A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

11/01/2012 18:30

Casal em moto fica ferido em colisão com Uno no Silvia Regina

Nadyenka Castro e Paula Maciulevicius

Passageira da Titan 125 teve traumatismo craniano e foi levada inconsciente para a Santa Casa. Atendimento foi feito debaixo de muita chuva e contou com ajuda da equipe do Campo Grande News e de uma pessoa que passava pelo local

Fiat Uno bateu na traseira da motocicleta. Passageira teve traumatismo craniano e ficou inconsciente. (Foto: João Garrigó)Fiat Uno bateu na traseira da motocicleta. Passageira teve traumatismo craniano e ficou inconsciente. (Foto: João Garrigó)
Equipe do Campo Grande News e um homem que passava pelo local ajudou no atendimento. (Foto: Pedro Peralta)Equipe do Campo Grande News e um homem que passava pelo local ajudou no atendimento. (Foto: Pedro Peralta)

Um casal em uma motocicleta ficou ferido em colisão com um carro de passeio na tarde desta quarta-feira no bairro Silvia Regina, em Campo Grande. A passageira da moto teve traumatismo craniano e foi levada inconsciente para a Santa Casa.

O motorista do Fiat Uno, que se identificou apenas como Luís Felipe, conta que seguia pela via conhecida por Avenida Nova atrás da Honda CG Titan 125 ocupada pelo casal. Ao chegar no cruzamento com a rua Macaé, a moto virou na via, o Uno também, e houve a colisão.

Na versão de Luís Felipe, o piloto da moto, André Delgado da Silva Oliveira, 19 anos, não reduziu a velocidade e nem sinalizou a conversão. Chovia no momento do acidente.

Com o impacto, o piloto e a passageira, identificada apenas como Luciana, caíram da moto. Ambos foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

O estado de Luciana é o mais grave. Ela teve traumatismo craniano e foi levada para a Santa Casa inconsciente e respirando com ajuda de aparelhos.

André teve cortes no rosto e nos braços e reclamava de dores na cabeça e braços. Ele também foi levado para a Santa Casa.

Atendimento - O socorro ao casal contou com ajuda da equipe do Campo Grande News e de um homem que passava pelo local. Eles emprestaram e seguraram seus guarda-chuvas para o Corpo de Bombeiros imobilizar André.

A imobilização foi feita com o rapaz em pé.Ele foi envolto a uma manta térmica. Tudo para evitar que ele ficasse ainda mais molhado devido à chuva.

Família - Irmão de André, Vagner Delgado, 21 anos, conta que as vítimas são casadas e que moram no Jardim Aeroporto, que fica próximo ao local.

Vagner diz que estava em casa quando uma pessoa que conhece a família viu o acidente e o avisou.

A mãe de Luciana foi ao local e estava bastante abalada. Ela chorava muito.

Vizinhos- Moradores da região dizem que não é comum acidentes no local. Adílson Matias dos Santos, 41 anos, estava em um barracão perto do local fazendo fantasias para o carnaval quando escutou o barulho do impacto entre os veículos.

“É a primeira vez que vejo um acidente aqui. Ouvi o barulho e quando saí vi esse”, fala Adílson.




sou vizinha do casal (BUGA E ANDRE), ontem dia 19/01/12 foi o momento mais dificil para amigos e familiares que conhecia a BUGA tendo que enfrentar um momento funebre onde é inaceitável por qualquer pessoa que sabe o que é viver a vida com paixão. Para quem não saber infeslismente a tristeza é maior ainda para seus três filhos que agora são orfãos. SEJAMOS MAIS ATENTOS NESSE TRANSITO!!!!!!!!!!!!!!
 
sebastiana correa paz em 20/01/2012 10:16:50
sou amiga da luciana com o apelida de (buga)para quem conhece ela intimamente!ela morreu nessa quinta feira 18/01/2012!!estamos todos tão perplexo com essa violência no transito?familiares e amigos estamos sofrendo muito,sem nossa amiga,ela era uma pessoa muito querida por muita gente,por onde ela passava ela fazia amigos,era uma pessoa que n ligava muito com q as pessoas dizia dela,vivia a viada.
 
mayara martins em 19/01/2012 09:32:00
Já passou da hora de o poder público realizar campanhas para 2 infrações julgadas pormenores:
1- A importância da indicação de conversão por meio de seta
2- A perda de atenção do condutor quando dirige falando ao celular
 
Filipe Alberto em 12/01/2012 12:08:34
sou vizinha do andre e da luciana essa avenida e muito perigosa precisamos de sinalisação antes que acontesa coisa pior como um obto.
 
marcia menacho em 12/01/2012 03:26:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions