A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

17/11/2014 16:53

André compara obras a filhos e diz que vai deixá-las para "padrasto" entregar

Helio de Freitas, de Dourados
Em Dourados, onde assinou ordem de serviço para construção de hospital, governador disse que está cobrando as empreiteiras para ter “o direito de batizar os filhos” (Foto: Eliel Oliveira)Em Dourados, onde assinou ordem de serviço para construção de hospital, governador disse que está cobrando as empreiteiras para ter “o direito de batizar os filhos” (Foto: Eliel Oliveira)

O governador André Puccinelli (PMDB) disse hoje em Dourados, a 233 km de Campo Grande, que tem cobrado insistentemente das empreiteiras a conclusão do maior número possível de obras para que possa entregar antes de 31 de dezembro, quando encerra o mandado. Entre as obras, ele citou a duplicação da Avenida Guaicurus em Dourados e a pavimentação da MS-040, entre Campo Grande e Santa Rita do Pardo.

Veja Mais
Com novo hospital, Dourados espera mais dinheiro do Estado para atender região
André autoriza dia 17 construção de hospital que vai atender 34 municípios

Ao assinar a ordem de serviço para a construção da primeira etapa do Hospital Regional de Dourados, com a liberação de R$ 19,9 milhões, ele comparou as obras à gestação de uma criança e disse que quer ter o direito de batizar os filhos.

“A duplicação da Guaicurus, sou obrigado a deixa-la 90% pronta, aí vem o bonitinho e inaugura. Mas eu sou o pai da criança. Tive uma noite de amor, acompanhei todo o pré-natal, os ultrassons, aí quando falta uma semana para o nascimento o pai morre. Vem o padrasto e fala: eu sou o pai. Eu quero terminar a obra e vir aqui para entregar”, afirmou André, no auditório da prefeitura, que estava lotado.

Entre os presentes estavam o prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), prefeitos de municípios da região, o deputado federal Geraldo Resende (PMDB) e o deputado estadual George Takimoto, que viabilizou a doação da área, feita pelo empresário Adão Parizoto, para a construção do hospital.

André não citou o governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB), que assume o Estado em 1º de janeiro, mas a duplicação da Avenida Guaicurus e outras obras em andamento só devem ser concluídas no próximo governo.

Hospital Regional – Ao assinar a ordem de serviço junto com os prefeitos presentes ao ato, André Puccinelli afirmou que os R$ 19,9 milhões para a primeira etapa são recursos do cofre estadual e disse que os R$ 17 milhões prometidos pelo governo federal para a obra ainda não foram liberados. “Espero que nossos deputados continuem cobrando o ano que vem para que esse dinheiro seja liberado”.

Os recursos federais foram incluídos no orçamento da União pelo deputado federal Marçal Filho (PMDB), que não conseguiu se reeleger.

A primeira etapa inclui a construção de estrutura para 120 leitos, mas o projeto total prevê um hospital com 250 leitos, para atender Dourados e outros 33 municípios da região. A unidade será construída em uma área de 50 mil metros quadrados, na saída para Ponta Porã. O governador rebateu críticas locais de que o hospital fica longe e afirmou que o local é adequado, prevendo o crescimento da cidade para aquela região.

Takimoto, Geraldo Resende, o secretário de Saúde de Dourados Sebastiao Nogueira e o prefeito Murilo, que falaram antes de André, fizeram agradecimentos ao governador pelas obras construídas na cidade, entre as quais a Perimetral Norte, que desviou do perímetro urbano boa parte do tráfego de caminhões, a duplicação da MS-156, entre Dourados e Itaporã, e a duplicação em andamento da Avenida Guaicurus.

Faltando 44 dias para terminar o segundo governo, André também adotou tom de despedida em seu discurso, prometeu voltar a Dourados antes de encerrar o mandato, agradeceu pelo apoio e foi convidado pelo prefeito para visitar Dourados depois que deixar de ser governador. “Mato Grosso do Sul ainda precisa muito do seu apoio”, disse Murilo Zauith, que foi vice de André de 2007 a 2010.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions