A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

04/11/2016 11:40

Ministério divulga lista do Enem e Paranaíba segue com data adiada

UFMS em Três Lagoas também está invadida

Yarima Mecchi
Campus da UFMS também está ocupado. (Foto: Direto das Ruas)Campus da UFMS também está ocupado. (Foto: Direto das Ruas)

Por conta da invasão no campus da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) em Paranaíba - distante 407 km de Campo Grande - no dia 28 de outubro que se estende até hoje o MEC (Ministério da Educação) manteve o adiamento da prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) para 488 alunos que fariam o exame neste fim de semana. Mais 364 unidades escolares tiveram a data do Enem alterada em todo Brasil.

Veja Mais
Fazer Enem depois da maioria não garante nota boa, dizem professores
Justiça Federal nega pedido do MPF para adiar provas do Enem


De acordo com a lista divulgada pelo MEC, ao todo, 240.304 candidatos inscritos no Enem farão as provas nos dias 3 e 4 de dezembro. Mesmo invadido o campus da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, não está na lista divulgada nesta sexta-feira (4).

No Estado há 296 locais de provas e apenas um conta na lista do MEC com data adiada para a realização da prova. O campus da UEMS em Paranaíba é o único que teve a data alterada. Os demais participantes farão as provas normalmente neste fim de semana, sábado (5) e domingo (6). Em todo Brasil são 139 cidades com invasão em 19 estados.

A administração da UEMS, se reúne na próxima segunda-feira (7) com o Ministério Público Estadual, lideranças do movimento e acadêmicos com o objetivo de restabelecer as aulas. A reunião estava agendada para hoje, mas foi adiada a pedido do MPE.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions