A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

10/06/2015 13:17

Agentes comunitários recebem capacitação durante Caravana

Priscilla Peres
Capacitação foi ministrada para 200 agentes. (Foto: Notícias MS/Governo do Estado)Capacitação foi ministrada para 200 agentes. (Foto: Notícias MS/Governo do Estado)

A Caravana da Saúde chegou a Três Lagoas - distante 338 km da Capital, com a previsão de realizar 2.200 cirurgias oftalmológicas e 6 mil consultas durante 10 dias. Hoje, 200 profissionais participaram de capacitação sobre as principais ações voltadas aos cuidados contra a dengue, chukungunya e zika além de trabalhos voltados à vigilância ambiental.

Veja Mais
Cidade recebe ônibus da Justiça Itinerante nos dias 13 e 14 deste mês
Com atendimento oftalmológico, Caravana da Saúde registra 550 pacientes hoje

Para o coordenador de controle de vetores da Secretaria de Estado de Saúde (SES) Gilmar Ribeiro, a capacitação tem como principal objetivo reforçar as ações realizadas pelos agentes junto à população, além de esclarecer duvidas sobre doenças que possam chegar a Mato Grosso do Sul.

“Os agentes atualmente buscam não apenas vistoriar residências e conscientizar os moradores como também informar até mesmo as crianças para que os cuidados a doenças como a dengue sejam uma preocupação de todos. A capacitação nos dá mais informações para que possamos reforçar as ações a cada visita”, destacou Edvalcir Wagner Neres, que atua há 16 anos como agente de endemias em Água Clara.

Para a agente comunitária de saúde Juliana Tramarim, a proximidade com a população é muito importante para que cada vez mais a conscientização sobre doenças como a dengue e chikungunya possam registrar redução de casos.

A Oficina para Agentes faz parte da programação da Caravana da Saúde e já passou pelo município de Bataguassu, com a participação de mais de 70 agentes. A Oficina é direcionada aos profissionais que atuam nos municípios da microrregião de Três Lagoas: Água Clara, Bataguassu, Selvíria, Santa Rita do Pardo e Brasilândia.

“O objetivo da capacitação é trabalhar junto aos agentes de saúde a conscientização da população sobre os cuidados a serem tomados contra a dengue, chikungunya e o vírus zika. Mostramos para eles dados e informações sobre como lidar com este tipo de doença e sua prevenção”, afirmou Gilmar.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions