A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

30/12/2014 14:52

Jacaré, onça, capivara e tamanduá surpreenderam no ano dos bichos

Animais foram encontrados na rua, em condomínio, na varanda e até andando na faixa de pedestres

Viviane Oliveira
Tamanduá-bandeira, que estava na casa de bombeiro, foi resgatado. (Foto: Marcos Ermínio) Tamanduá-bandeira, que estava na casa de bombeiro, foi resgatado. (Foto: Marcos Ermínio)
Macacos-pregos e saguis, fazem a alegria de quem passa na Rua Vitor Meireles. (Foto: Marcos Ermínio) Macacos-pregos e saguis, fazem a alegria de quem passa na Rua Vitor Meireles. (Foto: Marcos Ermínio)

 

Veja Mais
Tamanduá invade casa e muda manhã de família no Nova Campo Grande
Porco-espinho chega no Natal e quebra rotina na Vila Planalto

O ano foi dos bichos, em Campo Grande. Teve jacaré andando na rua, macacos pulando de galho em galho, capivaras atravessando na faixa de pedestre, onça escondida em condomínio de luxo, mamãe quati que parou o trânsito ao atravessar com o filhote na boca, porco-espinho que deu o ar dar da graça e quebrou rotina dos moradores na Vila Planalto e, para encerrar 2014, um tamanduá resolveu procurar abrigo na casa de um bombeiro e quase virou animal de estimação.

As capivaras, jacarés e as tartarugas que vivem na região do Lago do Amor, na Avenida Filinto Muller parecem não se importar com a presença do homem e o movimento intenso de veículos. O jacaré, por exemplo, quando resolve tomar sol, simplesmente atravessa a rua sem se importar com quem está por perto. Claro que o bicho corre o risco de ser atropelado, mas a capivara não, porque geralmente atravessa na faixa de pedestre sempre em bando.

Em uma área verde, na região do Bairro Itamaracá, mas precisamente na Rua Vitor Meireles, dezenas de macacos-pregos e saguis, fazem a alegria de quem mora por ali ou passa a caminho do trabalho. Extremamente inteligentes e ativos, os mamíferos dão show de simpatia.

Em setembro, uma onça-parda apareceu no cômodo de uma obra no Residencial Set Village II, no Jardim Paraíso. Depois de deixar o residencial, a onça foi localizada pelos policiais no quintal de uma casa na Rua Itamaracá com a Rua Montes Claros, na Vila Nasser.

Mamãe quati parou o trânsito ao atravessar a rua com o filhote na boca. (Foto: Marcos Ermínio) Mamãe quati parou o trânsito ao atravessar a rua com o filhote na boca. (Foto: Marcos Ermínio)
Jacaré passeando na Avenida Filinto Muller, em frente ao Lago do Amor. (Foto: Helton Verão)Jacaré passeando na Avenida Filinto Muller, em frente ao Lago do Amor. (Foto: Helton Verão)

O felino só foi capturado após uma força-tarefa. A rua foi fechada e um veterinário do Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) usou um dardo com tranquilizante para a captura do animal, que foi levada para o centro e depois solta na natureza.

Do outro lado da cidade, em uma tarde do mês de novembro, uma mamãe quati parou o trânsito ao atravessar a rua com o filhote na boca na Avenida dos Poetas, no Parque dos Poderes. Perspicaz, a mamãe quati atravessou a avenida para levar três filhotes para a mata do outro lado, enquanto isso os motoristas pararam para admirar a travessia.

No dia 26 de dezembro, um porco-espinho resolveu dar o ar da graça na Vila Planalto, na rua Coronel Balduíno. Apesar dos espinhos, o bichinho, que tem uma carinha tão simpática chamou a atenção dos moradores, principalmente das crianças, ao passar de árvore em árvore. O visitante ilustre fez tanto sucesso, que toda hora alguém levava frutas para ele comer.

Quem também fez sucesso, foi um tamanduá-bandeira, que mudou a rotina da família do cabo do Corpo de Bombeiros, Anderson Silva Mendes, 28 anos, no último domingo do ano. O animal ficou na varanda da residência na Rua 51, no Bairro Nova Campo Grande, até ser resgatado por uma equipe do Corpo de Bombeiros e, posteriormente o bicho seria encaminhado para o Cras.

Como disse o pesquisador doutor em Ecologia, José Sabino, o lado bacana de Campo Grande é justamente a diversidade de animais que vivem na cidade

Fotógrafo Marcelo Calazans flagrou onça fugindo de condomínio na CapitalFotógrafo Marcelo Calazans flagrou onça fugindo de condomínio na Capital



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions