A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

21/11/2014 10:01

Criminosos atacam nos bairros e assaltam até quem toma tereré em frente de casa

Helio de Freitas, de Dourados

A onda de assaltos em Dourados, a 233 km de Campo Grande, está assustando os moradores da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul. Os bandidos estão agindo também nos bairros residenciais mais afastados do centro. Na noite de ontem, seis pessoas ficaram na mira de armas de assaltantes, entre elas um rapaz que tomava tereré em frente de casa.

Veja Mais
Onda de assaltos deixa moradores em alerta em bairro nobre da Capital
Após 4 assaltos em menos de um 1 ano, loja é vítima de nova tentativa

De acordo com os boletins de ocorrência registrados no plantão do 1º Distrito Policial, cinco assaltos ocorreram no intervalo de pouco mais de uma hora na noite desta quinta-feira e em pelo menos dois deles os assaltantes tinham características semelhantes e estavam numa moto escura. Além de documentos pessoais, celulares e dinheiro, os criminosos roubaram uma caminhonete e uma moto.

O primeiro assalto ocorreu na rua João Vicente Ferreira, no Jardim Paulista, área residencial nobre da cidade. Conforme a denúncia feita na polícia, um comerciante de 37 anos conversava com um amigo, de 41, em frente da casa quando a dupla de moto chegou e rendeu os dois homens.

Sob a mira de armas, os amigos foram levados para o interior da casa e deixados trancados. Os assaltantes fugiram com dois telefones celulares e a caminhonete do comerciante, uma VW Amarok cor branca, placa OOI-1020, que custa cerca de R$ 100 mil.

Alguns minutos depois, na Vila Aurora, região oeste da cidade, duas amigas foram assaltadas quando voltavam da faculdade e tiveram de entregar os aparelhos de celular. Elas relataram à polícia que caminhavam pela rua Cornélio Cersózimo de Souza quando foram abordadas por dois criminosos.

O terceiro assalto da noite ocorreu no Jardim Rasselen, na região sul, saída para Ponta Porã. Um vendedor de 29 anos tomava tereré em frente de casa, na rua Rouxinol, quando dois assaltantes de moto chegaram armados e o mandaram entrar na residência.

A mãe do vendedor também estava na casa. Ela e o filho foram obrigados a ficar abraçados enquanto os assaltantes fugiam, levando uma moto Yamaha XTZ cor preta, placa HSP-3514, três telefones celulares um telefone fixo, três cartões de banco e R$ 760 em dinheiro.

Também na noite de ontem, duas farmácias localizadas nos bairros Santo André e Água Boa foram alvos de assaltantes e a suspeita da polícia é que os dois roubos tenham sido cometidos pelos mesmos criminosos. O montante em dinheiro levados desses estabelecimentos não foi divulgado.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions