A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

18/06/2012 20:28

Após furar sinal, carro provoca acidente com moto e deixa dois feridos

Nyelder Rodrigues e Paula Maciulevicius
Condutor da moto teve fraturas na perna e braço esquerdo (Foto: Rodrigo Pazinato)Condutor da moto teve fraturas na perna e braço esquerdo (Foto: Rodrigo Pazinato)

Mais um acidente no trânsito de Campo Grande deixou vítimas feridas. Dessa vez, o local da ocorrência foi o cruzamento das ruas José Antônio Pereira e Dom Aquino, e envolveu uma motocicleta com duas pessoas e um veículo de passeio.

Veja Mais
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
Carro capota após colisão no cruzamento da Bahia com a Barão do Rio Branco

Por volta das 19h40, um veículo Fiesta, conduzido por Maria Sandra de Oliveira, de 46 anos, furou o sinal vermelho na Dom Aquino e acabou colidindo com uma Biz, pilotada por João Batista da Costa Júnior, de 21 anos, acompanhado pela namorada, Renata dos Santos Oliveira, de 20 anos.

Renata teve ferimentos no punho esquerdo, enquanto João Batista teve fraturas na perna e braço esquerdo. Ele sentia fortes dores e foi levado pelo Corpo de Bombeiros para a Santa Casa, junto com a namorada. No momento, um médico do Samu passava pelo local e auxiliou as vítimas.

Uma das testemunhas do acidente foi Fernando Leiria, de 53 anos, que estava logo atrás da moto. Segundo Fernando, o sinal estava verde para eles a algum tempo, e ainda assim Maria passou o sinal vermelho.

“O acidente foi feio. Eu fiquei nervoso e falei para ela: está vendo o que você fez? Ela disse que achava que não vinha ninguém, e por isso passou. Mas estava lotado de carros”, conta Fernando.

Outra testemunha foi Edilaine Neves, de 22 anos. Ela é vendedora de uma loja em frente ao local do acidente, e aguardava carona para ir embora. Ela disse que desde o momento que estava lá, já tinha visto três veículos furando o sinal.

Fiesta furou sinal vermelho e colidiu lateralmente com moto (Foto: Rodrigo Pazinato)Fiesta furou sinal vermelho e colidiu lateralmente com moto (Foto: Rodrigo Pazinato)
Motociclista sofre várias fraturas após colidir moto em poste
O motociclista Rolson Ribeiro, 34 anos, sofreu várias fraturas após colidir a motocicleta que pilotava contra um poste, por volta das 4h deste doming...
Motorista escapa de capotamento com ferimentos leves
Acidente aconteceu na rua Fernão Dias. Motorista bateu em carro estacionado....



Isso é revoltante, sinceramente muita gente precisa saber o que é educação no transito... os dois ocupantes da Biz são meus amigos e torço logo pra que eles se recuperem!!!

e Por Favor vamos respeitar mais o transito pois não é brincadeira, não se brinca com a vida de niguem nem coloque a risco.
 
SELLEN ZILDA DINIZ SANTOS em 21/06/2012 10:03:58
O PROBLEMA É QUE NO BRASIL TODOS ESTÃO ACOSTUMADOS A PRATICAREM ESSES ATOS E FICAREM IMPUNES, NO BRASIL TODOS PINTAM E BORDAM...
 
FABIANO SANTOS em 20/06/2012 09:40:49
Dá pra colar uma lesão corporal dolosa, com dolo eventual?
Cruzar uma rua movimentada, no centro de uma cidade, estando o sinal vermelho para ela não tem como dizer que não assumiu a responsabilidade de causar o acidente.
 
Franz pereira em 19/06/2012 10:40:22
Depois vem varias pessoas que se dizem doutoras em transito e falam que: os motociclistas devem serem mais cuidadosos, o que vemos no dia a dia é pessoas sem capacidade de dirigir no transito de CG, nenhum motociclista quer bater a moto, Edson se fosse uma carreta seria uma boa pois assim a pessoa do fiesta não prejudicaria ninguem mais.
 
VIDAL DA SILVA em 19/06/2012 09:29:11
Gostaria de saber o que aconteceu com a Sra Maria Sandra de Oliveira. Qual é o procedimento? Ja foi liberada? Ela dormiu em casa? Vai perder o direito de dirigir? Ou vai pgar uma "multinha" e fica por isso mesmo? continua a furar sinal, não da a preferencia, fala no celular e dirigi?
 
Maria França em 19/06/2012 08:44:15
Muito bem!! Sra. Maria Sandra de Oliveira, de 46 anos .... quantos anos mais a Sra. precisa pra ter um pouco mais de responsabilidade e bom senso???? Estava tão apressada que nem mesmo pode chegar no lugar tão almejado ..... E agora?? como é que fica?? vai pagar os remédios? os médicos? e os dias que ficarão sem trabalhar? e as dores?? consegue dormir em paz? responda se for capaz.....
 
Maria França em 19/06/2012 08:40:58
A imprudência custa caro, podia ter custado duas vidas... Mas Deus está com o João Batista e Renata, os livrou e sarará todas as suas feridas, eles estão sobre os Seus cuidados...
 
Yara Costa em 19/06/2012 08:24:38
porque nesses casos de ter testemunhas no local e ficou comprovado a imprudençia da condutora a lei nao manda recolher a habilitaçao e a mesma ficar um ano sem dirigir e dirigir somente apos uma reciclagem e se incidir de novo no mesmo fato proibir de dirigir para sempre.
 
nilton sabinojr em 19/06/2012 07:59:10
são muitos motorista empludente em Campo Grande temos que aplicar lêi mas severa para esses empludentes vidas de pessoas inosentes são tiradas toda hora a todo momento e cada segundo num piscar de olhos poderia ser tudo difeferente
 
dayara da silva em 19/06/2012 07:48:53
Lamentavel mais um acidente provocado pela imprudencia da maioria dos Campo Grandenses,entre dez carros que circulam na cidade nove queimam o sinal e impressionante como eles se matam no transito e continuam fazendo a mesma coisa.Cade o policiamento de transito que nunca se faz presente.Estava ai na hora deste acidente e vi a pessoa que provocou isto passando mal,que tal nao queimar mais o sinal!?
 
Claudia Lobao em 19/06/2012 01:55:32
O negócio é simples. Não fure sinal. Você acha que está vendo tudo. Engano! Por isso que se chama acidente. Você não viu o outro e aí já era. Se você não quiser matar alguém, não fure, pois quem fura está ciente de que vai acertar alguém...
www.naofoiacidente.org
 
Filipe Alberto em 18/06/2012 11:51:31
Infrações de trânsito, ao gerar acidente com vítimas, quando provada a autoria através de testemunhas, imagens ou outras provas cabíveis em direito, o autor deveria responder por tentativa de homicídio ou homicídio, quando sua imprudência resultasse morte. Tem que responder também pelo danos materiais e/ou morais causados a (as) vítima (s). Nossa legislação atual é muito "mãezona"
 
Fernando Silva em 18/06/2012 09:59:08
Que sorte danada tem esses apressadinhos ou será que eles olham e pessam - " há é só uma moto" - mas cá entre nós hein, podia ser uma carreta...
 
José Edson em 18/06/2012 09:03:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions