: Mariana Lopes)Lixo recolhido chegou a 300 quilos (Foto: Mariana Lopes)

Empenhados em chamar a atenção de moradores para a preservação do meio ambiente, adolescentes do projeto Florestinha, da Polícia Militar Ambiental, fizeram mutirão na manhã desta quinta-feira (22), no Dia Mundial da Água, e limparam a praça da Lagoa Itatiaia. Embora a quantidade de lixo recolhido tenha sido grande, cerca de 300 quilos, ela diminuiu em relação à mesma ação realizada no ano passado, quando foi tirada do local uma tonelada de resíduos.

A equipe, que contou com o trabalho de seis policiais e mais seis florestinhas, além da ajuda de alguns moradores da região, fez pente-fino fora e dentro da lagoa. De acordo com o major Ednilson Paulino Queiroz, foram recolhidas garrafas pet, sacolas plásticas e até um gato morto.

A limpeza também foi feita na parte interna da lagoa (Foto: Mariana Lopes)A limpeza também foi feita na parte interna da lagoa (Foto: Mariana Lopes)

“Esse tipo de ação é importante para impactar a comunidade local, mostrar o quanto de lixo tem espalhado em um espaço que é deles”, pontua o major. Com este alerta, o militar ainda chama a atenção para a responsabilidade dos moradores. “O bem ambiental não compete apenas ao poder público limpar, é dever dos cidadães também”, diz.

E esta lição os adolescentes do projeto aprenderam muito bem. O tenente florestinha Alexandre Aparecido Claro Bach, de 15 anos, mesmo com a pouca idade, tem a consciência de gente grande. “Falta colaboração dos moradores para manter o local limpo. Hoje, por exemplo, encontramos até repolho, berinjela, jogados dentro da lagoa”, conta.

De quem é a culpa? - Há 13 anos morando em frente à praça, o comerciante José Vicente Martins, 63 anos, pratica caminhada todos os dias no entorno da lagoa e conta que o local já foi mais abandonado. “Agora o poder público está cuidando melhor daqui arrumou a iluminação, também fazem limpeza, agora precisa da colaboração da população”, observa.

José Vicente diz que situação da lagoa já foi pior (Foto: Mariana Lopes)José Vicente diz que situação da lagoa já foi pior (Foto: Mariana Lopes)

Junto da esposa e do neto, ele garante que o espaço é ideal para programas em família. “É um lugar maravilhoso, é uma pena que as pessoas não tenham a consciência de que jogar lixo traz problemas, além de deixar feio”, lamenta.

A autônoma Liana Gomes, 58 anos, denuncia que os maiores responsáveis pelo lixo no local são pessoas que vêm de outras regiões da cidade. “Geralmente o pessoal vem no final de semana, faz piquenique e deixa tudo a sujeira aqui”, raclama.




Moro próxima a Lagoa e gostei muito da ação dos Florestinhas, só acho que ela poderia ser repetida aos domingos, dia em que dezenas de pessoas se reúnem no local e espalham lixo por toda parte. Seria uma boa oportunidade de dar exemplo e convidá-los a fazer o mesmo, quem sabe assim começavam a se conscientizar. As lixeiras do local infelizmente foram depredadas. Mais educação é fundamental.
 
Lilian Veron Garcia em 23/03/2012 09:22:35
Sou morador do bairro Jardim Itatiaia faz 3 anos e moro a 2 quadras da lagoa e vejo que o maior problema com relaçao ao lixo vem mais precisamente nos finais de semana onde moradores de diversos bairro vem para lagoa colocar som alto e tomar cerveja, refrigerante, tereré e etc e infelizmente jogam tudo no chão. A bagunça na lagoa é muito grande e falta policiamento para garantir um uso do espaço.
 
Marcelo novaes em 22/03/2012 08:26:24
Eu acho uma vergonha ter que depois de tanto tempo conscientizar a moradores do local onde moram a manter um lugar tão bonito limpo, e não é só ai na Lagoa Itatiaia, tem vários locais aqui em Campo Grande que é pura sujeira dos próprios moradores.Ai eles culpam a prefeitura do lugar estar sujo, mas eu penso da seguinte forma: é obrigação da população preservar essas áreas de lazer.
 
Fabiana Bialta em 22/03/2012 06:53:39
eu moro a 20 anos no itatiaia e eu vejo que o poder público nao ta nem ai os aparelhos de ginastica que é para os idosos virou brincadeira de criança e ninguem faz nada o guarda fala que não pode fazer nada, os aparelhos não tem manutenção e é um foco para a dengue pois estão quebrados e quando chove enche de agua e fica umja casinha ótima para o mosquito da dengue já reclamei e ninguem faz nada ?
 
jéssica freitas em 22/03/2012 05:29:05
PARABENS A POLICIA FLORESTAL POR ESSE PROJETO !EU ACOMPANHO DE PERTO ESSE PROJETO QUEM TEM PARCERIA COM A PREFEITURA PARABENS A TODOS OS FUNCIONARIOS,ADOLECENTES E TODA A CORPORAÇAO.EX CASSANI,GLAUCIO ,MAJOR QUEIROZ CONTINUEM ASSIM!!!!!
 
audete giaretta montovani em 22/03/2012 05:15:46
Bem que esses guardinhas porediam ir na av noroeste entre o bairro jardim albuquerque e beta ville. A av noroeste está táo suja, tão suja, que o mato já tomou a calçada, o ponto de onibus e avança pela rua.

 
Gabriel Novaes em 22/03/2012 02:33:20
Boa tarde,Esta nao posso deixar passar! Enquanto a prefeitura nao mudar e colocar um zelador circulando na lagoa neste caso fazendo a limpeza e tambem fiscalisando instruido para ligar para a policia em caso de vandalismo , em vez de patrimonial que só fica na guarita e nao toma nehuma providência!
 
necime l peres em 22/03/2012 01:37:53
Antes de mais nada.
Façam uma reportagem fotográfica da quantidade de lixeiras disponíveis à população e de suas devidas indicações educativas.
Analisem e verifiquem se existem à contento para se educar a população, lembrando que inicialmente deveria ser colocadas umas milhares, para o povo perceber e ir reduzindo aos poucos até se chegar no mínimo razoável. Usem a lei de Skinner para educar
 
Orlando Lero em 22/03/2012 01:29:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions