A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

26/04/2013 10:55

Três municípios do Estado são reconhecidos como área de situação de emergência

Luciana Brazil
Porto Murtinho teve 80% das propriedades rurais isoladas. (Foto:Toninho Ruiz e Hildebrando Procópio) Porto Murtinho teve 80% das propriedades rurais isoladas. (Foto:Toninho Ruiz e Hildebrando Procópio)

Os municípios de Anastácio, Bela Vista e Porto Murtinho foram reconhecidos pela Secretaria Nacional de Defesa Civil como área em situação de emergência devido às chuvas que atingiram a região. A determinação foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

Veja Mais
Cidades do MS terão verba federal para cobrir prejuízos com chuvas
Abril tem recorde de chuva e já registra dobro do previsto para o mês

Com a decisão, os municípios vão receber recursos do Governo Federal para recuperar as cidades dos estragos causados pelas "águas de abril". Anastácio e Bela Vista, distantes a 135  e 322 quilômetros de Campo Grande, respectivamente, foram classificados como municípios que sofreram inundações. Porto Murtinho, a 431 km da Capital, foi classificado como alagamento.

Ao todo, 30 municípios do país foram reconhecidos em situação de emergência pelo secretário nacional da Defesa Civil, Humberto de Azevedo Viana Filho. Entre eles, sete são de Minas Gerais, cinco da Bahia, quatro do Mato Grosso, três do Paraná, dois do Piauí, Rio Grande do Norte e Alagoas, e um de Goiânia e do Amazonas. Algumas cidades sofrem com a seca.

A liberação da verba federal para cobrir os prejuízos causados pela chuva foi anunciada na quarta-feira (17). Estima-se que em Mato Grosso do Sul os prejuízos possam chegar a R$ 15 milhões.

Na semana passada, a ajuda do Governo Federal foi confirmada em reunião entre o secretário nacional da Defesa Civil e a bancada sul-mato-grossense, coordenada pelo senador Waldemir Moka (PMDB), em Brasília.

Na ocasião, os prefeitos também participaram da reunião, e ressaltaram os problemas enfrentados nos municípios. Para receber os recursos, as prefeituras tiveram que entregar uma documentação. A triagem dos documentos foi feita pelo gabinete do senador Moka.

Dos 13 municípios que pediram ajuda ao governo federal - Anastácio, Aquidauana, Batayporã, Bela Vista, Bonito, Caracol, Cassilândia, Chapadão do Sul, Deodápolis, Miranda, Naviraí, Nioaque e Porto Murtinho- apenas três foram contemplados.

Chuva: Um das cidades mais castigadas pela chuva, Porto Murtinho, teve prejuízo de aproximadamente R$ 10 milhões. As chuvas isolaram 80% das propriedades rurais do município, a 431 km de Campo Grande. Mais de 300 famílias ficaram desabrigadas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions