A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

23/06/2011 13:22

Juiz manda a júri popular homem que matou casal em acidente

Nadyenka Castro

Exame apontou embriaguez

O juiz Aluízio Pereira dos Santos, da 2ª Vara do Tribunal do Júri, mandou a júri popular Cristiano Pacheco de Souza, 30 anos, que matou um casal em um acidente de trânsito ano passado, em Campo Grande.

De acordo com a sentença de pronúncia, Cristiano será julgado por homicídio doloso (com intenção de matar) qualificado pelo recurso que dificultou a defesa da vítima, combinado com o fato de estar sob efeito de álcool e dirigindo sem a CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O acidente aconteceu por volta das 23h40min do dia 15 de maio do ano passado, na BR-262, saída para Três Lagoas, nas proximidades do Autódromo Internacional de Campo Grande.

Cristiano dirigia um Renault Logan, e, segundo a denúncia, invadiu a pista contrária e bateu de frente com a Honda Twister conduzida por Wellington Gonçalves da Silva tendo como passageira Michele de Lima Pontes.

Os dois ocupantes da moto morreram na hora. O motorista do carro de passeio fez exame de alcoolemia, o qual apontou embriaguez, estava sem a CNH e foi preso em flagrante, sendo solto dois meses depois.

Conforme a sentença de pronúncia, o teste de alcoolemia e o relato de testemunhas indicaram a embriaguez. Em depoimento, Cristiano disse que sua CNH estava apreendida porque havia sido flagrado dias antes pilotando moto com capacete inadequado.

“.. em razão das somatórias de todos estes fatores [embriaguez, falta da CNH] o resultado produzido (acidente resultando a morte das vítimas) era previsível e mesmo assim, o acusado prosseguiu com a sua conduta, assumindo, desta forma, o risco decorrente dela”, diz o magistrado ao justificar a acusação de homicídio doloso.

A defesa pede a desqualificação do crime para homicídio culposo (sem intenção de matar). O processo agora está sob análise da defesa. Somente depois será marcada a data do julgamento.

Motociclista que seguia no acostamento escapa por pouco de acidente
O flagrante na BR-163 foi enviado por uma leitora através do canal Direto das Ruas. A TV News esteve no local e constatou diversas irregularidades....
Adolescente que colidiu em caminhão estava com moto irregular
Rapaz de 16 anos ficou ferido ao furar um sinal vermelho e bater em um caminhão na manhã desta terça-feira....



Ninguém mata no transito por querer, com intenção. Quando você dirige embriagado, passa no sinal vermelho, ultrapassa na faixa continua, excede a velocidade, para na pista, não sinaliza a manobra e provoca uma acidente com morte, mata alguém, é lógico que foi sem querer, sem intenção, ninguém acha que vai matar alguém fazendo isso, o problema é que está morrendo muita gente sem querer, e quando você pratica alguma dessas atitudes, você está assumindo as conseqüências desta atitude: DOLO EVENTUAL. Mas apesar de tudo eu acho que deveríamos ter penas maiores para quem mata sem querer com essas atitudes.
 
jose antonio em 24/06/2011 10:26:31
Se bebeu e dirigiu, assumiu o risco do acidente. Homicídio culposo, sem direito a qualquer apelação.
 
Daniel Francelino da Silva em 24/06/2011 09:54:59
A defesa tem que deixar de brigar por um irresponsável, que assume a direção de um veículo para matar pessoas.
 
Luciano S. Silgero em 23/06/2011 07:04:35
Com certeza a defesa vai reverter esta situação, pq já tivemos vários caso c/ esta mesma situação e todos foram revertido pra culposo, portanto a punição é branda.
 
Felipe Salinas em 23/06/2011 03:50:02
Qualquer pessoa que conduz qualquer que seja o veiculo alcoolizado tem plena conciência de que pode tirar a vida de alquém,e a dele própria.
 
Léa Márcia de Lima em 23/06/2011 02:36:15
este infeliz tem que pagar na cadeia ,pega um carro sem noçoes de leis de transito
e bebe todas sai dirigindo sem prudencia algumas e habilidade so no alcool, acha que
e melhor que os outros condutores nas vias podando todos mundo e andando contra a
mao de direçao e matado ainda inocente,
 
elias oliveira em 23/06/2011 02:14:10
ATE QUE ,UM DIA JUSTIÇA SEJA FEITA,ESSE PAÍS ESTAR COMEÇANDO MOSTRA QUE AS LEIS ,NÃO FICAM APENAS NO PAPEL......................................
 
DR.ADÃO DE ARRUDA SALES em 23/06/2011 01:46:07
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions