A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

11/03/2013 17:07

Policial de Três Lagoas foi morto pelo sobrinho, foragido do semiaberto

Nadyenka Castro e Helton Verão
Cleverson foi preso pelo Garras quando fugia para a fronteira. (Foto: Vanderlei Aparecido)Cleverson foi preso pelo Garras quando fugia para a fronteira. (Foto: Vanderlei Aparecido)
Cleverson é sobrinho do policial militar aposentado. (Foto: Vanderlei Aparecido)Cleverson é sobrinho do policial militar aposentado. (Foto: Vanderlei Aparecido)

O policial militar aposentado Otacílio de Oliveira, de 60 anos, morto na noite do último dia 6 a tiros, foi assassinado pelo próprio sobrinho, 27 anos mais novo. Cleverson Messias Pereira dos Santos, 33 anos, que já esteve preso por extorsão e sequestro, já foi transferido para Penitenciária Federal de Catanduvas, estava foragido e agora voltou à prisão. A Polícia investiga a motivação do crime.

Veja Mais
Suspeito de matar PM aposentado em Três Lagoas é preso pelo Garras
Sobrinho é suspeito de ser o mandante da execução de PM em Três Lagoas

Otacílio foi assassinado quando chegava na casa dele pilotando a moto que utilizava para o trabalho como mototaxista. Ele foi abordado por vários bandidos e alvejado por dois tiros nas pernas e dois no abdômen. Cleverson já era suspeito desde o início da investigação.

Ele e outros envolvidos no crimes já foram identificados. Um deles, Wellington Rosa da Silva, de 30 anos, o "Bodão", que estaria dando cobertura aos assassinos, foi morto em confronto com a PM (Polícia Militar), em Três Lagoas, no dia seguinte ao homicídio.

João Carlos Olegário da Silva, 19 anos, conhecido por “AK”, “Coruja” ou “Sensação”, foi preso no fim de semana, em Presidente Prudente, interior de São Paulo, pela Polícia Civil.

De acordo com o Garras (Delegacia Especializada em Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), ele confessou a participação na execução do policial e apontou o envolvimento de mais três comparsas. Segundo a Polícia, João declarou que utilizou um, revólver calibre 38 e os demais pistolas 9 milímetros e 380. Ele já tem passagem por tráfico de drogas.

Cleverson foi preso na tarde desta segunda-feira, em Terenos, em uma Van, quando seguia para a região de fronteira com a Bolívia. Ele estava foragido do Centro Penal Agroindustrial da Gameleira, presídio de regime semiaberto onde terminava de cumprir a pena por extorsão e sequestro.

Agora, a Polícia vai interrogar Cleverson para esclarecer a motivação do assassinato. Há suspeitas que o crime pode ter sido por ordem de facção criminosa. Investigação revelou que o bando estaria articulando o assassinato de policiais no Estado.

Cleverson já esteve preso no Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, de lá foi transferido para Penitenciária Federal de Catanduvas, Paraná, junto com outros detentos. No grupo havia lideranças de facção criminosa.

Veja Também
Suspeito de matar PM aposentado em Três Lagoas é preso pelo Garras
Um dos envolvidos na execução do policial militar aposentado, Otacílio de Oliveira, de 60 anos, morto a tiros em Três Lagoas, foi preso pelo Garras (...
Sobrinho é suspeito de ser o mandante da execução de PM em Três Lagoas
O sobrinho do policial aposentado Otacílio Pereira de Oliveira, de 60 anos, executado a tiros na noite de quarta-feira (6), em Três Lagoas, é suspeit...
Quatro homens são procurados por execução de policial em Três Lagoas
As polícias Civil e Militar estão realizando diligências a procura de quatro homens suspeito de matarem a tiros o policial militar aposentado Otacíli...
Policial militar aposentado é morto a tiros em Três Lagoas
Um policial militar aposentado foi executado a tiros por volta das 23h30 de ontem, no bairro Osmar Dutra, em Três Lagoas. De acordo com a Polícia, a ...


Essa tal de progressão penal é uma m..., como que um bandido que já esteve até no presídio federal, sabidamente integrante de uma facção conhecida nacionalmente, é transferido para o sistema semiaberto???
 
Kaio Gleizer em 12/03/2013 07:41:15
imagem transparente

Desenvolvido por Idalus Internet Solutions