A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

26/03/2015 12:32

Reunião vai discutir cuidados com bacia do Rio Miranda nos próximos 15 anos

Caroline Maldonado
Rio Aquidauana faz parte da bacia do Rio Miranda (Foto: Divulgação/Imasul)Rio Aquidauana faz parte da bacia do Rio Miranda (Foto: Divulgação/Imasul)

As ações que vão garantir a preservação da bacia do Rio Miranda nos próximos 15 anos serão discutidas em uma reunião pública na próxima terça-feira (31) em Campo Grande. A ideia é permitir que ribeirinhos, empresários, pesquisadores e representantes de outros segmentos da sociedade opinem na elaboração do Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio Miranda.

Veja Mais
Rancho irregular às margens do Rio Miranda destrói matas ciliares é interditado
Ponte sobre o Rio Miranda será inaugurada nesta sexta pelo governador

O plano preliminar foi elaborado pela DMTR Engenharia com colaboração do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), sob a supervisão do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Miranda, junto ao Imasul (Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

Segundo a analista ambiental do Imasul, Claudete Bruschi, esse será o primeiro plano para a bacia do Miranda. “A política diz que tem que ter cinco instrumentos para gestão de recursos hídricos. De cinco em cinco anos, ele passará por uma revisão. Os outros instrumentos são outorga, cobrança, enquadramento e sistema de gerenciamento”, detalhou a geógrafa.

Conforme Claudete, há alguns pontos levantados em diagnósticos já realizados, que precisam ser revistos a curto prazo. “Alguns trechos tem disponibilidade hídrica, mas a qualidade da água não está em conformidade”, comentou.

A reunião pública será as 9h, no auditório do Imasul, que fica na Rua Desembargador Leão Neto do Carmo, bloco 6, no Parque dos Poderes. Mais informações sobre o plano estão disponíveis nos sites www.imasul.ms.gov.br e sites.google.com/site/prhbhmiranda. Nesse último endereço, serão disponibilizadas as datas e pautas das reuniões e oficinas de cada etapa do plano, além de estudos nas versões finais, mapas, formulários de contribuição e outros documentos.

O encontro é promovido pelo Governo do Estado, por meio da Semade (Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico).

Rio Miranda - A bacia do Rio Miranda está inserida na região hidrográfica do Rio Paraguai, em Mato Grosso do Sul, que ocupa área de 42.993,83 km², envolvendo o território de 20 municípios do Estado. De acordo com Claudete, 15% do território de Campo Grande está inserido na bacia hidrográfica do Rio Miranda.

Os rios da bacia passa pelos municípios de Anastácio, Aquidauana, Bandeirantes, Bodoquena, Bonito, Campo Grande, Corguinho, Corumbá, Dois Irmão do Buriti, Guia Lopes da Laguna, Jaraguari, Jardim, Maracaju, Miranda, Nioaque, Ponta Porã, Rochedo, São Gabriel do Oeste, Sidrolândia e Terenos.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions