A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

26/10/2016 19:05

Chuva de meia hora faz estragos e previsão é de mais tempestades

Christiane Reis
Trecho da Avenida Consul Assaf Trad ficou alagada. (Foto: Marcos Ermínio) Trecho da Avenida Consul Assaf Trad ficou alagada. (Foto: Marcos Ermínio)

Em 31 minutos choveu 25,4 milímetros em Campo Grande nesta quarta-feira (26), o que está dentro do esperado, segundo informações do meteorologista da Uniderp, Natálio Abrahão. No entanto, os ventos chegaram a 48,6 km/h e a combinação de muita água mais ventos fortes causaram enxurradas que arrastaram carros em pelo menos duas regiões da cidade. Árvores também foram derrubadas e muitas ruas ficaram parcialmente alagadas.

Veja Mais
Carros são arrastados pela enxurrada em dois bairros de Campo Grande
Chuvas e ventos fortes atingem Campo Grande na tarde desta quarta

Segundo o meteorologista, a previsão é mais chuva. “Esta é uma época de muita chuva forte, com pancadas, raios e ventos. Será assim até fim de fevereiro. Chuva acima de 20 milímetros é muita chuva”, diz. Para Abrahão, a cidade precisa estar preparada para não sofrer com enchentes.

Para quinta-feira (27), segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), a previsão é de pancadas de chuva no período da manhã e tempo parcialmente nublado à tarde e à noite na Capital. Os termômetros registram mínima de 17º C e máxima de 27º C.

Chuvarada – A tarde em Campo Grande foi de muitos transtornos, sobretudo no trânsito. Na Vila Célia, carros que estacionados na Rua Espírito Santo foram arrastados em direção à Avenida Mato Grosso.

Na Humberto de Campos, também na região da Vila Célia, três carros também foram arrastados, um deles por meia quadra e só parou porque bateu em uma caçamba. O carro teve os pneus estourados e pequenas avarias.

“Fiquei apavorada, o carro de uma amiga minha quase foi levado também”, disse Leidiane da Mata, 32 anos, que trabalha como auxiliar de consultório. O carro que bateu na caçamba é da dentista com quem ela trabalha.

Segundo ela, a enxurrada cobriu o carro até a altura das rodas do veículo. Pedaços de asfalto também foram arrastados pela enxurrada.

Na Avenida Júlia Maksoud, Monte Castelo, segundo leitores do Campo Grande News, dois carros tentaram atravessar a enxurrada, foram arrastados e caíram em bueiro, moradores do Condomínio José Pedrossian ajudaram a retirar os veículos do local

A Avenida Consul Assaf Trad, na altura do Terminal Nova Bahia, ao norte da cidade, também teve trecho encoberto pela água. Alguns carros arriscaram-se a atravessar, enquanto outros motoristas seguiam pela contramão e até sobre o canteiro da via.

Segundo a Defesa Civil, houve pelo menos duas árvores caídas, uma no cruzamento das ruas Paraíba e Euclides da Cunha, no Jardim dos Estados, e na Rua 13 de Maio com a Rua São Paulo, região central.

Na Avenida Três Barras, região do Vilas Boas, o painel publicitário de uma padaria caiu. Ninguém ficou ferido e o local seguiu funcionando normalmente.

Motociclista tentou enfrentar a enxurrada. (Foto: Marcos Ermínio)Motociclista tentou enfrentar a enxurrada. (Foto: Marcos Ermínio)
Alagamento na região da Vila Célia. (Foto: Alcides Neto)Alagamento na região da Vila Célia. (Foto: Alcides Neto)
Carro arrastado só parou porque bateu em uma caçamba. (Foto: Alcides Neto) Carro arrastado só parou porque bateu em uma caçamba. (Foto: Alcides Neto)
No Monte Castelo, carros também foram arrastados. (Foto: Direto das Ruas)No Monte Castelo, carros também foram arrastados. (Foto: Direto das Ruas)



E nada vai mudar. Entra prefeito, sai prefeito e a incompetência e falta de vontade é o que sobra para população. Amanhã talvez, um ou os dois, prometam mais alguma coisa.
 
Bey em 26/10/2016 19:46:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions