A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

28/11/2011 15:16

Sanesul inicia obras de controle de enchentes na ETA de Paranaíba

Edmir Conceição

- Nos dias 30 de janeiro de 2010 e 5 de março de 2011, a estação de tratamento de água (ETA) do município foi alagada, paralisando todo o sistema.

Imagem aérea mostra alagamento na ETA de Paranaiba.Imagem aérea mostra alagamento na ETA de Paranaiba.

Um antigo problema na ETA (Estação de Tratamento de Água) em Paranaiba deve ser solucionado antes da próxima chuva. A Sanesul iniciou as obras de controle de enchentes. A ordem de serviço autorizando o início dos trabalhos foi assinada na semana passada. A obra consiste na implantação de um dique para conter as águas do rio Santanam do Paranaiba, que transborda em período de chuva intensa.

Com investimento próprio de mais de R$ 144,3 mil, a Sanesul fará obras para obstruir o canal que abastece a captação, construir um dique e recompor a erosão existente próximo à área da subestação de energia e da ETA. Com isso, a Sanesul pretende impedir que a água do rio chegue até a estação e, assim, garanta o abastecimento aos paranaibenses nos períodos de chuva intensa. A solução encontrada foi baseada em estudos técnicos e a empresa contratada tem 120 dias para executar a obra.

Alagamento - Nos dias 30 de janeiro de 2010 e 5 de março de 2011, a estação de tratamento de água (ETA) do município foi alagada, paralisando todo o sistema. No local onde está localizada a ETA, na margem esquerda do rio Santana, na BR-158, o rio transbordou devido às chuvas que atingiram a região. Nas duas ocasiões, funcionários da Sanesul e prestadores de serviço, com apoio da Prefeitura e de empresas particulares, trabalharam incansavelmente para retomar os serviços de distribuição de água, pois o rio Santana é o único meio de abastecimento de toda a população urbana de Paranaíba.

Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
A Sanesul e a prefeitura de Nova Alvorada do Sul - cidade localizada a 120 km de Campo Grande - terão que criar no município rede coletora e estação ...
Médico nega que tenha abandonado pacientes e diz que foi autorizado a sair
O médico Carlos José da Costa Duran, de 41 anos, nega que tenha abandonado o plantão no hospital e maternidade Idimaque Paes Ferreira, o único em Rio...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions