A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

20/10/2016 15:06

Sem chuva, sensação térmica chega aos 39 graus e Embrapa emite alerta

Em 20 dias, quantidade de chuva em Dourados é de menos da metade do volume histórico registrado no mês de outubro

Helio de Freitas, de Dourados
Termômetro marcava 35 graus às 14h30, mas sensação de calor chega aos 40ºC (Foto: Helio de Freitas)Termômetro marcava 35 graus às 14h30, mas sensação de calor chega aos 40ºC (Foto: Helio de Freitas)

A onda de calor que atingiu várias cidades de Mato Grosso do Sul nesta semana provocou os dias mais quentes do ano em Dourados, a 233 km de Campo Grande. De acordo com o Guia Clima, da Embrapa Agropecuária Oeste, a maior temperatura de hoje (20) foi de 34,4 graus às 13h38, mas a sensação térmica chegou a 39,2ºC às 13h45.

Veja Mais
Em 7 dias, choveu 56% do esperado para o mês em município do interior
Quinta-feira de tempo instável, com chuvas durante todo o dia e máxima de 37ºC

Por causa do calor, a Embrapa emitiu alerta de muita atenção nesta tarde. Conforme o Guia Clima, o calor excessivo, além de provocar desconforto térmico, pode afetar o desempenho e o comportamento das pessoas, causando mal estar, inquietações e perda de concentração. “Além disso, pode causar fadiga, câimbra e esgotamento”.

Estiagem – Assim como o mês passado, outubro está sendo de pouca chuva na região de Dourados. O volume acumulado do dia 1º até hoje é de 66,8 milímetros, menos da metade dos 143 mm que historicamente são registrados no mês.

Em setembro choveu apenas 18mm em Dourados. No mês passado, os índices pluviométricos foram baixos em toda região sul de Mato Grosso do Sul, segundo a Embrapa.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions