A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

31/05/2016 09:10

No último dia de “maio amarelo”, queda de 57% nas mortes no trânsito

Fernanda Mathias
Acidentes com mortes diminuíram, mas com feridos continuam muitos, segundo Batalhão de Trânsito (Foto: Marcos Ermínio)Acidentes com mortes diminuíram, mas com feridos continuam muitos, segundo Batalhão de Trânsito (Foto: Marcos Ermínio)

No último dia de mês e da campanha “Maio Amarelo”, a queda no número de mortes no trânsito de Campo Grande anima o BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) que até está manhã registrou três casos nos locais de acidente, dentro do perímetro urbano. Em abril foram onze mortes e comparado a maio do ano passado, quando ocorreram sete óbitos, a queda é de 57%.

Veja Mais
Mulher morta atropelada por picape na João Arinos tinha 45 anos
Vídeo mostra momento em que carro atinge motociclista no Pioneiros

 “Houve um forte engajamento da sociedade e também acreditamos que haja influência dos dias frios e chuva, uma vez que a maioria das vítimas são motociclistas”, explica o comandante do Batalhão, tenente-coronel Renato Tolentino Alves.

Tolentino acredita que a forte adesão das escolas e ações educativas tenham exercido papel fundamental, mas alerta que o número de acidentes com pessoas feriadas continua alto. Com o fim de maio, o BPtran deve voltar a intensificar as ações de blitze repressivas.

Ele reforça que um dos principais vilões hoje no trânsito é o uso do aparelho celular ao volante. “Em muitos casos fica claro que o condutor estava fazendo o uso do celular, embora não haja comprovação”.

Menina de 8 anos foi atropelada dia 11 no Jardim Aeroporto (Foto: Silas Lima)Menina de 8 anos foi atropelada dia 11 no Jardim Aeroporto (Foto: Silas Lima)

Mortes – No dia 11 de maio, Emmanuelly Vitória Martins, 8 anos, foi atropelada quando saía de bicicleta de um mercado em direção a sua casa, no Jardim Aeroporto e não resistiu.
Já na madrugada do dia 21, Lucas Miguel Lopes Maldonado, 18 anos, que pilotava uma moto faleceu ao atingir um carro no cruzamento das Ruas Ana Luíza de Souza com a Barão de Itapetininga, no Bairro Pioneiros.

Na madrugada do dia 22, Marinalva da Silva Verão, 45 anos, foi atropelada por uma picape na Avenida Ministro João Arinos, na entrada do Jardim Noroeste.

Rodovia – Além das três mortes na área urbana, também houve acidente com morte fora em rodovia, ainda em Campo Grande. No último domingo, dia 29, Maria Aparecida Luzzi dos Santos, 36 anos, que era passageira de motocicleta pilotada pelo marido, morreu na BR-262. O boletim de ocorrência informava que o condutor estava embriagado.

Na mesma rodovia, também na Capital, o idoso Rui Boeira Soares, 90 anos, faleceu na madrugada de ontem (30), quando a camionete em que estava capotou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions