A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

10/10/2013 11:36

Em obras, BR-163 terá fiscalização especial na operação da PRF

Luciana Brazil
Helicóptero vai ajudar no controle e monitoramento do trânsito durante operação da PRF. (Foto: Cleber Gellio)Helicóptero vai ajudar no controle e monitoramento do trânsito durante operação da PRF. (Foto: Cleber Gellio)

Com 15 trechos em obra, a BR-163, com 840 km de extensão no Estado, é hoje a mais crítica entre as rodovias federais de Mato Grosso do Sul, segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal). Além das obras que estão em andamento, a BR é palco de constantes acidentes. Durante a operação Nossa Senhora Aparecida, deflagrada na madrugada desta quinta-feira pela PRF, a rodovia receberá foco especial nas fiscalizações. 

Veja Mais
Motociclista bate em muro de loja ao tentar ultrapassar veículo no Centro
Para polícia, motorista ainda 'não se tocou' sobre multas mais caras

A rodovia 262 e o macro anel, em torno da Capital, também são pontos preocupantes, porque além do fluxo de veículos, muitos trechos também estão em obra. 

Com o feriado prolongado neste fim de semana, o que aumenta em até 30% o fluxo de veículos nas estradas, a atenção dos condutores deve ser redobrada. Segundo o chefe de policiamento e fiscalização, o inspetor Aírton Motti, o índice de acidentes nos trechos “pós-obras” se eleva em até 25%.

Ele explica que este número reflete a impaciência do condutor que depois de parar na estrada por causa da interdição, excede, em seguida, na velocidade.

“Esse acidentes acontecem geralmente entre 40 e 60 quilômetros depois dos trechos de interdição”, afirmou Motti.

As obras de recapeamento, duplicação e alargamento estão sendo feitas em grande parte das rodovias federais do Estado, segundo Motti. Mas o inspetor ressalta que os acidentes, apesar de estarem relacionados, não são causados pelas obras.

“Os acidentes não são culpa da obra, mas estão relacionados já que o motorista fica parado no trecho, e quando é liberado, ao invés de sair com cuidado, sai correndo e em alta velocidade”.

Durante a operação que vai até a meia noite de domingo (14), as fiscalizações terão o objetivo de reduzir os acidentes, além de conscientizar os motoristas.

O helicóptero da PRF, modelo Colibri, vai auxiliar no monitoramento, em especial o que será feito na rodovia 163, que corta o Estado de norte a sul.

“Ele será usado para ajudar no controle e monitoramento do trânsito e em caso de misericórdia”, disse Motti se referindo a resgates emergenciais de vítimas de acidentes. Segundo ele, a PRF é a única polícia autorizada a fazer aero-resgate.

Motociclistas são parados para fiscalização. (Foto:Cleber Gellio)Motociclistas são parados para fiscalização. (Foto:Cleber Gellio)
Serão usados 22 radares de velocidade, sendo 2 fotográficos e 20 manuais). (Foto: Cleber Gellio)Serão usados 22 radares de velocidade, sendo 2 fotográficos e 20 manuais). (Foto: Cleber Gellio)

A rapidez da aeronave, que voa a aproximadamente 300 quilômetros por hora, fará a diferença no policiamento.

As rodovias federais, que totalizam 3.671 km, serão monitoradas neste feriado com efetivo de 160 policiais, 22 radares (dois fotográficos e 20 manuais) e 66 etilômetros (bafômetro). A ação pretende coibir as quatro maiores causas de acidentes nas estradas que são o excesso de velocidade, ultrapassagem indevida, embriagues e uso inadequado de motocicleta.

Além das obras, a previsão de chuva para o ferido preocupa. O inspetor Motti acredita que o fluxo será grande tanto para as cidades do interior quanto para outras cidades fora do Estado. “Aqui temos muitos balneários, o que atrai muita gente”.

Acidentes: No ano passado, durante a operação, a PRF registrou 39 acidentes nas rodovias federais, com 23 feridos, três deles ficaram em estado grave. Nenhuma morte foi registrada.

De acordo com a orientação da ONU (Organização das Nações Unidas), a meta é diminuir em 20% a taxa de mortalidade em acidentes de trânsito entre os anos de 2010 e 2020. 

"Não tem como colocar no papel qualquer sentimento que toque o motorista para que ele entenda o perigo. Talvez só colocando a foto do filho dilacerado possa dar resultado. Não tem como a gente dirigir para ele", disse Motti.

A PRF alerta para os limites de velocidade e o respeito à sinalização. A atenção deve ser redobrada à noite ou com tempo de chuva. O condutor deve evitar circular à noite e deve priorizar paradas a cada três horas.

Os motoristas já podem acompanhar as informações sobre o trânsito nas rodovias federais do Estado pelo endereço eletrônico microblog.twitterprf191ms

Obras e irregularidades: Motti explica que um relatório elaborado pela PRF deverá apontar falhas, que podem causar acidentes, cometidas por empresas responsáveis pelas obras.

“Esse relatório apontará as dificuldades que estamos enfrentando. Tem empresas que estão avançando no horário de parar a obra durante à noite. Alguns bandeirinhas ficam sentados ao invés de sinalizar”.

O efetivo da operação será de 160 homens, além do helicóptero e radares. (Foto: Cleber Gellio)O efetivo da operação será de 160 homens, além do helicóptero e radares. (Foto: Cleber Gellio)



Muito bem Sr.PAULO SILVANO, Falou tudo nem é preciso mais comentarios sobre a tal matéria.
 
Cleber Lima em 10/10/2013 15:29:39
É mesmo Paulo, também nunca vi o helicóptero da PRF fazer resgates de pessoas, é mais fácil o Exercito fazer isso do que esse povo ai, também se precisar deles o caboclo já tá todo arrebentado mesmo né, é só juntar os pedaços e enterrar.
 
jose carlos em 10/10/2013 15:29:23
A PRF ESTA DE BRINCADEIRA, FALAR QUE ELES USAM O HELICOPTERO PARA FAZER MISSÃO DE AEROMEDICO, E ACHAR QUE A GENTE ACREDITA, NUNCA VI UMA OPERAÇÃO DELES USANDO ESSA AERONAVE EM ACIDENTE AUTOMIBILISTICO, ESTÃO FAZENDO DEMAGOGIA, ELES NEM SABEM FAZER UMA CONTEÇÃO EM CASO DE HEMORRAGIA, E OUTRA ESSA AERONAVE É RESTRITA A SUA OPERAÇÃO PARA FAZER AEROMEDICO....NEM HOMOLOGADA NA ANAC A AERONAVE É PARA FAZER AEROMEDICO......PEÇO PARA A ACESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PRF NÃO SUBESTIME A NOSSA INTELIGENCIA....VAI FAZER COMERCIAL EM OUTRO LOCAL E NÃO PAGAREM DE BONS MOÇOS.....APRENDAM A SEREM POLICIAIS PARA DEPOIS PENSAREM EM BRINCAREM DE BOMBEIROS..... SAIBAM O QUE VÃO PUBLICAR POIS ESTAMOS MUITO ATENTO AS INFORMAÇÕES.
 
PAULO SILVANO em 10/10/2013 13:03:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions