A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

15/11/2016 08:19

Ladrão morto por bombeiros no sábado deu nome falso ao ser socorrido

Renata Volpe Haddad

O jovem morto por um bombeiro na tarde de sábado (12) após tentar roubar uma dupla de universitários, deu o nome falso aos militares. O caso aconteceu em Corumbá, distante 419 km de Campo Grande.

Veja Mais
Ladrão atingido por tiros disparados por bombeiros morre em hospital
Jovem de 18 anos é baleado e preso ao tentar assaltar estudantes

Segundo informações do site Diário Corumbaense, ao chegar na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Guató, o jovem deu o nome de Murilo Pedroza da Silva, 18 anos.

Porém, a mãe dele, afirmou que o filho se chamava Alexandre Pedroza da Silva e tinha 25 anos. Murilo é o irmão mais novo dele.
Alexandre tinha passagens pela polícia, mas não foi divulgado quais.

Caso - Na tarde de sábado (12), bombeiros do 3º GBM deram apoio a uma universitária, que havia sido vítima de tentativa de assalto, por volta das 16 horas.

Ela pediu ajuda aos militares, no quartel, logo após a tentativa de roubo. Uma equipe do 3º GBM saiu em perseguição ao acusado e conseguiu localizá-lo. Ferido na perna e no quadril, foi baleado após atirar em direção à guarnição que o socorreu. Anderson morreu enquanto recebia atendimento médico emergencial.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions